IRS – Falhas na página das deduções? Como corrigir deduções do IVA e Despesas Gerais

Escrito por Pedro Andersson

18.03.19

}
4 min de leitura

Publicidade

O prazo para corrigir estas duas categorias de deduções acaba dia 31 de Março


Falta uma semana e meia para reclamar de qualquer valor que esteja mal nas Despesas Gerais Familiares e/ou nas Deduções com Exigência de IVA (restaurantes, oficinas, cabeleireiros, veterinários e passes sociais). Se não o fizer, pode estar a prejudicar o seu IRS.
Se deixar passar este prazo que acaba dia 31 de Março, perde definitivamente o valor correspondente ao erro nas suas deduções no IRS. Ou seja, vai receber menos esse dinheiro de reembolso ou vai pagar mais de imposto. Por isso é muito importante.

Mas isso deve ser muito complicado…

Não, não é.  Explico passo-a-passo como se faz. Tenho lido em muitos lados (e eu próprio tenho dito que essa reclamação se faz através do e-balcão, que é um link no Portal das Finanças). Era a informação que tinha. Mas fui confirmar outra vez. Liguei para a linha de apoio ao Contribuinte para ter a certeza. É o 217 206 707.
Mas neste caso acho que é mesmo informação útil, porque nunca vi esta explicação em lado nenhum.
O que a simpática funcionária das Finanças me explicou (e foram rápidos a atender – nem cheguei a ouvir música) é que é através do “Contencioso” e não através do e-Balcão. Até pode depois funcionar, mas pode não chegar a tempo do IRS. Faltam menos de 15 dias para começar a entregar o IRS.

Reclamar passo-a-passo

Vai ao Portal das Finanças, e no motor de busca escreve “contencioso”.

Nos resultados, escolhe a primeira opção.

A seguir, escolhe a opção “Reclamações de Despesas para Deduções à Coleta”.

Depois, tem de escolher “Pesquisar”, para saber que valores é que a AT tem sobre este número de contribuinte.

 
Aparecem-lhe os dois valores que pode reclamar até dia 31 de Março. Se faltam alguns meses nos passes sociais, algumas faturas de restaurantes e de cabeleireiros ou outras, ao valor que lá aparece ACRESCENTA o valor que está em falta. Tem de selecionar qual é o tipo de despesa que está a reclamar, colocando uma cruzinha.

Depois, no retângulo “Fundamentos” coloca a descrição das faturas que acrescentou, explica a situação e guarda essas faturas durante 4 anos para o caso de ser chamado para uma inspeção. Envia e já está. Esse novo valor que acabou de introduzir é o que aparecerá no IRS quando o entregar em Abril. Quer dizer, só vai aparecer depois na nota de liquidação porque estas duas categorias de Deduções não vão estar visíveis no IRS pré-preenchido do Modelo 3. No IRS Automático, em princípio aparece.
Tem aqui abaixo um caminho alternativo para chegar ao mesmo formulário. É ir a “Serviços” no Portal das Finanças e encontrar esta linha. Depois, é tudo igual.

Portanto, como vê, afinal é mais simples do que parece. Parece-me que o modelo que descrevi é semelhante ao alterar os valores no modelo 3 na altura da entrega do IRS. A AT confia nos valores que lá colocarmos. O contribuinte, para o melhor e para o pior, é responsável pelos valores que lá coloca. Creio que será uma coisa mais ou menos automática. Ao contrário do e-balcão em que algum funcionário terá de ler a sua mensagem e agir em conformidade. Assim já fica feito.
Bom IRS!
 

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.

Se quiser um resumo claro e prático das dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”. É só clicar AQUI abaixo.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

ÚLTIMO AVISO | Já só tem 1 dia para validar as suas faturas para o IRS!

Já validou as faturas pendentes de TODO o seu agregado familiar? Já só tem até amanhã (meia-noite de segunda-feira, dia 26 de fevereiro de 2024), para validar as suas faturas pendentes do portal e-fatura. É muito importante que o faça. Quando fui ver o e-fatura dos...

CRIPTOMOEDAS | Estou a ganhar ou a perder dinheiro? (Mês #26 – Fevereiro 2024)

O meu investimento em Criptomoedas - Balanço de Fevereiro de 2024 Cá estou eu para fazer mais um balanço do meu "investimento" em criptomoedas. Tenho algum dinheiro em Ethereum, que comprei através da plataforma Binance. Quero antes de mais relembrar que está em ampla...

Prémio Salarial | Formulário para fazer pedido já está disponível

Jovens têm até 31 de Maio para fazer o pedido de devolução de propinas, mas tempo de espera é elevado Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes No final do ano passado, o Governo anunciou uma medida que previa a devolução de propinas aos jovens que tivessem entrado...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três meses, mas sobem a seis e 12 meses

Euribor desce a três meses, mas sobe nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (26 de fevereiro a 03 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três e seis meses, mas sobem a 12

Euribor Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um...

Cheque + Digital | A Lista das entidades que têm cursos de formação digital “grátis” (até 750 €)

A lista das entidades certificadas elegíveis para o apoio dos 750 € Antes que comecem a chover as críticas, relembro que coloquei "grátis" entre aspas porque vai ter de pagar primeiro o curso, ou cursos, do seu próprio bolso, mas depois esse dinheiro é devolvido pelo...

Painel solar fotovoltaico – Balanço Janeiro de 2024 (Mês #86)

Balanço de Janeiro de 2024 Janeiro foi um mês anormalmente baixo. No que diz respeito à produção de eletricidade, os primeiros meses do ano já são de recuperação e de aumento progressivo até atingir novamente o pico no Verão. Enfim, houve apenas uma maior sucessão de...

PODCAST | #216 – Vamos a contas | Quase não fiz descontos para a Segurança Social, qual vai ser a minha reforma?

Esta ouvinte do podcast (que quer ficar anónima) tem apenas 29 anos de descontos para a Segurança Social. Trabalha muito e recebe o seu salário, mas os "patrões" recusam-se a fazer descontos para a Segurança Social. Ela tem 64 anos e está muito preocupada com a...

Arrendamento | Rendas acessíveis alargadas a quem tem rendimentos mais altos

Limite de rendimentos máximos anuais para aceder a apoios ao arrendamento foi alargado para abranger mais cidadãos O valor máximo de rendimento anual para aceder ao Programa de Apoio ao Arrendamento foi aumentado, de acordo com uma portaria publicada em Diário da...

Publicidade

Artigos relacionados

35 Comentários

  1. Helena Braz Galvão

    Boa noite, tenho uma duvida e não sei se me podem ajudar. No mês de Março de 2018, recebi uma Compensação Pecuniária Natureza Global Isenta inferior a 6500€, logo esse valor não entra para os cálculos do IRS 2018? Obrigada desde já pelo esclarecimento.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Lamento não sei
      Ligue por favor 217 206 707

      Responder
  2. Mariana Teixeira

    Boa noite.
    Obrigada por todas as explicações.
    Mas tenho uma dúvida.
    Tenho um seguro de saúde e já no ano anterior apareceu a despesas no geral em vez de saúde. O que posso fazer para alterar visto que não me deixa alterar no site. A msg é sempre a mesma, o CAE não entra em saúde!
    Obrigada.

    Responder
  3. João Guimarães

    Boa noite gostava saber como fazer meu irs a renda da casa nao aparece aue devo fazer?

    Responder
    • Ana Catarina Veiga

      Pois no meu caso também não me aparecem os recibos das rendas, será que devo de reclamar estes valores agora ou posso fazer depois manualmente? é que já o ano passado o mesmo aconteceu, e fi-lo manualmente, este ano como mudou tanta coisa, estou na dúvida.

      Responder
  4. oscar

    Pode parecer descabida a pergunta, mas o prazo para reclamar termina dia 31 de março. É um facto!
    Contudo, no e-fatura, nas despesas de Saúde, por exemplo, indica-se que ainda não contemplam os valores das taxas moderadoras. Ora como poderemos corrigir se não sabemos ainda se os valores que a AT possui, neste caso da Saúde?
    Obrigado

    Responder
  5. Teresa RIBEIRO

    Boa tarde,
    Quando o senhorio passa recibos de
    renda electrónicos, não deviam aparecer na página das deduções?
    Muito obrigada pela colaboração e pelo excelente servico publico prestado.
    Teresa Ribeiro

    Responder
  6. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    Em relação às despesas dos seguros de saúde, como devo proceder? Obrigada.

    Responder
  7. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    O seguro de saúde não aparece, como devo proceder? Obrigada.

    Responder
  8. Elisabete Garcês

    Boa tarde
    Como posso colocar o seguro de saúde? Obrigada.

    Responder
  9. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    O seguro de saúde continua sem aparecer como faço? Obrigada.

    Responder
  10. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    Em relação ao seguro de saúde como fazer? Obrigada.

    Responder
  11. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    Em relação ao seguro de saúde? Obrigada.

    Responder
  12. Elisabete Garcês

    Boa tarde,
    Em relação à saúde (seguro)? Obrigada.

    Responder
  13. Adalgisa Garcez

    Boa tarde,
    Em relação à saúde (seguro)? Obrigada.

    Responder
  14. Adalgisa Garcez

    Boa tarde,
    Em relação à saúde (seguro)? Obrigada.

    Responder
  15. Sandra

    Recebi hoje um email das finanças a dar conta deste facto e a vossa explicação de como chegar ao formulário é bem melhor do que a do email.
    “Caro(a) Contribuinte,
    A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) informa que está disponível no Portal das Finanças a consulta das despesas para dedução à coleta do IRS de 2018.
    Até 31 de março pode reclamar do cálculo do montante da dedução das despesas gerais e familiares e da dedução pela exigência de fatura.
    Para reclamar, aceda ao Portal das Finanças, pesquise por “Contencioso Administrativo” e selecione “Entregar Despesas para Dedução à Coleta”
    Para informações adicionais, poderá contactar-nos através:
    – Do Centro de Atendimento Telefónico (CAT), pelo número 217 206 707, nos dias úteis, das 09H00 às 19H00; ou do,
    – Portal das Finanças » Contacte-nos » Atendimento e-balcão » Registar Nova Questão » Imposto ou área: “IRS” » Tipo questão: “Rendimentos/Deduções/Taxas” » Questão: “Despesas dedutíveis e-fatura”.
    Com os melhores cumprimentos,
    O Chefe de Finanças”

    Responder
  16. Ana Catarina Abreu

    Boa tarde,
    uma das faturas correspondente a despesas de âmbito profissional não ficou devidamente preenchida no campo correspondente. Como faço para pedir à Autoridade Tributária para que o campo seja alterado?
    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Não domino a área profissional. Contacte 217 206 707

      Responder
  17. Ana Catarina Veiga

    Pois no meu caso também não me aparecem os recibos das rendas, será que devo de reclamar estes valores agora ou posso fazer depois manualmente? é que já o ano passado o mesmo aconteceu, e fi-lo manualmente, este ano como mudou tanta coisa, estou na dúvida.

    Responder
  18. Adilson Monteiro

    Boas Pedro Anderson
    Como é possível ter 600 e tal euros de Dedução a Coleta e não poder receber nada ????

    Responder
  19. Claudia Cacador

    Bom dia. Tenho varios seguros na mesma seguradora. Nas despesas gerais noto que estes valores estao duplicados, valores mensais e anuais. O que tenho de fazer?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Se for só nas despesas gerais pode ignorar não aquece nem arrefece se já atingiu os 250 euros de dedução. Na dedução seguros verifique se está tudo bem. Aí é fundamental estar certo.

      Responder
  20. Adilson Monteiro

    Pois uma boa questão, ele me entregava o Recibo do pagamento só aparecia lá o Desconto da SSocial, neste caso não tenho nenhum desconto no IRS.
    Mas tive sempre a pedir fatura em quase tudo…

    Responder
  21. Paulo

    Boa noite
    O que verificamos na simulação é que qualquer valor introduzido ao nivel de despesas seja um valor em milhares ou em dezenas o valor final a receber/pagar é sempre o mesmo, podera estar aqui um possivel erro da aplicação??
    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. O máximo que recebe é o que descontou, independentemente das despesas que colocar. Será isso?

      Responder
  22. Paulo

    Não neste caso não se trata receber mas de pagar…Resumindo ter despesas de 2000€ ou de 200€ nesta fase da-me sempre um valor a pagar 295€
    Obrigado

    Responder
  23. Maria Costa

    Boa noite. Já preenchi o Irs e estou prestes a ser reembolsada. No entanto o valor a receber é muito inferior ao que apareceu na simulação.
    Posto isto fui rever as despesas declaradas e apercebi-me nas despesas de saúde, que a clinica dentária só declarou 500 € em vez dos 900 que paguei durante o ano de 2018.
    Há alguma hipótese de resolver esta situação? Obrigado pela atenção.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Claro. É entregar outra vez outra declaração com os valores certos. Já agora espere para receber o que já está. Depois eles mandam o resto daqui a uns meses.

      Responder
  24. Joana Machado

    Boa tarde,
    Fiz os somatório das deduções correspondentes a cada tipo de despesa. Ao fazer a simulação, o valor de Deduções à Coleta, não me dá igual. Verifiquei a declaração do meu marido e bate tudo certinho. O que posso fazer?
    Cumprimentos,
    Joana Machado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Para já ligue 217 206 707 das Finanças.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.