Paineis solares GALP vs EDP vs outros – Quais são mais baratos?

Escrito por Pedro Andersson

12.02.21

}
8 min de leitura

Publicidade

Quanto custam os paineis solares para produzir eletricidade?

Quem acompanha este blogue sabe que mensalmente faço o balanço da produção do meu painel solar fotovoltaico (que produz eletricidade) e que me faz poupar na fatura da eletricidade.

Só tenho um painel, mas continuo a pensar em instalar mais um, sobretudo agora que há sempre gente em casa por causa do confinamento. Comecei esta aventura há 4 anos por curiosidade, para partilhar convosco se valia a pena comprar ou não um painel solar. Até agora estou convencido de que foi uma boa opção.

Poupo cerca de 6,50 € por mês na fatura de eletricidade porque a minha casa consome primeiro o que o painel produz enquanto há sol e só se não chegar é que a casa vai buscar eletricidade à empresa que contratei.

Tenho um medidor de eletricidade que me permite saber minuto a minuto quanto é que a minha casa consome e quanto é que o painel está a produzir. Todos os valores que vos dou aqui não são um “acho que”, são absolutamnete rigorosos e isentos. São os gráficos que encontra nos balanços mensais (ver link no início do artigo). 

Portanto, conheço exatamente as minhas necessidades e o que é um excesso ou não. Ter 3 ou 4 paineis seria um exagero para mim e um desperdício de investimento.

A publicidade da GALP

E é aqui que chegamos à publicidade de uma empresa chamada “EI – Energia Independente powered by Galp” que está a encher-me o facebook e as redes sociais. Estão a apostar forte na publicidade. Resolvi pedir uma simulação para tentar perceber os preços que se estão a praticar em Portugal pelas grandes empresas.

Fui à página deles e achei o conceito engraçado. Insere a morada e seleciona o seu telhado no mapa.

Insere os seus dados atualizados e que são fáceis de encontrar na sua fatura de eletricidade e eles fazem as contas para lhe dar uma simulação.

Os resultados da simulação relativamente ao número de paineis sugeridos surpreenderam-me pela positiva. Confesso que estava à espera que me sugerissem 3 ou 4 ou 5 ou 6 paineis.

Durante muito tempo, quando as pessoas estavam menos informadas, muitos foram convencidos a instalar muito mais do que aquilo que precisavam e vão demorar décadas a recuperar o investimento. Quanto aos preços (1.560 € para 2 paineis com instalação incluída) já vos dou a minha opinião.

A minha conversa com o apoio ao cliente da EI (Galp)

Antes disso, quero partilhar convosco a minha experiência com o contacto telefónico da empresa. Eu pedi um contacto e eles de facto ligaram-me, creio que dois dias depois. O senhor que me ligou foi muito profissional e sabia do que estava a falar. Fez as perguntas certas e eu fui respondendo sem dar a entender de que sabia do que estava a falar. 

Chegou à mesma conclusão do simulador: para mim bastam 2 paineis. Ele próprio me disse que não valia a pena colocar mais porque seria um desperdício. Gostei e elogiei a honestidade deles. A garantia dos paineis de 345 W vai aos 25 anos (os meus só vão a 20 anos) e fiquei com a ideia de que eram de boa qualidade. O preço era mesmo chave na mão e não tinha de ficar fidelizado à Galp, podia mudar de empresa as vezes que quisesse. Uma coisa é o negócio dos paineis e outro é a eletricidade propriamente dita.

Gostei da conversa, não gostei do preço. Já la vamos. 

Os paineis da EDP

Depois da conversa pensei: “Bom, já agora deixa ver o que a EDP anda a oferecer.” E fui pesquisar. Encontrei esta página.

A página da EDP, tem também um simulador (não sei quem fez a página primeiro) nos mesmos moldes, pedem para encontrar a sua casa no mapa e que selecione o seu telhado. Mais uma vez, tem a sua piada. Talvez tenha a ver com a exposição solar. Vou dar de barato que pode ter alguma relevância para o cálculo. 

Mais uma vez, a simulação deu-me como ideal a colocação de 2 paineis. Concordo. Não é exagerado e está dentro dos parâmetros que a minha experiência indica. No entanto tem uma terceira opção para além da “Recomendada” – a “Solução investimento”.

Ora, esta solução “Investimento” é que me ficou a dar cabo da cabeça. Investimento para quem? Então dizem-me que dois paineis é o suficiente para mim e que se colocar mais é um desperdício e depois apontam-me 3 paineis como uma solução “Investimento”?!

Investir em desperdício? Não compreendi a lógica. Fica o alerta.

A mensalidade de 26,90 € durante 48 meses dá 1.291 €, abaixo da proposta da Galp. Menos 268,80 €. Mas os paineis são de apenas 275 W. A diferença de preço pode ter a ver com isso.

Portanto, em resumo, pela GALP, 2 paineis de 345 W “chave na mão” custam 1.560 € (780 € por painel). Na EDP, 2 paineis de 275 W custam 1.291 € (645,50 € por painel). O preço por W é mais barato na Galp.

E os outros?

Como há 4 anos comprei um painel de 250 W por menos de 500 euros e paguei 120 euros pela instalação, mais os cabos e fios e tomadas e mais algumas despesas, gastei no total 620 euros, como já sabem.

Portanto, por aqui já podem ver que acho estes preços caros. Os paineis baixaram de preço nos últimos anos. Não tenho nada contra os preços praticados por quem quer que seja. Não tem nada de mal pedir um preço e compra quem quer. Quer a EDP, quer a Galp farão tudo (acredito) com qualidade e com um bom apoio ao cliente. 

Mas como o meu ângulo de abordagem é ter o melhor pelo preço mais baixo, bastou-me fazer uma breve pesquisa de 30 segundos para encontrar alternativas mais baratas em empresas “menores” que estes dois gigantes.

Não vou citar o nome desta empresa porque apareceram muitas e escolhi esta ao acaso. Não faço ideia sequer onde fica nem se presta um bom serviço ou não. Basta que você vá também ao google e comece a ver quem tem paineis solares na sua cidade ou que instale lá.

Neste caso específico, dois paineis de 320 W custam 794 € + 350 € = 1.144 € (572 € por painel). Repare como em 30 segundos consegui encontrar um painel mais barato do que o meu em 2016 e mais potente.

Claro que não ficaria por aqui se estivesse interessado em comprar já. Ligaria para 10 empresas de todo o país até encontrar o melhor painel, da melhor marca, com a maior potência, com o preço de instalação mais em conta e que me desse as melhores garantias de apoio técnico nos próximos anos. Tem de levar em conta que, como em tudo, por vezes o barato pode sair caro.

A partir destas informações, já consegue ter uma ideia da diferença de preços que poderá encontrar quando começar a pesquisar o assunto. Não aceite a primeira proposta que lhe aparecer. Na minha pesquisa encontrei também uma empresa em Camarate que tem preços bem em conta para sistemas com baterias. Vou investigar quando tiver tempo embora não me interesse para já.

Lembrei-me de escrever este artigo porque recebo muitas perguntas de pessoas que me perguntam qual é o preço ideal para um painel solar. Como vê, tem de pesquisar.

Eu não sou a pessoa ideal para lhe dar conselhos técnicos sobre paineis solares. Para isso conto com a ajuda preciosa de um leitor do blogue – o senhor Carlos Campos, que até já entrevistei para um Contas-poupança – que me vai dando dicas sobre a parte técnica e de outros leitores do blogue que fazem o favor de ir comentando aqui e dando as suas opiniões avalizadas.

O conselho que eu dou – na minha área – é que compensa investir num painel solar (talvez dois) e  se tiver gente em casa durante o todo o dia talvez valha a pena instalar mais paineis. Mas sempre com conta, peso e medida para não enviar de graça o desperdício para a rede.

Assim já fica com uma ideia dos preços atualmente: de 572 a 780 € (tudo incluído). Atenção que foi uma pesquisa de poucos minutos. Com calma conseguiríamos de certeza baixar estes valores.  Mas assim já fica com uma ideia. 


5 passos simples para GANHAR DINHEIRO

Finalmente, um livro que ensina tudo o que a Escola, o Estado e as famílias não ensinam sobre Dinheiro. Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário, e não com o salário dos outros ou com o que gostava de ter. Pode comprar aqui o livro que vai mudar a sua vida financeira (Já na 3ª Edição):

https://bit.ly/GanharDinheiro_ComoCriarRiquezaComUmSalárioNormal


 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (17 a 23 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PodTEXT | Como perder o medo de investir e começar a ganhar dinheiro?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Apanhei um Uber… e o motorista “ganhou” 4.797 euros

Uma viagem que deu lucro... Apresento-vos o José Silva. É condutor de Uber. O meu carro (um GOLF IV que tem 22 anos e está aí para as curvas) foi pintado todo de uma ponta à outra e ficou pronto hoje. Chamei um Uber para o ir buscar à oficina. Assim que entro no Uber,...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #248 – Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? (A pergunta do João Paulo)

Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? O João Paulo este ano quase que pagou IRS em vez de receber reembolso. Ele está preocupado com o ano que vem, porque tem feito muitas horas extraordinárias. Uma das possíveis estratégias dele é amortizar o crédito à...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (10 a 16 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Nova versão do Cartão de Cidadão já está disponível

Cartão de Cidadão é agora mais tecnológico e seguro A nova versão do Cartão de Cidadão, anunciada em março ainda pelo anterior governo, está oficialmente disponível a partir desta terça-feira. As alterações estão em linha com a mais recente legislação europeia e com...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Publicidade

Artigos relacionados

46 Comentários

  1. Márcio Azevedo

    Boa noite

    Como consegue ter os dados do consumo de eletricidade e fotovoltaicos ao minuto? Que aparelho usou?

    Responder
    • Pedro Santos

      Boa noite,

      Recebi recentemente duas propostas deste tipo. Tendo em conta as simulações que recebi, no melhor dos casos o retorno do investimento seria após aproximadamente de 16 anos. Muito tempo, parece-me.

      Já agora, está a ponderar escrever algum artigo sobre paineis fotovoltaicos com bateria? Se não está,fica.a sugestão.

      Obrigado e Parabéns pelo excelente trabalho

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. Na minha opinião não compensa comprar baterias. Pelas minhas contas demoraria décadas a recuperar o investimento.

        Responder
        • Antonio Simões Correia

          Sr
          Pedro
          Agradeço que me contacte com urgência para o alertar ,e aos seus seguidores,da minha má experiência com o programa de painéis solares da EDP.Tmv António Simões Correia

          Responder
          • Pedro Andersson

            Caro António. NUNCA coloque o seu telemóvel numa página publica. Apaguei para sua proteção. Pode descrever aqui a experiência para todos ficarmos a saber? É mais prático…

          • Liliana

            Não é o único… Por cá a garantia da EDP tem sido conferir que está tudo a funcionar, mesmo que não haja retorno da energia produzida na fatura. Temos luz trifásica. Disseram que poderiam deslocar um técnico para ver se a instalação está a produzir de acordo com o que seria espectável, mas se o mesmo informasse que está tudo bem, teria de pagar a deslocação. Ora, um simples confronto dos dados de produção que constam da aplicação, com o que é faturado, mostra que a energia não está a ser injetada na fase que consome mais energia. Desta forma estou a pagar painéis para produzir energia que não está a ser aproveitada no meu consumo. A EDP é nula a nível de apoio ao cliente. Têm sido problemas atrás de problemas. E quando contactamos vão dando informações que muitas vezes não têm certeza de estar certas ou então sabem que estão erradas, mas dão na mesma. Não há um apoio ao cliente que consiga explicar as dúvidas sequer, muito menos resolver os problemas que surgem.

          • Raul Brandao

            Bdia.Li o seu comentário e como estou comprador gostava de ter a sua opinião dos equipamentos e principalmente das empresas

        • Luis MARQUES

          Sr Pedro tenho trifasico em casa há necessidade de passar a ter monofasico em casa para a instalação de paineis fotovoltaticos ?

          Obraigado

          Responder
          • Pedro Andersson

            Olá. Vai ter de perguntar isso aos instaladores ou a um eletricista :). Não quero induzir em erro sem querer.

  2. Nuno N

    Boa noite. Será que há sistema que instalando agora apenas o painel, podemos mais tarde fazer o upgrade de forma a incluir baterias?

    Responder
    • Carlos Silva

      Sim, desde que o inversor seja ibrido. O sistema que tenho instalado é assim.

      Responder
  3. Vitor Ferreira

    Na minha opinião, o mais importante, não é a quantidade de painéis, mas sim os watts de cada um, e o total de watts que precisamos. Já há painéis de 410w ou até 450 e se não estou em erro 480. Como tal, temos de ter uma noção de quantos watts precisamos e o preço por wat! Para além disso a exposição solar, que irá fazer, ter o máximo de rendimento do sistema que temos ou não e até, menos colocando uma estrutura metálica, para os painéis terem o melhor posicionamento, poderá, ser até necessário adicionar mais um painel, por exemplo, para ter os watts que precisamos!

    Responder
    • Raul Brandao

      Bom dia.Agradecia a sua opinião sobre o seu equipamento e o seu forn/,montador da instalacao

      Responder
  4. Vitor Ferreira

    Qual é o equipamento que está a usar, no seu contador, para saber os watts que está a gastar?

    Responder
    • Maria

      Boa tarde apenas uma questão gostaria de ter paneis solar mas o problems e que nao tenho electricidade na casa. Quais sao os orcamentos para tal. Obrigada

      Responder
  5. Pedro Rocha

    Bom dia alguém recomenda alguma empresa na zona Norte- Grande Porto, que não as grandes EDP/Galp, para fornecer e instalar painéis solares em habitação? Obrigado

    Responder
  6. Alexandre Andrade

    Bom dia: “Tenho um medidor de eletricidade que me permite saber minuto a minuto quanto é que a minha casa consome e quanto é que o painel está a produzir”
    Pode indicar-me onde comprou esse dispositivo de medição e como o instalou?

    Responder
  7. Raul Gomes Santos

    Pedro Rocha, embora existam outras com bom serviço, recomendo a Jaf Renováveis (Guimarães). Muito cuidado com as marcas citadas neste artigo, e não digo mais.

    Responder
  8. Carlos Silva

    Bom dia.
    Concordo que o mais importante e a potência instalada.
    Não menos importante, é que para poder instalar baterias o inversor tem que ser adequado para isso, também é importante que o contador seja bidirecional, para que qualquer excesso de energia nao seja contabilizada como energia consumida.

    Responder
  9. Carlos Silva

    Sim, desde que o inversor seja ibrido. O sistema que tenho instalado é assim.

    Responder
  10. Vítor Vieira

    Boa tarde.
    Para quem pediu empresa do Grande Porto especialista em instalação de painéis solares, aconselho aquela que instalou em minha casa: Sinersol (https://www.sinersol.pt/).
    Aproveito para fazer um pedido a todos, tendo o autoconsumo o beneficio da isenção do CIEG (https://www.portal-energia.com/autoconsumo-isencao-custos-consumidores/), alguém já o fez e tem conhecimento para este pedido. Tenho enviado diversos mails para “[email protected] “, com a documentação que possuo (registos, etc.) e nunca recebi qualquer resposta.
    Grato pela V/ atenção e ao dispor para qualquer esclarecimento de que necessitem.

    Responder
  11. Filipe

    Recomendo nessas pesquisas ou contas fazer o preço por €/Wp tendo logo em consideração o valor da instalação, para melhor comparar os preços. Como provavelmente faz por batatas, ovos, arroz ou rolos de papel higiénico… (preço por unidade)
    Melhores cumprimentos.
    PS: Quanto a baterias, enquanto não aparecerem melhores e mais baratas, será difícil compensar e inversores híbridos, com uma provável longevidade de 8-10 anos (pelo menos com garantia), mais vale na altura em que aparecerem baterias “baratas” os comprar (que podem demorar alguns anos a serem produzidas em larga escala)…

    Responder
    • Antonio

      Tendo em conta que a maioria das pessoas passa o dia (solar) fora de casa e que a energia produzida e não gasta é injetada na empresa fornecedora, de borla, como é que os painéis compensam?
      Obrigado.

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. Tem sempre o frigorífico ligado, arca congeladora, os standby, o wi-fi, etc. E no fim de semana usa muita energia em casa. 1 painel compensa sempre.

        Responder
  12. José Teixeira

    Esqueçam a EDP, é mais cara que algumas empresas da concorrência e o apoio ao cliente é para esquecer.
    4 pedidos de apoio com anexação das faturas que fazem prova de não ter sido aplicado o desconto de 10% durante 1 ano e, porque nalgum local do sistema têm a dizer que sim, nem se dignam verificar as faturas e ver que são dados erróneos e que o desconto apenas foi aplicado durante parte do período devido.

    Responder
    • José Lapão

      Concordo consigo José Teixeira, troquei de fornecedor de energia da antiga SU para a EDP Comercial, com o intuído de instalar 4 painéis isto no dia 30/04/21. A passagem de fornecedor foi rápida e sem sobressaltos, já os painéis…. entre falhas no processo por parte da EDP até falta de informação por parte da mesma, vieram fazer a visita técnica para a instalação (de salientar que vivo num bloco de apartamentos sem acesso direto ao telhado) onde me foi informado que é viável a instalação dos painéis, mas que teria de pagar pelos meios elevatórios para colocar os painéis no telhado, valor que me foi dado posteriormente e da modica contia de 714€+IVA. Já contactei outras empresas e encontrei mais barato e que me eleva os painéis até 14mt de altura incluído no preço “chave-na-mão”. Ou seja a EDP já foi até como fornecedor de energia, porque até troquei para eles por causa dos painéis.

      Responder
  13. Ricardo Carvalho

    Caro Pedro Anderson, relativamente à opção de investimento oferecido pela EDP, não terá a ver com a venda de excedentes produzido pelos painéis, no seu caso dois para autoconsumo e mais um para venda do excedente?! Digo isto porque também tenho alguns painéis instalados com algum excedente e, embora venha contemplado na lei de 2020 que o produtor de autoconsumo possa vender o excedente, parece que o tema é tabu junto das operadoras, ninguém sabe, ninguém responde. Fica aqui uma sugestão para um novo artigo, a venda de excedentes, onde, como, em que moldes.

    Responder
  14. Helena Perestrelo

    E alguém conhece os painéis fotovoltaicos da Ikea? Serão uma boa opção?

    Responder
    • José Lapão

      Estou a obter informação junto da Contigo Energia, até ao momento sei que são “CanadianSolar KuMax de 390W”, o inversor é “SolarEdge” o preço apresentado no site é com tudo incluído, foi-me informado que elevam os equipamentos até 14mt em altura. Estou a procura de alternativa mais barata, mas até ao momento está é a mais em conta.

      Responder
  15. Lecas

    Boa noite,

    caro Anderson, essa empresa é a SOLARIMPACT, mas existe a Ecosist, trilhos energéticos e tantas, mas tantas que até colaboradores dessas mesmas empresas fazem instalações mais baratas.

    Responder
  16. Francisco Romero Grenho

    Olá Sr. Pedro.
    Parabéns pelos seus estudos e opiniões, são uma boa ajuda para os leigos ou pouco informados.

    Tendo acompanhado por alto os seus balanços sobre o painel fotovoltaico instalado e o preço cada vez mais alto da electricidade, resolvi investir em dois painéis da Galp, que segundo as contas, e depois de ler com muita atenção o seu artigo, tem o Watt mais barato em relação à também muito credenciada EDP.
    Não contactei outros instaladores porque verifiquei na net que havia por aí preços semelhantes com painéis de potências inferiores.
    São 2 paineis Longi 355W Half Cut Full Black e 2 inversores Enphase Microinversor IQ7+. Quanto à monitorização é feita através de uma app a instalar no TM. Preço com chave na mão: 1482€.
    Vão ser montados no início do próximo mês.
    A minha dúvida está na produção/consumo. Parece-me que vou oferecer muita electricidade ao fornecedor.
    Como posso calcular o meu consumo em horas de sol? Tenho um contador “inteligente” mas não o percebo!
    Tem algum artigo que me ajude?
    Obrigado.

    Com os melhores cumprimentos
    Francisco R. Grenho

    Responder
  17. manuela figueiredo

    Boa Tarde
    Quero colocar 2 paineis numa casa de campo que tenho no Algarve, perto de Olhão e Tavira. Alguém me recomenda fornecedor com que tenha sido ério e efeicaz?
    Obrigada
    E um resto de bom dia
    Manu

    Responder
  18. Aníbal José Grilo dos Santos

    Boas, quero instalar painéis solares numa moradia em setúbal, alguém conhece empresa na zona credível para o efetuar? já li sobre as propostas da EDP e GALP, mas gostava de conhecer uma empresa diferente.
    Obrigado.

    Responder
  19. Pedro Azevedo

    Creio que para os mais afastados destes temas é importante alertar que as grandes empresas não gostam de sistemas elétricos ‘autónomos’, com um mínimo de armazenagem (baterias ou ademais sistemas de acumulação de energia como os de inércia) pois isso permite uma autonomia que em muito reduz o recurso à rede pública.

    Responder
  20. Joao Francisco Ferro

    Boa tarde!

    Qual é o medidor que refere:
    “Tenho um medidor de eletricidade que me permite saber minuto a minuto quanto é que a minha casa consome e quanto é que o painel está a produzir”

    Muito obrigado

    João Ferro

    Responder
      • Joao Francisco Ferro

        Boa tarde!
        esse medidor está diretamente ligado ao contador de eletricidade?
        Tem lá dois cabos ligados. Vão para onde?
        Na imagem, ao lado desse aparece um “velleman emdin01”, para que serve?

        Boa tarde

        Obrigado

        Responder
          • Joao Francisco Ferro

            Esses seus dois aparelhos estão diretamente ligados ao contador?
            Para que serve cada um deles?

  21. José Ribeiro

    Boa tarde, o meu sistema solar produz 2,40 kw dia, mas a fatura debitada pela Endesa, cobra o dobro do que pagava antes de instalar o sistema não obstante o contador ser compatível com autoconsumo, de acordo com a E- Redes. E concluindo o Fundo ambiental é uma treta.

    Responder
    • Cristina Andre

      Boa tarde, contactei hoje o fundo ambiental e disseram-me que esperam que as candidaturas reabrem até ao fim do ano para pedirmos os apoios. Sei que a EDP faz parte das empresas que trabalham com o portal da casa +. Se calhar o seu fornecedor não está inscrito no portal.

      Responder
  22. Jorge

    Ola a todos!
    Comprei uma moradia, e tenho interesse nos paineis solares.
    A questao é, vou so usala para ferias (diremos 3 x ao ano durante 15 dias, Abril, Julho e Outubro +/- )
    Neste “exemplo” vou mesmo precisar de bateria correto?
    Ja fiz umas pesquisas, mas nao encontro muita informacao na questao de casa de ferias, so em casas que sao permanente habitadas.
    Alguem que me possa realmente darme um TIP?
    Um grande obrigado e cumprimentos para todos.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Se nao esta todos os dias duvido que compense. Avalie bem o investimento

      Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. Painel solar fotovoltaico - Balanço de fevereiro de 2021 (mês #51) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  2. Painel solar fotovoltaico - Balanço de março de 2021 (mês #52) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  3. Como faço para vender a eletricidade dos meus painéis solares? - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  4. Painel solar fotovoltaico - Balanço de maio e junho de 2021 (mês #53 e #54) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  5. Painel solar fotovoltaico - Balanço de agosto de 2021 (mês #57) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  6. Painel solar fotovoltaico - Balanço de Dezembro de 2021 (mês #61) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  7. Painel solar fotovoltaico - Balanço de Janeiro de 2022 (mês #62) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  8. Painel solar fotovoltaico - Balanço de julho de 2021 (mês #56) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  9. Painel solar fotovoltaico - Balanço Agosto e Setembro de 2022 (mês #69 e #70) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  10. Painel solar fotovoltaico - Balanço Maio de 2022 (mês #66) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  11. Painéis solares fotovoltaicos - Balanço de Novembro de 2021 (mês #60) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]
  12. Painel solar fotovoltaico - Balanço Outubro de 2022 (mês #71) - […] Leia também: Quanto custa um painel solar? […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.