Não compre relatórios de carros usados desnecessariamente

“Paguei para nada…”

Vários espectadores/leitores (não muitos, mas alguns) contactaram-me algo chateados porque depois de terem visto a reportagem do Contas-poupança sobre como descobrir fraudes nos Conta-quilómetros (Podem revê-la AQUI), compraram os relatórios das páginas europeias que permitem saber quantos quilómetros os carros tinham antes de virem para Portugal.

Ficaram aborrecidos porque depois de pagarem (cerca de 12 euros), leram o relatório e verificaram que não havia dados sobre os kms do carro. E acharam um desperdício de dinheiro terem pago por um documento que afinal não tinha o que lhes interessava mais.

Leiam tudo antes de comprar o que quer que seja

Meus amigos, antes do pagamento, os sites informam os dados que têm disponíveis. Ou seja, só compram se tiverem a certeza de que a base de dados deles têm a informação que querem sobre o vosso carro (ou que querem comprar).

Fiz um print screen para ajudar. Colocam o VIN (o número do quadro) e a primeira página que aparece diz isto (entre outras coisas):

Se colocar o rato sobre o detalhe de cada categoria de informação fica a saber os dados que estão disponíveis.

Portanto, se na linha “Vehicle history” diz que tem zero, é escusado comprar porque só terá informações genéricas sobre o modelo do veículo. E não é isso que nós queremos. Escusa de comprar o relatório. Evita perder 12 euros.

O relatório é fiável?

Já me disseram também que estes sites não são fiáveis, porque investigaram o veículo e a cor era diferente ou havia dados que não correspondiam.

Há erros que podem partir de si, ou seja, ter trocado uma letra ou número do VIN ou também pode haver erro da base de dados deles. Não se esqueçam que os dados são inseridos pelos funcionários dos Centros de inspeção dos vários países. Estes sites só “vasculham” as bases de dados disponíveis legalmente nesses países e disponibilizam os resultados num relatório. Também podem enganar-se lá como cá. Portanto, verifiquem todos os detalhes para conferir que estão mesmo a receber o relatório do vosso carro e que não tem valores estranhos que coloquem em causa a credibilidade do documento.

Só recebi uma mensagem de um caso em que o senhor relatou que o carro não correspondia ao carro do VIN que colocou. Todos os outros (muitas dezenas) confirmaram que o relatório correspondia ao VIN e que o carro tinha sido de facto “martelado” ou pelo contrário, que estava tudo bem e ficaram descansados. Não sei o que terá acontecido nesse caso.

Mas não comprem os relatórios sem necessidade. Se não tem os dados, não vale a pena comprar o relatório.



3 comentários em “Não compre relatórios de carros usados desnecessariamente

  1. Pedro Reply

    Ok, vi a reportagem, fui a um dos sites, e lá constatei que de facto fui enganado, o meu carro tem menos kilómetros do que o último registo que consta no “report”.
    E agora? É que quem ainda não comprou, tem a opção de não efectuar a compra… e quem já comprou e constata agora que foi enganado? O que é que pode fazer?

  2. Marco Lopes Reply

    Estes tipos de serviços (e qualquer outro!) devem ser adquiridos sempre com PAYPAL. Hoje em dia, qualquer loja que recuse este meio de pagamento é de evitar. O PAYPAL dá uma protecção ao comprador, em caso de fraude, do serviço não ser o esperado, etc, e serve de mediador para resolver o problema, estando quase sempre do lado do comprador.

    • Celso Reply

      Marco, verdade mas neste caso nao foi culpa da entidade que fornece os dados. Está bem explicado. Mas ainda assim, não me importo de perder o amor aos 12€ e saber um pouco mais sobre o histórico do carro, mesmo que não diga nada sobre os quilómetros. Vale mais prevenir que remediar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *