VÍDEO – Como saber se mexeram no conta-quilómetros

Escrito por Pedro Andersson

22.11.17

}
4 min de leitura

Publicidade

Como não ser enganado se comprar um carro usado

Estou convencido de que esta reportagem pode mudar muita coisa no mercado dos carros usados em Portugal. Assim que comecei a dizer que ia fazer uma reportagem sobre conta-quilómetros “martelados”, começaram a chover histórias de pessoas enganadas na compra de carros em segunda mão.

Enganado em 26 mil km

Uma pessoa que nos contactou e que não quis ser identificada explicou que comprou um carro importado num stand porque estava barato e a folha da inspeção portuguesa dizia que só tinha 43 mil km. Não era uma pérola, mas para um carro com dois anos parecia “normal”.

Quando baixou a pala do sol descobriu o papel da mudança do óleo (o vendedor esqueceu-se deste pequeno pormenor) deu com este valor: quase 70 mil km.

Afinal o carro tinha quase o dobro dos quilómetros.

O dono do stand não admite e diz que o papel é de outro carro. O cliente vai a dois sites europeus que servem para detetar estas fraudes, inseriu o VIN (Vehicle Identification Number), ou seja o número do quadro, e confirmou que a inspeção mais recente do carro no país de origem era de 67 mil km.

Está agora em negociações com o dono do stand para lhe baixar o preço do carro.

Nos sites europeus até têm as fotos dos carros que já tiveram um acidente. Em Portugal esses dados são “secretos”.

E se o carro for português?

Aí, basta ir ao IMT ou IMT online, pagar 30 € (na net tem 10% de desconto) e recebe em casa ou no e-mail uma Certidão com todas as inspeções do veículo que lhe interessa e os respectivos km em cada uma delas. Se o número andar para trás em algum ano é porque o conta-quilómetros foi adulterado.

O meu primeiro carro foi vítima

Por causa da reportagem, acabo de descobrir que o meu primeiro carro, que vendi há muitos anos, ainda anda na estrada e que lhe “roubaram” 59 mil km. Não faço ideia de quem o tem neste momento. Já pode ter passado de mãos 10 vezes.

Como podem ver na foto, passa de 168 mil para 109 mil na inspeção seguinte.

Qualquer pessoa pode pedir esta certidão sobre qualquer carro em Portugal. Basta saber a matrícula e pagar 30 euros.

E o motor?

Se não conhece nenhum mecânico, talvez não saiba mas pode levar o carro que lhe interessa a uma inspeção facultativa. Paga o mesmo preço da inspeção obrigatória mas fica com a certeza de que não vai ter uma surpresa desagradável depois de o comprar, relativamente aos pontos que a inspeção investiga.

Eles vêem tudo, excepto o interior do motor. A lei não lhes permite desmontar nenhuma peça para ver como está dentro. Pelo menos o básico é visto e se tiver alguma falha sempre pode pedir ao vendedor que repare primeiro uma despesa que teria logo na primeira inspeção depois de comprar o carro. Só aí fica com essa despesa paga.

Pode ver ou rever AQUI a reportagem desta semana do Contas-poupança onde pode ver tudo isto que lhe expliquei neste artigo com mais detalhe.

http://sicnoticias.sapo.pt/programas/contaspoupanca/2017-11-22-Como-comprar-um-carro-em-segunda-mao-sem-ser-enganado

Nunca mais se deixe enganar ao comprar um carro usado. Mostre que sabe e conhece os seus direitos. Olhe que pode valer muito a pena gastar 30 euros se isso significar evitar uma má compra de 5, 10, 15 ou 20 mil euros. O barato sai muitas vezes caro. Se encontrar um “achado”, confirme que é um “achado” e compre o “achado”. Essas sim, são as compras boas!

Por último, como em todas as profissões, há bons e maus profissionais. Não quero transmitir a ideia de que são todos uns desonestos. Nada disso. Como infelizmente acontece alguns serem, quem tem de se proteger é o consumidor. Como em todas as outras compras. Infelizmente, os honestos muitas vezes vão à falência porque não conseguem competir com os outros.

Faça “Gosto” na página de Facebook do Contas-poupança para não perder nenhuma dica daqui para a frente.

 

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 e 6 meses e sobem a 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Devolução de propinas – Prazo termina esta sexta-feira

Mais de 165 mil jovens já pediram o Prémio salarial Atenção ao prazo! O prazo para pedir o Prémio Salarial, que prevê a devolução aos jovens do dinheiro que investiram na sua educação superior, termina esta sexta-feira, dia 31 de maio. Os licenciados e mestres que...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem a 3 e 6 meses e descem a 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (3 a 9 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PODCAST | #244 -Vale a pena investir em ouro? (A pergunta do Pedro)

Subscreva a nossa Newsletter, para não perder nenhuma dica *Ao subscrever, a informação partilhada será usada de acordo com os nossos Termos e Condições e a nossa Política de...

Jovens vão poder decidir a cada ano que regime de IRS preferem

Opção pelo IRS jovem é anual e poderá ser alterada ou renovada O novo modelo de IRS Jovem aprovado recentemente pelo governo é diferente daquele que ainda vigora atualmente, na medida em que prevê uma redução das taxas do imposto que incidem sobre os escalões de...

Rendas de pessoas deslocadas em trabalho vão poder ser deduzidas

Medida aplica-se a deslocados a mais de 100 quilómetros de casa As pessoas que tenham de ir trabalhar para mais de 100 quilómetros de distância da sua residência habitual e pretendam rentabilizar a sua habitação enquanto estão fora vão poder deduzir a esse rendimento...

Garantia pública extingue-se quando jovens pagarem primeiros 15% do empréstimo

Garantia pública de até 15% aplica-se a casas até 450 mil euros O governo aprovou recentemente uma garantia pública de até 15% para ajudar os jovens até aos 35 anos a conseguir financiamento para comprar casa. Na segunda-feira, ao terminar o Conselho de Ministros...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (27 de maio a 2 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Publicidade

Artigos relacionados

51 Comentários

  1. paulo Almeida

    Pena é que em Portugal para se combater estas aldrabices se tenha que pagar 30 euros a outro bandido bandido que é o estado,deve sair muito caro ao estado facultar uma informação que já existe no sistema para outros fins,ser facultada ao contribuinte para que ele se defenda,por estas e outras é que continuamos a ser um país de corruptos e aldrabices que vivem a custa dos pobres

    Responder
    • Felisbela

      Acho que pior que isso é saber que fazem as inspeções e passam, mesmo que tenham menos quilometros que na inspeção anterior! Não deveria ser algo verificado?

      Responder
  2. Ivo Tomás

    Mas ca em portugal, so podemos obter essa informação com a matrícula portuguesa..????
    É que estou a pensar comprar um carro mas ainda nao foi legalizado cá.. so quando o tiver comigo é que terei acesso a matrícula nova.

    Responder
  3. Francisco Gouveia

    Bom dia Pedro e a todos quantos por aqui leem e escrevem…
    Quanto aos conta kilometros existe ainda uma outra situacao passada com um primo meu que foi avaria no mesmo, devido a idade do carro e ao mecanico dizer nao ter reparacao ou nao saber reparar (e o mais certo…) foi a sucata e trouxe outro com menos kilometros (nao se sabendo se tambem poderia ou nao de algum modo ser ajustado para ter os mesmos km do anterior) e na inspecao fizeram um reparo verbal mas nada assinalaram na folha como meio justificativo por ter sido avaria e mudado e nao com intencao de enganar alguem…

    Responder
  4. Hugo

    Estou para comprar carro usado, neste caso sei que é importado. Usei os dois sites que referem na reportagem, paguei em ambos e o histórico é igual a zero em termos de kilometragem. É útil saber que não é um carro roubado e que não tem sinistros mas em termos de kilometragem penso que o antigo dono não fez revisões ao carro ou usou uma oficina não certificada logo não há dados de kilometragem. É pena pois a dúvida mantém-se

    Responder
    • Pedro Andersson

      Certo. Agora compra ou não compra. Pelo menos fez o que devia pelo seu lado.

      Responder
  5. Natália

    Boa noite Sr. Pedro Anderson
    Antes de mais agradeço a sua reportagem. Sem duvida temos que estar muito atentos.
    Só por curiosidade, consultei no site UK.VIN-info.com o caso de uma viatura que tive.
    Comprada em 2007, feitas algumas revisoes na Marca em Portugal. em 2014, na Alemanha teve um acidente e foi perda total. vendi o carro como “salvado” a uma empresa Alema que o ia exportar para a Polónia.
    Resumo: no site, nao aparece o registo de kms, nem o registo dos acidentes. os unicos dados no Report recebido sao os dados do veiculo e do construtor.

    Responder
  6. Miguel Braga

    Boa noite Sr. Pedro Anderson,

    Agradeço esta e outras reportagens. Sem dúvida que temos de estar muito atentos no que toca a comprar uma viatura, o que não é fácil por todas as razões que descreveu e tratando-se de uma compra “emocional”. Toda e qualquer informação sobre o estado das viaturas deveria ser de domínio público e sem custos. Já pagamos IVA, IA e IUC. Para quando uma reportagem sobre a suposta “ilegalidade” do IA? E a barbaridade do IUC… como é que é possível que os carros mais velhos paguem menos IUC se, pela lógica, poluem mais…

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola Miguel. Obrigado pela sugestão. O critério da rubrica é dar soluções ou alternativas. Infelizmente em relação aos impostos não tenho outra opção senão pagar. Posso denunciar mas depois perguntamos todos: “Sim. E…?”

      Responder
  7. Jorge fernandes

    Será porque não foi a nenhuma inspecção devido a serem carros ainda com pouco tempo e daí não aparecer quilómetros?

    Responder
  8. António Silva

    Boa tarde, e como confirmar quando estamos a falar de semi-novos, carros de serviço ou carros com menos de 1 ano?
    Se quiserem esconder alguma coisa não vão à marca e podem vender um carro com 50000kms, por exemplo de renting, com menos de 1 ano e vender como sendo de exposição ou de serviço com 5000kms.
    Esta técnica da martelagem dos kms só funciona com carros com mais do que 4anos … muita coisa pode acontecer antes dos 4 anos … um carro de renting bem usado faz bem entre 100000 e 200000kms nesse período … antes dos 4 anos é colocado à venda, materlado e vendido como semi-novo …
    Eu acho que até as marcas não se importam muito com isso porque deve haver maneiras de impedir que seja alterado o nº de kms.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Esse retrato é correto. Só confiando em quem vende…

      Responder
  9. Filipe Amorim

    Boa noite, uma questão: quanto tempo demorou a obter o certificado do IMT? Obrigado!

    Responder
  10. Vera Duarte

    Graças a esta reportagem eu e o meu marido evitámos ser “enganados” 3 vezes (em stands e sempre carrinhas Renault Megane de 2014/2015), o primeiro, que era um “achado”, depois de tudo acertado para fechar negócio, depois de muitas conversas sobres estas “aldrabices” modernas, parecia-nos muito confiável e uma pessoa séria… mas por descargo de consciência através do AutoDNA com o nº do quadro descobrimos que a viatura foi vendida num leilão acidentada frontalmente, uma batida com danos muito extensos .. Desistimos de imediato e o sr disse que não sabia de nada… Claro que não!..
    Na segunda, o que nos parecia um bom negócio mas não um “achado” porque achámos que achados poderiam ser sinonimo que “aldrabice” na certa, explicamos o que nos sucedeu com o quase negócio anterior, o sr. muito integro, muito sério, disse que ali não, trabalhava com transparência e lá fomos seguindo, gostámos, negociámos, às tantas, não nos tinha sido facultado o nº do quadro (porque sempre que falámos nisso o assunto estranhamente era desviado), mas achávamos que não haveria nada de mal e que era muita coincidência também aquela viatura nos trazer surpresas, porque os valores não eram nada abaixo da média do mercado. Num momento de distração do vendedor (dono do stand) o marido conseguiu tirar foto do nº do quadro, mas lá assinámos tudo, prontos para fechar negócio e ir buscar a viatura 2 dias depois… MAS, ao chegar a casa, lá fomos investigar, novamente por descargo de consciência e não é que o raio da carrinha também tinha sido vendida acidentada…. Parece mentira, mas é verdade! Falámos com o vendedor, disse-nos que garantia que tinha ficado bem reparada como nova, dissemos que queríamos cancelar o negócio porque essa informação foi-nos ocultada (sabendo mesmo do que nos tinha acontecido anteriormente) e que perdemos completamente a confiança.
    Passámos a pedir de imediato o nº dos quadros e de mais duas que vimos, uma delas (a que mais gostámos), marca 84mil kms, antes de qualquer perda de tempo com negociações ou entrega de documentação, com o nº do quadro, descobrimos que a mesma já teve há uns meses atrás 190mil kms, logo este absurdo de diferença de mais do dobro dos kms foi um “desgosto” ficámos atónicos, pensando que à terceira seria de vez, não foi, a quarta, enfim, já tudo bate certo e vamos agora fechar negócio. Mas não podemos esquecer, não fomos “enganados” nesses aspectos (noutros é impossível saber-se, o futuro o dirá…) mas tivemos que gastar alguns euros nestas “brincadeiras”, como quase 60€ ao todo.. Agora o próximo passo será levar a viatura escolhida a uma inspecção facultativa e esperar que esteja tudo bem!
    Agradecemos mesmo por esta reportagem, sem muita informação que tivemos conhecimento através da mesma não tínhamos descoberto os “podres” escondidos nestas vendas.
    Muito obrigada à SIC e ao Pedro Andersson. Cumprimentos.

    Responder
    • Diana Madeira

      Vera com o número do quadro como fez a verificação?

      Responder
  11. Vitor

    Nalguns centros de inspecção à muita corrupção e por perto de 100 € qualquer carro passa sem ter de fazer a inspecção própriamente dita.

    Responder
  12. Ana

    Caro Pedro,

    Penso que a minha mãe também foi enganada. No caso dela, comprou um carro que já tinha sido importada da Dinamarca em 2015, e diz o seguinte, segundo o report que paguei pelo autodna.com:

    Odometer readings : #3
    2015-11-18 | Mileage: 197 000 km – Condition: Approved
    2015-11-18 | Mileage: 197 000 km – Export Inspection
    2013-10-24 |Mileage : 99 000 km – Condition: Approved
    A primeira matrícula portuguesa é de 2010-01-05 …
    Ela comprou-o a stand português com pouco de 80 000km …
    Logo, parece-me que também foi enganada e bem! Não percebo é como, se aquela inspeção de 2015-11 já terá sido, supostamente, realizada em Portugal …eles não verificam a disparidade de quilómetros? Não percebo.

    O que me aconselha para ter a certeza? Se se confirmar, e visto que já passou 1 ano e meio da compra, posso e devo dirigir-me ao stand e confrontá-los?

    Agradeço a vossa ajuda.
    A união faz a força. É preciso denunciar esta cambada de aldrabões!!!

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá Ana. Tem de decidir o que fazer. Há quem devolva o carro, troque, exige devolução do dinheiro, etc. Tem os tribunais em último caso. Não é fácil.

      Responder
  13. Sandra

    Bom dia.
    Até qto tempo depois da venda. .o stand pode ter responsabilidades se o comprador descobrir aldrabices?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. É uma questão de negociação. Claro que pode colocar o stand em tribunal mas ele poderá dizer sempre que não sabia e que já vem de antes. Ou tem provas de que foi ele, ou terá de iniciar uma negociação “a bem”.O consumidore tem de começar a precaver-se destas situações ocmo vejo que já está a acontecer. Depois, é tudo mais complicado.

      Responder
  14. Diego

    Olá,
    Passei pela situação hoje mesmo.
    Estava para assinar o contrato quando decidi pedir o certificado de inspeções do IMT Online e ao receber constatei que o conta quilometros foi adulterado antes da última revisão em 29/05/18.
    Caso um novo comprador chegue a este site em busca de informações sobre a matrícula 49-EF-19 não a compre.
    Sds.

    Responder
  15. Pedro

    Boa tarde

    Antes de mais, parabéns pelo video. Dicas super uteis, principalmente para pessoas como eu que só compram carros usados.
    No entanto imaginei este caso:
    Eu compro um carro novo e nos primeiros 4 anos faço 120.000kms.
    Tiro-lhe 100.000kms e vou à primeira inspecção com 20.000kms.
    Aqui o registo de inspecções não nos ajuda 🙂

    Obrigado

    Responder
  16. Pedro

    Boa tarde

    Antes de mais, parabéns pelo video. Dicas super uteis, principalmente para pessoas como eu que só compram carros usados.
    No entanto imaginei este caso:
    Eu compro um carro novo e nos primeiros anos faço 120.000kms.
    Tiro-lhe 100.000kms e vou à primeira inspecção com 20.000kms.
    Aqui o registo de inspecções não nos ajuda 🙂

    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Correto. Nada a fazer. Daí confiar em quem lhe vende o carro.

      Responder
    • Pedro Andersson

      … até podem tirar 10 mil antes de cada inspeção. As pessoas ou são honestas ou não são.

      Responder
  17. carlos martins

    Muito óbrigado pelo artigo no entanto ando a ver um carro usado mas o stand tem a matricula tapada, será que me facultam ver a placa?

    Responder
  18. carlos martins

    Ando a ver um carro mas no stand a matricula está tapada parece-me que devo duvidar do negócio, Qual é a vossa opinião

    Responder
    • Pedro Andersson

      Pergunte qual é a matrícula e explique porquê. A resposta dirá tudo.

      Responder
  19. Sónia

    Boas,
    Se eu fizer o pedido online da certidão de inspecções, quanto tempo demora a certidão?

    Obrigada

    Responder
    • Pedro Andersson

      Creio que é imadiato. Segundos depois. Confirme, por favor. Quando pedi foi presencial.

      Responder
  20. Gomes

    Bom dia!
    Eu não sei se nos centros de inspecção automóvel anotam os quilómetros que o carro tem, ou melhor, se registam os quilómetros dos carros, para futura verificação.
    Vou contar um caso que me aconteceu + – 10 anos.
    Eu tinha um carro que aos 100000 quilómetros precisou de ser mudado o quadrante, onde se inclui o conta quilómetros, ora o carro ficou naquele momento com 0 quilómetros. o mecânico avisou-me para guarda-lo para no caso de ir à inspecção mostra-lo, e justificar a razão de o carro só ter aqueles quilómetros.
    Quando o carro foi à inspecção não me questionaram sobre os quilómetros que o carro tinha. Mais tarde vendi o carro pela Internet, e quem o comprou ia vende-lo a outrem, e ficou todo contente quando eu lhe disse toda a verdade sobre os quilómetros que o carro tinha, resumindo, o infeliz que comprou o carro com 70000 quilómetros afinal levou um carro com 170000 quilómetros.
    Eu acho que deveria ser obrigatório os centros de inspecções colocarem os quilómetros no certificado de aprovação.

    Cumpeimentos

    Responder
  21. Diana Madeira

    Boa Tarde
    Moro na Inglaterra e aqui basta ter a matrícula e pode-se consultar online tudo gratuito sobre o carro no site do governo. Ver os kms, se passou ou não na inspecção e se não passou diz o porquê.

    Responder
  22. Diana Madeira

    Boa Tarde
    Infelizmente é tudo um segredo em Portugal.
    Moro na Inglaterra e aqui basta ter a matrícula e pode-se consultar online tudo gratuito sobre o carro no site do governo. Ver os kms, se passou ou não na inspecção e se não passou diz o porquê.

    Responder
  23. Fernando Jorge Pereira Gonçalves

    Boa tarde eu comprei un carro importado 2 meses depois descobri que os km forão alterados isso fui ai dezembro o que posso fazes

    Responder
  24. Fernando Jorge Pereira Gonçalves

    Boa tarde eu comprei un carro importado 2 meses depois descobri que os km forão alterados isso fui ai dezembro o que posso fazes onde possa reclamarem

    Responder
  25. Mafalda Candeias

    Boa noite, tenho uma questão.
    Eu adquiri um relatório da autodna, mas no histórico do veículo apenas aparece uma coisa que é a leitura dos km no dia 13-6-2018 e diz que são 62 000 km, certinhos.
    Parece-me um pouco estranho só aparecer isto e para além disso aparecer um número tão redondo para os km.
    Alguém me sabe ajudar a perceber se isto é normal ou se estou a desconfiar sem ter razões?
    PS: o carro vem da Alemanha
    Obrigada

    Responder
  26. Fernando

    como verificar se os quilômetros foram martelados se o carro ainda não tem 4 anos logo ainda não precisa de inspeção obrigatória?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Só ligando para a marca. Se forem simpáticos dizem. Não são obrigados…

      Responder
      • Rafael Vitorino

        Quanto tempo demora a certidao por email?

        Responder
      • Vladi Gomes

        Olá boa tarde, se descobrir que os quilómetros foram adulterados só depois de ter comprado o carro mais que ainda está dentro da garantia será que ainda tenho o direito de exigir outro carro com o mesmo valor ou renegociar o valor pago pelo carro ??
        Obrigado

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá. Vai ter de negociar isso diretamente com o vendedor. O que ele lhe pode dizer é que o carro já estava assim e que ele não é culpado e negar-se a desfazer o negócio. Nesse caso só o tribunal decidirá e não tem a garantia de que ganhará a ação. Comprou na condição em que ele estava… E le evendeu-o na condição em que ele estava. Ele vai dizer que não sabia e que também foi enganado. É uma questão de “conversar” e chegarem a um entendimento.

          Responder
    • Fabiana

      Qual o site em que posso ver se um carro importado tem os km certos?

      Responder
  27. Daniel Mota

    Boa noite,
    Estou em vias de comprar um carro usado que me parece um óptimo negócio mas verifiquei à instantes no site do IMT que o mesmo passou de 500 000 kms para 163 000 kms. No entanto o que me está a deixar intrigado é o facto de o carro ser de Dezembro de 2012 e ter sido inspeccionado todos os anos, ou seja, já foi inspeccionado 6 vezes. Pelas minhas contas só devia ter ido 2 vezes. Alguém sabe se isto é algum lapso da certidão do IMT ou em que circunstâncias isto pode acontecer?

    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Se chumbou numa inspeção teve de ir a uma reinspeção. Veja as datas.

      Responder
  28. Daniel Mota

    Aproveito para acrescentar que as 6 vezes que foi inspeccionado não reprovou nenhuma e foram todas com um intervalo de 1 ano.

    Responder
  29. Luis Martins da Silva

    Luis Silva 18-07-2020 Em releção aos quilómetros a minha opinião é insignificativa, porque os quilómetros podem ser poucos, e o carro estar todo arruinado, devido a falta de assistência, como se conduz, as estradas que o carro percorre, e muitas coisas mais. Que o carro pode não ter quilómetros, e estar arruinado a todos os sentidos, e um carro pode ter muitos quilómetros, e estar impecável de tudo, inclusive de motor que pode ter sido reparado ou outro motor, . Também se tem folgas, nas inspeções são reprovados e tem que ser subestituidas

    Responder
  30. Pedro

    Meus caros. Da experiência adquirida vos digo: Confiem mais em particulares do que em stands. O negócio ideal é com particulares, que tenham um motivo válido para vender o carro (ex: compraram 1 novo, emigraram, etc.), tenham comprovativo de todas as manutenções na marca (e respetivos kms), e aceitem um check-up na marca, que revele que o carro está a 100%.
    Rejeitem por completo veículos importados, veículos com a matrícula tapada, veículos com mais que 1 dono, ou com o volante e os pedais desgastados. Seja qual for a proveniência.

    Responder
    • Herculano

      Na maior parte dos Mercedes, dificilmente consegue ver pedais desgastados….são de excelente qualidade! Quando compro usado, tento só adquirir, mesmo que mais caro, veículos de serviço, veículos com comprovativos de assistência na marca, ou que tenham garantia de pelo menos um ano!

      Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. Mudar de carro II - Mudar-me - […] percebi que é preciso ter alguns cuidados, foi então que me lembrei de ir ver um episódio do contas poupança…

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.