Painel solar fotovoltaico – Balanço Dezembro de 2023 (Mês #85)

Escrito por Pedro Andersson

18.01.24

}
6 min de leitura

Publicidade

Balanço de Dezembro de 2023

Tenho painéis solares desde 2016. Ao longo destes 7 anos, dezembro é sempre o mês de menor produção de eletricidade. É o normal. Confirmou-se novamente.

Partilho mensalmente (há 85 meses) as minhas contas. A minha previsão era ter o investimento do meu primeiro e único painel pago em 8 anos. Se assim fosse, este ano (em Dezembro de 2024) estaria já pago e a partir daí teria apenas lucro.

Não estou a vender painéis nem a sugerir marcas, nem sequer o tento convencer a instalar painéis solares fotovoltaicos. É apenas para entender como isto funciona.

Há três anos decidi aproveitar a “promoção” do Fundo ambiental para instalar mais 4 painéis (reembolsaram 85%) e recomecei a fazer contas a partir de Novembro de 2021. Pela minha previsão, terei os 5 painéis pagos em Maio de 2027. Se gastasse tudo o que os painéis produzem, teria uma poupança mensal média de cerca de 30 euros por mês na minha fatura de eletricidade (360 euros por ano). Mas não consigo consumir tudo.

Entretanto, o Governo reabriu o Vale Eficiência a 20 de Novembro de 2023, para quem tem tarifa social de energia. Pode usar até quase 5 mil euros de “graça” também para instalar painéis solares, embora a prioridade sejam as janelas eficientes. Tem este episódio do podcast onde explico tudo com o detalhe possível. APROVEITE! Neste momento, quem se inscreveu ainda aguarda o contacto do fundo ambiental para fazer o pedido dos vales.

PODCAST | #193 – Como receber quase 5.000 euros de graça para fazer obras em casa (Vale Eficiência II)

Com estes artigos mensais tem informação verídica, exata e totalmente isenta. Você decide o que fazer com esta informação.

Sem mais demoras, vamos ao que interessa.

Em dezembro, os meus painéis produziram 101 kWh.

O retorno do meu investimento (com o reembolso do Fundo Ambiental incluído) está em 6 anos e meio. O desperdício médio continua superior a 50%. Se consumisse tudo o que eles produzem, a minha poupança na fatura de eletricidade seria, em dezembro, de 11 €.

Leia também: Quanto custa um painel solar?

NOTA PERMANENTE: Comprar baterias (com 6 painéis para ser suficiente para carregar as baterias) custar-me-ia vários milhares de euros. Tenho recebido mensagens de alguns leitores que dizem que já encontram baterias a preços muito razoáveis. Para já não me interessa porque demoraria décadas a recuperar o investimento. Optei por vender o excedente. O tarifário que escolhi foi o do preço SPOT menos 20% (que é o lucro da empresa que me compra a eletricidade).

Os números de dezembro de 2023

A sua casa, por uma lei da física, consome sempre primeiro a energia dos painéis (porque são a fonte de energia mais próxima). Portanto, se eles produzirem o suficiente para o que a minha casa estiver a gastar naquele segundo específico (ou conjuntos de 15 minutos se tiver net metering), não vou buscar nada à “EDP” (no meu caso Endesa). É eletricidade de “graça”. Só tem de considerar o investimento.

As contas

Os meus 5 painéis fotovoltaicos têm um potencial de produção imediata de 1.370 W no pico do sol.
O que produziram em dezembro representou uma poupança real (descontado o desperdício) de 4,74 € (valores reais com IVA incluído). O meu aparelho (www.eot.pt) mede tudo minuto a minuto, por isso consigo saber ao detalhe.

 

Leia também: Como os vendedores podem tentar fazer com que compre mais painéis do que aqueles que precisa

Entre 2016 e Novembro de 2021, tive apenas um painel instalado com o qual poupei 376 € em eletricidade. O retorno do investimento (ROI – Return of Investment) estava nos 8 anos.
Portanto, a partir de Novembro de 2021, com a instalação de mais 4 painéis, “zerei” o meu investimento e apresento-vos mensalmente as minhas contas em relação ao que investi a mais e ao que poupo desde esse momento (subtraindo o que já tinha amortizado do primeiro painel).
Nestes 26 meses, já produzi 638,72 euros de eletricidade, mas só aproveitei, na realidade, 297,82 euros, ou seja, uma média de 11,45 euros de desconto “verdadeiro” na fatura mensal. Com o reembolso do fundo Ambiental efetuado, as minhas contas ficam nos quase 7 anos, menos 2 anos do que o que calculei desde o início, em 2016.

Esta é a minha situação atual, que atualizo todos os meses. Pela primeira vez, coloquei o valor a receber da venda de eletricidade dos painéis. A amortização será mais rápida a partir de agora. Estes valores são no pressuposto de que consumia tudo o que os painéis produzem.

No gráfico abaixo tem a produção total dos painéis em kWh. Não é influenciado pelo preço que pago pela eletricidade.

Este gráfico acima é importante porque a poupança em dinheiro é uma coisa, mas a eletricidade que ele produz é outra. Posso produzir mais eletricidade, mas se o preço da eletricidade baixar, a minha poupança vai ser igual ou inferior. Por outro lado, se o preço da eletricidade aumentar, a minha poupança vai ser maior. Assim consigo comparar as duas coisas e – ao mesmo tempo – avalio a eficiência do painel para saber se devo acionar a garantia ou não. Se a eficiência baixar para os 80% antes de 20 anos, posso reclamar. Como vê, nestes 7 anos não identifiquei ainda nenhuma perda de eficiência.

Não gasto 1 cêntimo em manutenção. Vou ao telhado duas ou 3 vezes por ano passar um pano para tirar a poeira.

Compensa comprar um painel solar?

Para receber em juros todos os meses o valor líquido de 13 euros, teria de ter 8 mil euros em Certificados do tesouro a 2,5% de juros. Consigo esse resultado limpo com cerca de 1.000 euros gastos em painéis solares. Faça as suas contas.

Deve avaliar bem se precisa mesmo mais do que um painel solar. Um, pode e deve ter de certeza, diria. Dois ou mais, só os deve instalar se tiver a certeza de que tem gente ou equipamentos elétricos suficientes para gastarem a energia que vai estar a produzir em tempo real (nas horas de mais sol), ou então se os conseguir verdadeiramente a preço de saldo. Também tem a hipótese de vender o excedente. Assim ganha duas vezes.


5 passos simples para GANHAR DINHEIRO

Finalmente, um livro que ensina tudo o que a Escola, o Estado e as famílias não ensinam sobre Dinheiro. Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário, e não com o salário dos outros ou com o que gostava de ter. Pode comprar aqui o livro que vai mudar a sua vida financeira (Já na 7ª Edição):

https://bit.ly/GanharDinheiro_ComoCriarRiquezaComUmSalárioNormal


 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (22 a 28 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

Quais as regiões mais caras e mais baratas para comprar casa?

Grande Lisboa e Algarve dominam entre regiões mais caras Esta semana, o Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou dados relativos ao primeiro trimestre de 2024 que revelam que o preço mediano de habitação em Portugal subiu 5%, colocando o valor mediano por...

Já pode subscrever CERTIFICADOS DE AFORRO na app dos CTT

CTT já permitem a subscrição de Certificados de Aforro através da app A partir de hoje já pode subscrever online Certificados de Aforro (CA) usando a app CTT (atenção que não é o banco CTT): é mesmo a aplicação dos Correios. Subscrever os CA online já não é novidade,...

BCE mantém taxas de juro inalteradas

Depois da descida em junho BCE decide manter valores O Banco Central Europeu (BCE) anunciou esta quinta-feira que as taxas de juro não vão sofrer nenhuma alteração, isto é, não há subida, mas também não há descida. No passado mês de junho, o BCE anunciou a descida em...

Combustíveis | Os 5 postos mais baratos e mais caros para abastecer

Saiba quais são os cinco postos mais baratos e os cinco mais caros para abastecer em Portugal Todas as semanas, o Contas-poupança publica os preços dos combustíveis para a semana seguinte, além de partilhar também o preço eficiente estabelecido pela ERSE. A intenção é...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem a 3 e 6 meses e mantêm-se a 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PodTEXT | Você tem medo de ganhar dinheiro?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

TOP 10 | Qual a marca de COMBUSTÍVEIS mais barata esta semana? (15 a 21 de julho)

Quem subiu e quem desceu os preços esta semana A ERSE definiu para esta semana como preço eficiente (que traduzo livremente por preço "justo") uma descida de 2,5 cêntimos/l no gasóleo simples e de 1,1 cêntimos na gasolina simples. Abaixo tem os preços que as várias...

PODCAST | #258 – Quantas vezes posso trocar de Crédito à habitação e de seguro de vida?

A Daniela pergunta se pode trocar todos os anos de banco de crédito à habitação e o respetivo seguro de vida. Com a crise, os portugueses perceberam que afinal é possível transferir o crédito à habitação, desde que encontre melhores condições e eles suportem todas as...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 6 e 12 meses e sobem a 3

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Raquel Tavares

    Boa noite,
    Será que podia partilhar esse excel onde vamos determinando a amortização dos painéis ao longo do tempo?
    Obrigada

    Responder
    • Jean-Michel

      Desde já agradecer a partilha de conhecimento e procedimentos.
      Tenho algumas dificuldades em obter informações acerca de venda de excedentes. Tem alguma dica?

      Cumprimentos

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.