Aceito os termos e condições.

Email Marketing by E-goi

Painel solar fotovoltaico – Balanço Março de 2022 (mês #64)

Escrito por Pedro Andersson

10.04.22

}
6 min de leitura

Balanço de Março de 2022

Março foi, até agora, o melhor mês de 2022. É a subida normal de produção até Agosto. Depois começa a diminuir até Dezembro. Mais uma vez, o habitual. Afinal de contas, já faço estas contas desde Dezembro de 2016.

Em todo o caso, a produção (agora com 5 painéis) de Janeiro, Fevereiro e Março foi relativamente semelhante. Os dias foram muito irregulares, com chuva e até poeiras do deserto.

Quanto ao reembolso da minha candidatura ao Fundo Ambiental (Programa Edifícios mais sustentáveis II), ainda não recebi o dinheiro na conta. Tem sido um filme. Como sabem, foi aprovada, mas antes de receber o dinheiro, enviaram-me um e-mail a dizer que as Certidões de não dívida das Finanças e da Segurança Social tinham caducado (que culpa tenho eu de que tenham demorado tanto tempo a analisar a minha candidatura?).

Não me quis chatear e enviei novas Certidões de não dívida atualizadas através do formulário de candidatura e fiquei descansado. Passados uns dias, recebo novo e-mail a dizer que a minha candidatura foi REJEITADA por falta de prova das não-dívidas e que tinha 10 dias para contestar. Já contestei (dizendo que enviei as novas certidões e que, caso tenha sido incompetência informática da minha parte e não cliquei numa checkbox qualquer, que me informem se as posso enviar outra vez).

Atenção que pode ter sido falha minha ao enviar as Certidões, mas corro o risco de voltar tudo atrás e ter de fazer nova condidatura desde o início e voltar para o fim da fila. Estou a aguardar resposta. Ainda bem que aquele dinheiro não me faz falta para o dia a dia. Já passaram 6 meses e ainda não vi o dinheiro do reembolso do Fundo Ambiental.

Em Março, os 5 painéis produziram o total de 141 kWh. O problema continua a ser não conseguir gastar tudo o que eles produzem. Estou a ter um desperdício superior a 50%. Vou ter mesmo de iniciar o processo de venda do excedente.

Leia também: Como faço para vender o excedente que não consigo consumir 

Leia também: Quanto custa um painel solar?

NOTA PERMANENTE: Como já sei que muitas pessoas vão perguntar, comprar baterias (com 6 painéis para ser suficiente para carregar as baterias) custar-me-ia vários milhares de euros. Eu não tenho esse orçamento e demoraria décadas a recuperar o investimento. Assim, o “acordo” que fiz com a E-Redes (como se chama agora a EDP Distribuição) é consumir em tempo real o que o painel fotovoltaico produz e o que não consumir é oferecido para a E-Redes vender aos outros consumidores.

Os números de Março de 2022

A sua casa, por uma lei da física, consome sempre primeiro a energia dos painéis (porque são a fonte de energia mais próxima). Portanto, se eles produzirem o suficiente para o que a minha casa estiver a gastar naquele segundo específico (ou conjuntos de 15 minutos se tiver net metering), não vou buscar nada à “EDP” (no meu caso Endesa). É eletricidade de “graça”. Só tem de levar em conta o investimento.

Como pode ver no gráfico seguinte, os 5 painéis produziram 141,564 kWh em janeiro.

As contas

Os meus 5 painéis fotovoltaicos têm um potencial de produção imediata de 1.370 W no pico do sol.

O que produziram em Março representaria cerca de 27,18 € de poupança na minha fatura da luz, se tivesse consumido tudo o que o painel produziu no mês passado. Mas tive um desperdício de 52%, que ofereci à rede. O meu aparelho mede tudo minuto a minuto por isso consigo saber ao detalhe. Assim, sei que poupei exatamente 13,01 € na minha fatura da luz (valores reais). A minha poupança real está a subir, porque a Endesa aumentou o meu tarifário em 1 cêntimo o kWh (passou de 18 para 19 cêntimos).

Neste gráfico a seguir tem o desperdício de kWh (73 kWh) que ofereci à e-Redes em Março.

Assim, dos 27 euros de eletricidade que os painéis produziram, só aproveitei realmente 13,01 € na minha fatura de eletricidade (IVA incluído).

 

Leia também: Como os vendedores podem tentar fazer com que compre mais painéis do que aqueles que precisa

Entre 2016 e Novembro de 2021 poupei com um painel 376 €. O retorno do investimento estava nos 8 anos.

Portanto, a partir de Novembro de 2021, com a instalação de mais 4 painéis, “zerei” o meu investimento e vou apresentar-vos as minhas contas em relação ao que investi a mais e ao que estou a poupar desde esse momento (subtraindo o que já tinha amortizado do primeiro painel).

Nestes 5 meses já produzi 117 euros de eletricidade mas só aproveitei na realidade 60 euros, ou seja uma média de 12 euros de desconto “verdadeiro” na fatura. Se não tivesse o reembolso do Fundo Ambiental demoraria 14 anos a reaver o dinheiro investi. Com o reembolso, as minhas contas baixaram este mês para 6 anos, que é menos dois anos do que o que calculei desde o início.

Esta é a minha situação atual, que atualizarei todos os meses.

 

No gráfico abaixo tem a produção total dos painéis em kWh. Não é influenciado pelo preço que pago pela eletricidade.

Este gráfico é importante porque a poupança em dinheiro é uma coisa, mas a eletricidade que ele produz é outra. Eu posso produzir mais eletricidade, mas se o preço da eletricidade baixar, a minha poupança vai ser igual ou inferior. Por outro lado, se o preço da eletricidade aumentar (como está a acontecer), a minha poupança vai ser maior. Assim consigo comparar as duas coisas e – ao mesmo tempo – avalio a eficiência do painel para saber se devo acionar a garantia ou não. Se a eficiência baixar para os 80% antes de 20 anos, posso reclamar.

Não gasto 1 cêntimo em manutenção. Vou ao telhado duas ou 3 vezes por ano passar um pano para tirar a poeira.

Compensa comprar um painel solar?

É por estas contas – que acabou de ver – que deve avaliar bem se precisa mesmo mais do que um painel solar. Um, pode e deve ter de certeza, diria. Dois ou mais, só os deve instalar se tiver a certeza de que tem gente ou equipamentos elétricos suficientes para gastarem a energia que vai estar a produzir em tempo real (nas horas de mais sol), ou então se os conseguir verdadeiramente a preço de saldo. Também tem a hipótese de vender o excedente, mas o preço tem de compensar.


Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

Prestação da casa sobe em julho nos contratos com Euribor a 3 e 6 meses

Mais quase 50 euros por mês na Taxa Euribor a 6 meses A prestação da casa paga no crédito à habitação vai subir significativamente em julho nos contratos indexados à Euribor a 3 e 6 meses, face às últimas revisões, segundo a simulação da Deco/Dinheiro&Direitos,...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (4 a 10 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

Inflação sobe para 8,7% em junho e atinge máximo desde dezembro de 1992

Inflação sobe para 8,7% em junho - A mais alta dos últimos 30 anos A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 8,7% em junho, face aos 8,0% de maio, o valor mais alto desde dezembro de 1992, estimou hoje o Instituto Nacional...

PODCAST | #116 – O preço das casas vai baixar com esta crise? (A pergunta do Rodrigo Martins)

VAMOS TER UMA ONDA DE CASAS BARATAS ESTE ANO? Será que o aumento da Euribor e a previsível subida das prestações das casas vai levar a que haja mais oferta de casas baratas no mercado português? Será que vamos voltar a ver o que aconteceu em 2008 e 2011, com muitas...

PPR | Mês #20 – Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Junho 2022)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? Não está fácil. Tenho praticamente todos os meus 7 PPR negativos. Os resultados negativos agravaram-se em junho. Se resgatasse neste momento todos os PPR perderia cerca de 600 euros, depois de ter estado a "lucrar" - antes...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (27 de junho a 3 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

APOIOS | Segurança Social dá mais 60 € às famílias com menos rendimentos

Segurança Social dá mais 60 euros às famílias com menos rendimentos O prolongamento do apoio de 60 euros para famílias vulneráveis vai ser novamente pago em julho, aos beneficiários da tarifa social e da eletricidade e, em agosto, a quem recebe prestações sociais...

PODCAST | #115 – A Euribor a 6 meses também já está positiva – O que é que eu faço?

A Euribor continua a subir - O que posso fazer? A Euribor a 6 meses acaba de entrar também em terreno positivo. A Euribor a 12 meses foi a primeira. Foram 7 anos de descontos inesperados na nossa prestação do crédito à habitação. Acabou, e agora vamos voltar aos...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (20 a 26 de junho )

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

GÁS | A lista das 10 empresas mais baratas (Junho de 2022)

GÁS | As 10 empresas mais baratas este mês Este é o terceiro mês em que faço este TOP 10 das empresas de gás mais baratas em Portugal. Comecei a fazê-lo a pedido de muitos de vocês, depois de terem visto que estava a fazer um comparativo mensalmente com os preços da...

Publicidade

Publicidade

Artigos relacionados

23 Comentários

  1. Maria Silva

    Boa tarde. Estou também nessa situação. A aguardar acerca de seis meses o reembolso
    Também já reenviei as certidões de não dívida e aguardo notícias, espero que sejam boas, isto é,o respectivo reembolso. É realmente desesperante. Aguardemos com serenidade. Cumprimentos

    Responder
    • Carlos Xavier

      Pois é caro senhor já no seu comentário anterior se previa isto que lhe está a acontecer agora como não instalou painéis fotovoltaicos da EDP ou da GALP SOLAR agora não consegue vender à rede.
      O barato sai caro!!!

      Responder
  2. Bruno Lima

    Bom dia,

    Também instalei paines aproveitando o fundo amnbiental (em 2020) mas felizmente no meu caso o processo até foi rapido e recebi o pagamento cerca de 2 meses depois da candidatura. Mas como infelizmente tudo em portugal acarreta problemas, no meu caso eles aconteceram com a troca do contador para um bidirecional, isso sim demorou vários meses. Ainda sobre este assunto dos contadores bidirecionais gostaria de lhe perguntar se os seus saldos quarto-horários estão a ser contabilizados corretamente pela E-REDES. Pergunto isto pois à uns meses atras e após um primeiro pedido de explicações sem sucesso sobre os valores dos saldos apresentados na página da E-REDES, fui contactado telefonicamente onde me disseram que estão comn problemas na aplicação que calcula estes saldos e não têm previsão de resolução. Ora isto parece-me uma situção inaceitável uma vez que o cliente não tem forma de validar os saldo já que pelo que me foi explicado o contador só mostra visualmente a energia consumida a rede (e não o saldo). Para lhe dar um exemplo, consultando hoje a minha area de cliente da E-REDES o ultimo dia com saldos calculados é 21-02-2022 (já passou bem mais de um mês) e presentam valores errados, em Vazio (perido que não tem influencia da produção solar) a “Leitura recolhida no contador” tem o valor 1089 no entanto no saldo quarto-horário desse periodo aparece o valor 1086. Se formos consultar os valores de Ponta e Cheias, então a situação é ainda pior, pois os valores apresentados não fazem qualquer sentido. Se tem também este problema, será que poderia fazer uma reportagem sobre este assunto?

    Responder
  3. COSTA AMARAL GOMES MARIA DA CONCEIÇÃO

    Desde que instalei os dois painéis fotovoltaicos o meu consumo mensal em kW aumentou inicialmente para o triplo e neste momento para o dobro, em relação ao período pré-painéis. Hoje contactei a EDP porque os painéis apenas estão a produzir para a rede e não para autoconsumo.
    As minhas reclamações para a EDP são inúmeras, e, a conselho desta entidade reclamei também para a E-REDES e para a ERSE. As respostas podem resumir-se da seguinte forma: a anomalia reportada não pode ser imputada a qualquer das entidades referidas.
    Continuo a pagar contas exorbitantes, que na opinião de um colaborador devem estar corretas porque tenho uma potência contratada de 13,8w. Aqui levanta-se uma questão: a minha fatura energética corresponde ao que eu consumo ou está indexada à potência contratada?
    Estou completamente insatisfeita com a minha opção de instalar painéisfotovoltaicos, porque até ao momento apenas me trouxeram prejuízos materiais relacionados com elevados gastos monetários e psicológicos pelo stress que a situação me criou.

    Responder
    • Rosado

      Bom dia

      Uma boa solução para aproveitar melhor a energia que sobra é utilizá-la para água quente sanitária, recorrendo a um termoacumulador eléctrico.

      Responder
  4. Fábio Lopes

    Bom dia Pedro.
    Pode parecer uma pergunta um pouco parva ou sem sentido, o que o senhor tem para aquecer a água dos banhos? Se tiver um vulgar acumulador térmico a eletricidade pode usar um gestor de excedentes a ver se consegue aproveitar o que “dá” à e-redes.

    Tem de ser construído mas é algo simples.
    Espero ter ajudado em alguma coisa
    Fábio

    Responder
  5. Carlos Campanela

    Ouvi falar desta solução que me pareceu interessante.

    https://energiaunida.pt/

    Cumprimentos

    Responder
  6. Carlos Matos

    Boa noite na parte dos comparativos de dívidas eu quando fiz a candidatura, tem uma opção para darmos autorização ao fundo ambiental ter acesso para ver se temos dívidas ou não quando caducar as certidões que mandamos que só duram 3 meses uma e 4 meses outra

    Responder
  7. Margarida Saraiva

    Bom dia
    Também instalámos painéis e a poupança tem sido significativa. Passei a programar as máquinas de roupa e louça para funcionarem só de dia… e temos uma bomba de calor.

    Responder
  8. Pedro Casaca

    Bom dia
    Excelente artigo. Eu iniciei desde Fevereiro a venda do meu excedente.
    À semelhança do que já li, desde essa altura que a Edp diz que não recebe as leituras da eredes.
    A eredes garante que fez o envio e até me dá as datas em que o fez.
    Conclusão, 2 meses de atraso na emissâo das facturas,sendo que a ultima veio por Estimativa.
    Tenho reclamado todos os meses com a edp e ontem reportei mesmo ao Procurador Edp.
    É urgente ter este assunto resolvido pois o pagamento do excedente que vendo é pago trimestralmente. Não havendo leituras, presumo que existirão dificuldades no pagamento desse excedente

    Responder
    • Pedro Casaca

      Provedor,peço desculpa

      Responder
    • Nuno Henriques

      Boa tarde,

      Está na vender o excedente para que operadora? Qual o tarifário?
      Obrigado

      Responder
  9. Pedro Casaca

    Pedro, qual o aparelho de monitorização que utiliza? Parece-me bastante completo. Eu tenho um wiibee que não me parece de todo tão completo como o seu.
    Parece-me que o Shelly tem sido o mais utilizado nas comunidades dos geeks do fotovoltaico

    Responder
  10. Nuno

    Viva,

    Há alguma novidade, oficial ou oficiosa 🙂 , relativamente ao prolongamento do incentivo do fundo ambiental?
    Prolongamento do existente ou até mesmo um novo fundo. Já chega de aditamentos.

    Começa a ser estranho ainda não ter sido divulgado nada na conjetura que vivemos. Ainda esta semana diferentes medidas e incentivos para a energia verde foram apresentados.
    Mas quanto ao “PAES II” silencio absoluto

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Confirmei oficiosamente que vai ser prolongado.

      Responder
      • Nuno

        Obrigado Pedro

        Responder
  11. Francisco Henriques

    Boa noite, Pedro. Também tenho painéis fotovoltaicos, que dão de pico cerca de 900 W. O que consegui para que quase não haja desperdício, nos dias de sol, foi programar as máquinas e o termoacumulador para funcionem durante as horas de pico. Hoje em dia as máquinas podem ser programadas para trabalharem a determinadas horas. Quanto ao termoacumulador foi mais simples e ao alcance de quase todos que tenham um aparelho semelhante, uma tomada programável. Ao fim de semana quando se está em casa, é usar o forno ou as placas na hora do almoço que é quando o pico do sol se aproxima do máximo. Em média tenho um desperdício de 10%, porque nem todos os dias são iguais…

    Responder
  12. Ana Falcão

    Caro Pedro Anderson, consegue ver na sua candidatura se tratou se de uma falha sua ao clicar na tal checkbox ou não. Ao aceder à candidatura e clicar no icon vista consegue ver o que submeteu e se a tal checkbox está sinalizada.
    Na minha opinião não é totalmente percetível a tal checkbox… mas como em tudo do fundo ambiental é demasiado burocrático e difícil de submeter.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Vou ver. Entretanto a minha contestação foi recusada. Vou voltar para o fim da fila. Tudo de novo…

      Responder
    • Margarida Saraiva

      Também já me aconteceu não assinalar, contudo o sistema avisa dessa falta.

      Responder
  13. Margarida Saraiva

    Olá Pedro. Já fiz 6 candidaturas, todas aprovadas, algumas com pedidos de esclarecimento, mas depois avançaram…Também espero por 3 pagamentos.
    Como já lhe disseram, dê antes autorização para consultarem a sua situação na AT e na SS, mas antes tem de ir a esses sites dar essa autorização. Também não se esqueça de fotografar essas páginas com a autorização dada, sendo visível o seu nome.
    Tenho notado que agora são mais exigentes nos requisitos e picuinhas, parece que só querem mandar abaixo candidaturas…mas o que aconteceu consigo é no mínimo caricato e exasperante.
    Se precisar de ajuda diga que agora é a nossa vez de o ajudar
    Cumprimentos

    Responder
  14. Márcio

    Boa tarde,
    Neste momento, já tenho paineis, tenho algum excedente diário excedente, CPE de produtor e contador bi-direccional com netmeetering 15 em 15 minutos.
    Alguma ideia de empresas que comprei o nosso excedente ao melhor preço?
    Acham que vale a pena por 2 ou 3 kw por dia de excedente nesta altura, vender à rede?

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.