Aceito os termos e condições.

Email Marketing by E-goi

ERSE lançou hoje novo simulador de eletricidade e gás

Escrito por Pedro Andersson

29.05.18

}
1 min de leitura

Mais um simulador

Tudo o que seja ajudar o consumidor a fazer boas opções é bem-vindo. Neste momento já não pode queixar-se de falta de simuladores para escolher o fornecedor de eletricidade e gás mais baratos para si.

Recentemente, fiz um “Contas-poupança” sobre o Portal “Poupa energia” da ADENE. Pode rever essa reportagem aqui: https://contaspoupanca.pt/2018/03/28/video-o-portal-do-estado-que-o-ajuda-a-poupar-na-luz-e-no-gas/

Hoje a ERSE lançou o simulador renovado, com novas funções e mais intuitivo.

COMO USAR ESTE SIMULADOR?

O simulador permite realizar dois tipos de simulação para o tipo de oferta que procura (eletricidade, gás natural ou eletricidade e gás natural):

> Simulação rápida – escolha entre os três casos pré–preenchidos o que melhor corresponde à sua situação;

> Simulação personalizada – preencha os seus dados de consumo a partir da sua fatura.

Ambas as simulações produzem uma lista de resultados interativa.

Se ainda não mudou de fornecedor de energia, teste e experimente o simulador.

Tem o simulador AQUI: http://simulador.precos.erse.pt/

Não tenha medo de mudar as vezes que entender. A sua carteira agradece.

Acompanhe-nos AQUI

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança. Assim não perde nenhuma dica.

YouTube 

Facebook do Contas-poupança

 Pergunte no Grupo “Contas-poupança – As suas dúvidas”

Instagram

Twitter  

Se quiser mais dicas, pode adquirir o livro “Contas-poupança”, com as principais dicas dos primeiros 5 anos do programa. É só clicar AQUI abaixo. Pode oferecer, se quiser dar uma prenda útil a alguém :).

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

Prestação da casa sobe em julho nos contratos com Euribor a 3 e 6 meses

Mais quase 50 euros por mês na Taxa Euribor a 6 meses A prestação da casa paga no crédito à habitação vai subir significativamente em julho nos contratos indexados à Euribor a 3 e 6 meses, face às últimas revisões, segundo a simulação da Deco/Dinheiro&Direitos,...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (4 a 10 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

Inflação sobe para 8,7% em junho e atinge máximo desde dezembro de 1992

Inflação sobe para 8,7% em junho - A mais alta dos últimos 30 anos A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 8,7% em junho, face aos 8,0% de maio, o valor mais alto desde dezembro de 1992, estimou hoje o Instituto Nacional...

PODCAST | #116 – O preço das casas vai baixar com esta crise? (A pergunta do Rodrigo Martins)

VAMOS TER UMA ONDA DE CASAS BARATAS ESTE ANO? Será que o aumento da Euribor e a previsível subida das prestações das casas vai levar a que haja mais oferta de casas baratas no mercado português? Será que vamos voltar a ver o que aconteceu em 2008 e 2011, com muitas...

PPR | Mês #20 – Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Junho 2022)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? Não está fácil. Tenho praticamente todos os meus 7 PPR negativos. Os resultados negativos agravaram-se em junho. Se resgatasse neste momento todos os PPR perderia cerca de 600 euros, depois de ter estado a "lucrar" - antes...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (27 de junho a 3 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

APOIOS | Segurança Social dá mais 60 € às famílias com menos rendimentos

Segurança Social dá mais 60 euros às famílias com menos rendimentos O prolongamento do apoio de 60 euros para famílias vulneráveis vai ser novamente pago em julho, aos beneficiários da tarifa social e da eletricidade e, em agosto, a quem recebe prestações sociais...

PODCAST | #115 – A Euribor a 6 meses também já está positiva – O que é que eu faço?

A Euribor continua a subir - O que posso fazer? A Euribor a 6 meses acaba de entrar também em terreno positivo. A Euribor a 12 meses foi a primeira. Foram 7 anos de descontos inesperados na nossa prestação do crédito à habitação. Acabou, e agora vamos voltar aos...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (20 a 26 de junho )

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

GÁS | A lista das 10 empresas mais baratas (Junho de 2022)

GÁS | As 10 empresas mais baratas este mês Este é o terceiro mês em que faço este TOP 10 das empresas de gás mais baratas em Portugal. Comecei a fazê-lo a pedido de muitos de vocês, depois de terem visto que estava a fazer um comparativo mensalmente com os preços da...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Publicidade

Artigos relacionados

1 Comentário

  1. JF

    Olá Boa tarde,

    Tudo isto de mudança de comercializador é muito bonito e sempre com facilidades, mas…..

    Deixo-lhe aqui um caso pratico, um cliente que sempre esteve e esteja isento da contribuição áudio visual (CAV) no seu comercializador atual ao fazer a mudança vai começar a pagar essa taxa (2,85 + IVA) e só no final do ano e que lhe devolvem o que pagou, ou seja no limite se a pessoa não tiver dinheiro para pagar essa taxa e mesmo sabendo que está isento, tem que a pagar porque só no final é que fazem as contas para verificar se o consumo é inferior a 400kWh/ano.

    Um do caso real, mudei para a ENDESA, devolveram-me o valor no inicio do ano de 2017, e apesar de ter ficado isento em 2016 continuaram a cobrar e diziam que só me devolviam no próximo ano depois de verificação, isto apesar de estar isento.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.