ELETRICIDADE | A lista das 10 empresas mais baratas este mês (Novembro de 2022)

Escrito por Pedro Andersson

16.11.22

}
8 min de leitura

Publicidade

A Lista das 10 empresas mais baratas

Comecemos pela boa notícia (que pode alterar-se a qualquer momento): os preços da eletricidade no mercado grossista estão a baixar. Isso está a refletir-se nos tarifários indexados ao OMIE (Mercado Ibérico de Eletricidade) que já estão ao mesmo preço do mercado regulado (SU Eletricidade). Obviamente, vai ter de ter em atenção a Taxa MIBEL que é automática para quem tiver tarifários indexados. Mas não deixa de ser uma boa notícia. Vamos ver é até quando é que estes preço mais baixos se vão manter.

Há ainda várias empresas com melhores preços do que o regulado. Já lá vamos.

Vamos então ao resumo da situação do mercado da eletricidade em Portugal em Novembro:

  1. A Endesa continua com o preço mais barato do mercado (para novos clientes) a par da Goldenergy;
  2. A eletricidade no mercado regulado continua no terceiro lugar da tabela. É uma boa opção para quem está em dúvida sobre as empresas do mercado livre.
  3. Várias empresas com preços indexados regressaram ao TOP 10 depois de vários meses de ausência (atenção à “taxa” Mibel que não conta para este ranking)
  4. A EDP Comercial (a maior empresa) não entra sequer nos 10 mais baratos.

Atenção ao detalhe do “Mecanismo de ajuste” porque é um valor que vai somar ao preço do kWh e que não está nos preçários. Se não sabe do que estou a falar veja este artigo e ouça este podcast.

Eletricidade | Mercado regulado vai aumentar 1,1% em janeiro de 2023

Recordo que esta lista é dos preços mais baixos para NOVOS clientes e não para os clientes atuais (se você fez um contrato com preços melhores, mantenha-os). E os preços que menciono neste artigo são preços sem qualquer desconto em talões, códigos amigo, hipermercados e gasolineiras. Essas contas podem fazer toda a diferença.

Veja os preços na sua fatura e compare com os que lhe vou mostrar a seguir. Sempre que encontrar mais barato, e confiar, mude!

– “Qual é a empresa de eletridade mais barata?”

Uma das perguntas que mais vezes me fazem é: “Qual é a empresa de eletricidade mais barata?”. Respondo sempre que a resposta não é fácil porque depende muitos dos seus gastos, potência contratada, tarifa simples ou bi-horária e descontos adicionais que possa ter.

Mas como compreendo que precise de pelo menos um ponto de referência, passei a fazer todos os meses um TOP 10 das empresas mais baratas em Portugal, usando os meus critérios e pelos quais só eu me responsabilizo.
Quero que compreenda que pode poupar bastante todos os anos, se estiver sempre atento e for cliente da empresa que lhe fornecer a eletricidade mais barata a cada momento. Não lhe estou a dizer para mudar de fornecedor todos os meses, mas sempre que descobrir uma empresa onde a poupança pode ser substancial, porque é que há-de pagar mais caro se pode ter o mesmo mais barato?
Os preços da eletricidade na produção (OMIE) continuam a baixar, como podem ver no gráfico abaixo. Atenção que todos os valores referidos são sem IVA. A linha azul é o mercado regulado. Os tarifários indexados de eletricidade funcionam com o preço a que as empresas compram a eletricidade mais um pequeno lucro para a empresa. Se subir lá fora sobe, se descer muito também poupa muito. Nunca sabe quanto vai pagar no mês seguinte. Já foi um bom tarifário, talvez volte a sê-lo quando acabar o tal mecanismo de ajuste.

Esta é a evolução do ranking ao longo dos últimos 6 meses. Como poderá reparar, a Endesa e a Goldenergy continuam a concorrer com o mercado regulado (SU Eletricidade). Até Janeiro, disseram que não vão aplicar o tal mecanismo de ajuste. A MEO Energia também tem um bom preço do kWh, mas o valor da Potência Contratada é uma brutalidade. Há neste momento 5 empresas com o preço do kWh abaixo da SU Eletricidade.

O Top 10 das empresas de eletricidade mais baratas

Decidi ajudar os que têm mais dificuldade em interpretar estes dados fazendo uma lista (ranking) mensal dos 10 melhores preços que as várias empresas estão a praticar em cada mês.
Estes artigos mensais não são um conselho para mudar para nenhuma empresa. A informação que lhe estou a dar é COMPLETAMENTE ISENTA e baseia-se nos preços que estão no simulador da ERSE, escolhendo a opção “Menor preço”.

Sempre que uma empresa muda um preço é obrigada por lei a avisar a ERSE (porque é o regulador), para ela atualizar o simulador. Portanto, dados mais rigorosos e atualizados não há (a menos que as empresas tenham falhado o compromisso ou a ERSE não tenha atualizado a base de dados no tempo devido). Estes preços que vai ver são para novos contratos e não os que provavelmente tem na sua fatura.
Na lista, por exemplo, pode verificar que a empresa X (que é a sua) tem o primeiro, segundo ou terceiro preço mais barato e pensar que está bem, mas estar a pagar muito mais atualmente (porque você nunca mais se mexeu e negociou e todos os anos os tarifários mudam) do que o preço que a sua própria empresa está a fazer para novos clientes, ou o contrário.

Os critérios do Top 10

Para fazer as contas, usei a minha potência contratada (4.6 kVA) e tarifa simples. Se quiser saber quais são os preços da tarifa bi-horária ou de outras potências contratadas vai ter de pesquisar por si, seguindo os mesmos passos.
Para os gráficos só uso o preço do kWh (não levo em conta o preço da potência contratada) porque considero que embora influenciem o preço final da fatura, a grande poupança está no kWh para quem gasta mais de 200 kWh por mês.
É o meu critério, não tem de concordar com ele. Decidi assim porque se tivesse de acrescentar a potência contratada ia complicar tanto as contas que as análises se tornariam incompreensíveis. E eu quero que percebam o que é mais importante.
Por outro lado, no ranking Top 10, a potência contratada está incluída nas contas da ERSE. Simulo 300 kWh/mês e o simulador da ERSE dá-me estes resultados que vai ver. Farei isto no início de cada mês e o resultado que der é o que partilho aqui.
Naturalmente, a sua situação será certamente diferente da minha, e um dia depois de publicar estes valores, qualquer empresa pode mudar os seus tarifários ou fazer promoções novas, ou terminar as que tinham. Portanto, deverá sempre confirmar os preços e condições com cada empresa antes de mudar seja para qual for.
O TOP 10 não leva em conta descontos promocionais ou preços condicionados (ser sócio de um clube, aderir a um seguro, etc.). É o preço mais baixo possível de todos os tarifários de cada empresa e ponto final.

As empresas mais baratas em Novembro de 2022

De acordo com os preços apresentados pelas empresas e registadas na base de dados da ERSE – as que têm os preços mais baixos (kWh + potência contratada) – são estas no dia em que fiz a análise.

Na prática, verá que muitas delas têm o mesmo preço (com uma diferença de centésimas). Isto quer dizer que por vezes entre os primeiros 3 ou 4 mais baratos as diferenças são praticamente ridículas. Nesses casos deve ponderar escolher aquela em que confia mais ou acredita que tem o melhor serviço.

A RETER:

  • A Endesa e a Goldenergy continuam a ser as únicas empresas mais baratas do que o mercado regulado (SU Eletricidade), também porque não aplicaram ainda o ajuste MIBEL.

  • A Galp e a Iberdrola já começaram a aplicar o Mecanismo de ajuste Mibel. Avalie se quer mesmo pagar esse suplemento quando tem alternativas.

  • O preço da eletricidade no mercado grossista continua a baixar.

No gráfico abaixo coloquei apenas as marcas principais e com os preços mais baixos. Veja como eles vão alterando os preços ao longo dos meses sem nós nos apercebermos. Atenção que este é só o gráfico com o preço do kWh, não leva em conta a potência contratada.

Espero que esta informação seja útil – todos os meses – para que perceba se está a poupar ou a perder dinheiro com a sua fatura da eletricidade. E para perceber quantas vezes as diversas empresas mudam os preços ao longo do ano e se é para cima ou para baixo.

No fundo, é um pouco como os preços dos combustíveis. Esses mudam todas as semanas, na eletricidade é todos os meses, ou de dois em dois ou de 6 em 6. Mas tem de estar atento. Depois se muda de empresa ou não, é consigo. Continue atento à sua fatura. Compare sempre o preço do kWh e da potência contratada que tem na sua fatura, com os que mostro aqui neste artigo mensal. Se encontrar mais barato, mude! E a partir de agora também tem de ter em conta se a sua empresa vai aplicar ou não o Mecanismo de ajuste MIBEL. Em alguns casos pode quase duplicar a sua fatura e não o avisam antes…


Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

Painel solar fotovoltaico – Balanço Outubro de 2022 (Mês #71)

Balanço de Outubro de 2022 Estou a tentar recuperar os meus balanços perdidos. Segue agora o balanço de produção dos meus painéis solares em Outubro e dentro de 15 dias faço o de Novembro. E depois - espero - volto a entrar no ritmo mensal normal. Para os que chegaram...

PODCAST | #142 – Conheça a lei que obriga os bancos a renegociar o crédito à habitação

Conheça os seus direitos se precisar renegociar o seu crédito à habitação A lei que tantos esperavam já está em vigor. Foi publicada em Diário da República e agora os bancos têm até meados de Janeiro de 2023 para fazer a lista dos clientes que preenchem os requisitos...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (5 a 11 de dezembro)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

EURIBOR | Prestação da casa sobe entre 108 e 251 euros em Dezembro

Prestação da casa pode subir 250 euros em dezembro A prestação da casa paga pelos clientes bancários no crédito à habitação vai subir acentuadamente este mês nos contratos indexados à Euribor a 3, 6 e 12 meses, face às últimas revisões, segundo a simulação da...

CRIPTOMOEDAS | Estou a ganhar ou a perder dinheiro? (Mês #8 a #11 – Agosto a Novembro 2022)

O meu investimento em Criptomoedas - Balanço #8 a #11 (Agosto a Novembro de 2022) Fui ver há quanto tempo não fazia este balanço de quanto estou a ganhar ou a perder com o meu "investimento" em criptomoedas e apercebi-me que já não fazia este balanço mensal desde...

REFORMAS | Quem se reformar antecipadamente em 2023 vai ter uma corte de “apenas” 13,8%

Corte nas pensões pelo fator de sustentabilidade recua para 13,8% em 2023 O corte das pensões por via do fator de sustentabilidade, aplicado a algumas reformas antecipadas, vai ser de 13,8% em 2023, recuando face aos 14,06% deste ano, segundo cálculos com base em...

EURIBOR | Lei da renegociação do crédito à habitação já está em vigor – Como funciona?

Conheça as regras para a renegociação dos créditos à habitação A lei acaba de ser publicada (na sexta-feira) e entrou em vigor no sábado passado (dia 26 de Novembro). É a famosa lei que vai “obrigar” os bancos a renegociar os créditos à habitação sempre que a taxa de...

EURIBOR | Taxas sobem a 3, 6 e 12 meses para máximos de 14 anos (2009)

Taxas Euribor sobem a 3, 6 e 12 meses para máximos de 14 anos As taxas Euribor subiram hoje para novos máximos desde o início de 2009 a três, seis e 12 meses. A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação avançou hoje para 2,436%,...

PODCAST | #141 – Se baixar o spread, o banco pode subir a minha prestação da casa? (A pergunta do Bruno)

O BANCO PODE AUMENTAR A MINHA PRESTAÇÃO SE EU PEDIR PARA BAIXAR O SPREAD? Esta foi a pergunta do Bruno, à qual respondo neste episódio do podcast. A esta pergunta juntam-se muitas outras, porque os bancos estão a receber uma verdadeira enxurrada de pedidos de...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (28 de novembro a 4 de Dezembro)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

Publicidade

Publicidade

Artigos relacionados

38 Comentários

  1. Manuel

    Boa noite,

    Eu gosto de ver as contas até ao limite, por isso vou deixar aqui o cálculo real para 30 dias e 300 kWh, usando os valores fornecidos para este mês:

    Empresa | kWh |Potência | Total
    Endesa | 0.1450 € | 0.2943 € | 65.38 €
    Goldenergy| 0.1465 € | 0.2928 € | 65.85 €
    SU | 0.1599 € | 0.2163 € | 67.74 €
    MEO | 0.1408 € | 0.4570 € | 69.90 €
    Iberdrola | 0.1409 € | 0.3166 € | 64.76 €
    Luzboa | 0.1584 € | 0.1698 € | 65.50 €
    Alfa | 0.1674 € | 0.2405 € | 71.28 €
    GALP | 0.1942 € | 0.2170 € | 79.84 €
    Muon | 0.2043 € | 0.2185 € | 83.45 €
    Repsol | 0.2291 € | 0.2205 € | 92.26 €

    A fórmula para o cálculo inclui o valor de 300 kWh e de 30 dias, e inclui também a taxa audiovisual (2.85€), a taxa da DGEG (0.07€) e o Imposto especial de energia (0.001€/kWh, isto é, 0.30€). À Taxa audiovisual e aos primeiros 100 kWh incidem ainda 6% de IVA, e 23% ao remanescente.

    Assim, fica:

    Valor = (2.85 + 100 x PkWh) x1.06 + (0.07 + 0.30 + 200 x PkWh + 30 x Pdia) x 1.23

    Aproveito para referir que sou da Endesa. Já tenho amigos suficientes para ter mais de uma fatura mensal gratuita, por ano, por isso se quiserem aderir com 1,23€ de desconto mensal, usem o meu código, que agradeço: 309023360.

    Cumprimentos a todos.

    Responder
    • Inês

      Bom dia, é necessária alguma informação da sua parte para ficar com o desconto mensal?

      Responder
      • Manuel

        Bom dia.

        Nada, apenas fornecer o código aquando da adesão.

        Obrigado.

        Responder
    • Joaquim Vasques

      agradeço informe qual a taxa de potencia ( desde 1,15 até 20,70 KWA ) em que baseou os valores apresentados.
      obrigado.
      JV

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. Como dito no artigo é 4.6, que é a minha 🙂

        Responder
    • Luciano Gomes

      Boa noite,

      Nos cálculos efectuados não está a considerar o valor do ajuste Mibel, empresas constantes na lista apresentada já o aplicam.

      LG

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. Certo. Mas só sabe o valor do mibel no mês seguinte. Como há empresas que não aplicam não inclui esse valor. Tem de ser cada um a acrescentar essa possibilidade. Refiro isso no texto do artigo.

        Responder
  2. Daniel

    Boa noite,
    Apenas uma duvida, o mercado regulado (SU Eletricidade) aplica o Mecanismo de ajuste Mibel?

    Responder
  3. Carlos Santos

    Pelo que posso depreender do seu artigo ser cliente EDP comercial há mais de 10 anos não compensa?
    Estou a elaborar um raciocínio certo?
    Agradeço ajuda.
    Obrigado
    Carlos Santos

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. O tempo de cliente é irrelevante. O que conta é o valor do seu kWh atual e comparar com a concorrência:)

      Responder
      • Ana

        O tempo importa.
        Um cliente da EDP Comercial há mais de 10 anos tem um preço diferente de um que faça o seu contrato agora.

        Responder
  4. Jorge Ferreira

    Boa tarde,
    Possuo endesa e de momento (sem qualquer desconto) tenho uma tarifa de termo de energia na ordem dos 0.08 centimos, sendo que já em Maio tinham descido dos habituais 0.14 centimos para 0.11.

    Gostaria de saber em que se baseia esta descida dado que em outros forums existem clientes que já questionaram a própria endesa da situação e não conseguem obter justificação para tal desconto, sendo que o mesmo fica abaixo da propria oferta atual em vigor.

    Será um erro que depois será corrigido e faturado com retroativos ou trata-se de facto de uma descida real?

    Cumprimentos

    Responder
    • Manuel

      Pode ser apenas uma estratégia de marketing, de angariar o máximo de clientes possíveis e, depois do fim do ano, aumentam os preços e lucram com os que têm preguiça para mudar novamente.

      Mas até lá é de aproveitar…

      Responder
    • Luis Alves

      Aconteceu-me o mesmo, e conheço mais gente assim.
      MAs pelas minhas contas este mes ja vai ser faturado pelos valores o Pedro partilhou.

      Responder
    • Luis Alves

      Confirmei agora. Este mes ainda vem a 0,084034 o KW.

      Responder
    • Jorge Ferreira

      Gostava de ver uma resposta do Pedro Andersson a esta questão.

      Responder
  5. Sérgio Sousa

    Será que a Endesa irá aplicar o imposto Mibel – Mercado Ibérico de Electricidade?

    Responder
    • Luis Alves

      Para já não se reflete na fatura deste mes.
      PAra quem quiser aderir e ter desconto de 1 euro por mes pode usar este codigo de desconto – 309963087

      Responder
    • Telma Barbosa

      Ola Pedro. Neste momento tenho Edp comercial para eletricidade (já alterei o gás), e pagamos 0.157 €/Kwh e 0.266 €/dia ambos com ainda 2% de desconto. Entretanto recebi o e-mail da atualização de preços a partir de jan/2023 e consta o seguinte:
      Eletricidade (Potência 4,6 kVA | Opção Simples)
      Energia 0.1068 €/kWh
      – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.2507 €/kWh
      Potência 0.2779 €/dia
      – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.1572 €/dia
      Consegue explicar-me qual é o valor que será aplicado a partir de janeiro? Não estou a perceber muito bem estes valores. Obrigada

      Responder
      • Maria Cristina Ferreira

        Também tenho contrato com a EDP Comercial para eletricidade (Potência 6,9 kVA | Opção Simples) e pago 0.1570 €/kWh e 0.3761 €/dia ambos com 2% de desconto.
        Entretanto também recebi o e-mail da atualização de preços a partir de jan/2023 e os meus valores também não têm lógica, porque o valor da Energia é inferior à Energia e Estrutura Comercial de acordo com os valores abaixo:
        Energia 0.1068 €/kWh
        – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.2507 €/kWh
        Potência 0.3917 €/dia
        – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.2107 €/dia
        Presumo que a EDP Comercial irá corrigir estes valores.

        Responder
      • cesar

        Já somos 2, eu olho para os valores e parecem inferiores, no entanto mencionam 3% de aumento.

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá. Porque estão já estão a contar com o aumento da potência contratada e do mecanismo Mibel.

          Responder
          • Augusto

            Olá a todos, também estou com duvidas de como intrepretar este comunicado da edp:

            Eletricidade (Potência 6,9 kVA | Opção Simples)
            Preço sem desconto a aplicar a partir de 01.01.2023
            Energia 0.1068 €/kWh
            – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.2507 €/kWh
            Potência 0.3917 €/dia
            – Dos quais Energia e Estrutura Comercial 0.2107 €/dia
            Com base nisto como é que posso calcular os valores que vou pagar a partir de janeiro ? é tudo pelo valor mais alto, certo ? e o imposto mibel fica já incluido neste valores?,
            Obrigado!

      • Mário Rafael da Silva Amado Alves

        Recebi exatamente a mesma informação e fiquei exatamente com a mesma dúvida!
        O site da EDP Comercial não aceita pedidos, deve estar sobrecarregado.
        O telefone também não atendem, escolhi opção para ser contactado dentro 2 dias.
        Considerando mudar para a SU Eletricidade, GoldEnergy, ou Endesa.
        Mas pelo que percebi é necessário declaração da EDP Comercial, que desconfio vai ser difícil de obter…

        Responder
  6. Miguel

    Pesquisei e pesquisei e ainda não sei qual a Empresa de Eletricidade Regulada para Cascais.

    Obrigado!

    Responder
  7. Rogério C. de Seixas

    Estou curioso. Apesar de ter painéis voltaicos montados desde 2021 , por lapso/desconhecimento continuei a enviar leituras para a Endesa. Esta, apesar de receber indicaçoes da ERSE manteve a facturação baseada nas minhas leituras, de maior valor. Este mês não enviei leitura, esperei pelo dia 21 para ver a informação no site da Endesa, no que se refere a valores indicados pela Erse. Como eu esperava e a fazer fé nesses valores , a Endesa terá que me creditar valores na factura que devo receber ainda este mês de Novembro. Estou curioso ….

    Responder
  8. José Carlos Martins

    Boa tarde Pedro,

    Uma pergunta: tem conhecimento que se quiser mudar do ciclo bi-horário para simples, se tiver há menos de 1 ano no bi-horário, a E-Redes bloqueia a transição?!
    Obrigado.

    Responder
  9. Joaquim Francisco

    Boa tarde,recebi hoje um mail a comunicar que desde 1 de Outubro,que iria ter o desconto do iva,nos primeiros 100KWH,de 13 para 6% e que não iriam cobrar o mecanismo de ajuste ibérico,para que a fatura fosse mais justa. Isto a empresa Goldenergy.

    Responder
  10. Nuno Leitão

    Bom dia. A taxa de audiovisual, também é aplicada a empresas como a Endesa e goldenergy?

    Responder
  11. João Silva

    Fiz a simulação para o meu caso e a Endesa confirmou-se como o fornecedor mais barato. Obrigado Pedro pelas dicas!
    Aproveito para partilhar o código de desconto amigo endesa de 12eur.

    codigo: 311671349
    ou
    https://planoamigo.pt/?cod=311671349

    Boas poupanças 😉

    Responder
  12. Pedro Silva

    Olá, não me parece que o preço da potência contratada no caso do regulado esteja correto. Você informa que é a €0,2163. No entanto, no site da sueletricidade.pt o valor é bem superior! para 6,9kva é de €0,316 ao dia

    Responder
  13. Helder

    Olá Pedro.
    Porque não é feita referência à Coopérnico na sua análise visto que se trata de uma das opções mais económicas?
    Obrigado.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Não faço referência porque tem de se tornar sócio da associação. É num custo acrescido.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.