Os campeões das reclamações são…

Escrito por Pedro Andersson

18.10.17

}
2 min de leitura

Publicidade

Para quem acha que não vale a pena reclamar

A ANACOM recebeu mais de 37 mil reclamações nos primeiros 6 meses do ano.O número de reclamações subiu 17% em relação ao ano passado, no mesmo período. De acordo com o comunicado da ANACOM acabado de receber, 30 mil são reclamações relativas a comunicações eletrónicas (+13,5%).

MEO tem mais reclamações

Entre janeiro e junho, a MEO foi o operador mais reclamado, sendo responsável por 38,5% das reclamações recebidas pela ANACOM.

NOS em segundo lugar mas quase empatada

A NOS causou 36,2% das reclamações.

Vodafone em terceiro

A Vodafone ficou no terceiro lugar com 19,6% das reclamações.

A NOWO teve “apenas” 4,2% das queixas, mas temos em qualquer dos casos de levar em conta o número de clientes.

As razões de queixa

 

Em todos as empresas, a “Venda do serviço” e o “Cancelamento do serviço”, estão entre os assuntos mais reclamados, representando 14,8% e 13,8% das reclamações, respetivamente. A “Alteração das condições contratuais pelo operador,” que representa 7,3% das reclamações, foi um dos assuntos cujas reclamações mais subiram (+58,5%).

A NOWO e a NOS registaram taxas de reclamações superiores à média no período em análise, 6,1 e 3 reclamações por mil clientes, respetivamente; seguindo-se a MEO, com 1,9 reclamações; e a Vodafone, com 1,4 reclamações por mil clientes.

Entre os prestadores de maior dimensão, a NOS foi o único prestador que viu a sua taxa de reclamações diminuir face ao semestre homólogo.

No mesmo período registaram-se 5.435 reclamações sobre serviços postais, com os CTT à frente. Cerca de 45% das reclamações registadas no 1º semestre estão associadas a problemas na distribuição de envios postais. Os assuntos mais reclamados foram o “Atendimento” (22,6%), o “Extravio/atraso significativo” (14,6%) e a “Falta de tentativa de entrega ao destinatário” (12%).

O tal WAP Billing está a crescer

As reclamações sobre os serviços da sociedade da informação (p.ex. subscrição de serviços ou conteúdos digitais pela Internet), apesar de representarem apenas 3% do total, têm registado um aumento muito expressivo, subindo de 386 no 1º semestre de 2016 para 1.129 reclamações no final de junho de 2017. Falei deste problema nesta reportagem AQUI.

A TDT continua a causar reclamações. Foi alvo de 201 reclamações no 1º semestre. Registou um acréscimo de 57 reclamações.

Vale a pena reclamar?

Como podem ver, as reclamações podem não ter o resultado que gostaríamos mas nenhuma empresa gosta de ser apresentada como tendo os maiores problemas. O simples facto de sabermos isto que vem neste relatório dá força ao consumidor porque obriga as empresas citadas a reverem os seus procedimentos e a melhorarem o apoio ao cliente. Reclame sempre que achar que tem razão. Mas reclame formalmente. Não apenas da boca para fora. Essas reclamações não estão nestes números…

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

ÚLTIMO AVISO | Já só tem 1 dia para validar as suas faturas para o IRS!

Já validou as faturas pendentes de TODO o seu agregado familiar? Já só tem até amanhã (meia-noite de segunda-feira, dia 26 de fevereiro de 2024), para validar as suas faturas pendentes do portal e-fatura. É muito importante que o faça. Quando fui ver o e-fatura dos...

CRIPTOMOEDAS | Estou a ganhar ou a perder dinheiro? (Mês #26 – Fevereiro 2024)

O meu investimento em Criptomoedas - Balanço de Fevereiro de 2024 Cá estou eu para fazer mais um balanço do meu "investimento" em criptomoedas. Tenho algum dinheiro em Ethereum, que comprei através da plataforma Binance. Quero antes de mais relembrar que está em ampla...

Prémio Salarial | Formulário para fazer pedido já está disponível

Jovens têm até 31 de Maio para fazer o pedido de devolução de propinas, mas tempo de espera é elevado Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes No final do ano passado, o Governo anunciou uma medida que previa a devolução de propinas aos jovens que tivessem entrado...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três meses, mas sobem a seis e 12 meses

Euribor desce a três meses, mas sobe nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (26 de fevereiro a 03 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três e seis meses, mas sobem a 12

Euribor Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um...

Cheque + Digital | A Lista das entidades que têm cursos de formação digital “grátis” (até 750 €)

A lista das entidades certificadas elegíveis para o apoio dos 750 € Antes que comecem a chover as críticas, relembro que coloquei "grátis" entre aspas porque vai ter de pagar primeiro o curso, ou cursos, do seu próprio bolso, mas depois esse dinheiro é devolvido pelo...

Painel solar fotovoltaico – Balanço Janeiro de 2024 (Mês #86)

Balanço de Janeiro de 2024 Janeiro foi um mês anormalmente baixo. No que diz respeito à produção de eletricidade, os primeiros meses do ano já são de recuperação e de aumento progressivo até atingir novamente o pico no Verão. Enfim, houve apenas uma maior sucessão de...

PODCAST | #216 – Vamos a contas | Quase não fiz descontos para a Segurança Social, qual vai ser a minha reforma?

Esta ouvinte do podcast (que quer ficar anónima) tem apenas 29 anos de descontos para a Segurança Social. Trabalha muito e recebe o seu salário, mas os "patrões" recusam-se a fazer descontos para a Segurança Social. Ela tem 64 anos e está muito preocupada com a...

Arrendamento | Rendas acessíveis alargadas a quem tem rendimentos mais altos

Limite de rendimentos máximos anuais para aceder a apoios ao arrendamento foi alargado para abranger mais cidadãos O valor máximo de rendimento anual para aceder ao Programa de Apoio ao Arrendamento foi aumentado, de acordo com uma portaria publicada em Diário da...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Artur Fernando Barreto

    Artur Barreto
    ​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​11:56 (Há 5 horas)

    para erse, clientes, casa
    Exmos Srs:

    É com desagrado que denoto indiferença e desrespeito por os clientes que alerta os vossos serviços por incumprimento não só de atenção, mas igualmente falta de resposta, senão vejamos..No dia 18 de Outubro de 2017 numa pagina da internet [email protected] pedia para que não protelassem mais o envio de facturação, aguardo todavia, não só de resposta da vossa entidade, mas igualmente de factura para pagamento, o cumulativo de facturação vai tornar difícil o pagamento na integra. Daí o meu pedido feito anteriormente, mas ausente de resposta, saturado da vossa postura, decidi mudar de fornecedor, porem fui surpreendido por uma chamada telefónica da vossa empresa, e que comuniquei com um vosso funcionário de nome : João Pedro, este porem perguntava-me o porquê da suspensão e prestação de serviços por parte da Galp, simplesmente respondi que tais serviços eram precários e que estava saturado…Porem pediu-me desculpas e que estavam não só a melhorar os serviços mas igualmente a baixar os preços, tal persuasão e mediante a promessa que muito em breve tudo estaria resolvido, decidi continuar e anular com a outra entidade concorrente. Hoje tudo continua na mesma. Perante e mediante tal comportamento, deixo aqui um apelo, ou enviam a factura, ou a mudança de novo fornecedor ocorrerá.

    Subscrevo sem consideração

    Artur Barreto

    Responder
  2. Fernando

    Tenho um Huawei P8 lite a reparar desde Dezembro de 2015, a lei diz que os bens móveis devem ser reparados em trinta dias… Já fiz mais de 1600 reclamações no livro vermelho (https://goo.gl/9j4rt9), inclusive no livro de reclamações do regulador (entenda-se nas instalações da ANACOM). Já fiz queixa no centro de arbitragem e paguei os 10€ que me foram pedidos… Até agora nada.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.