Já recebi os meus 5 euros do AUTOvoucher de novembro

Escrito por Pedro Andersson

12.11.21

}
5 min de leitura

Publicidade

145 mil reembolsos do ‘AUTOvoucher’ nos primeiros dois dias

Quer dizer, já recebi e não recebi. Fui ao portal do IVAucher ver se já tinha movimentos no AUTOvoucher e de facto a minha primeira compra de combustível logo no primeiro dia do programa (quarta-feira, dia 10 de novembro) já lá está registada. Mas fui ver ao meu extrato bancário e ainda não recebi os 5 euros na conta. Provavelmente só amanhã.

Em todo o caso, posso confirmar que o sistema funcionou (pelo menos no posto do Jumbo/Auchan onde abasteci). Aparece o valor abastecido e os respectivos 5 euros.

Vou pedir à minha mulher que abasteça nos próximos dias para verificar se ela recebe também da mesma forma rápida como funcionou com o meu.

Sei que muitos de vocês não querem saber disto para nada, porque 5 euros não vos aquece nem arrefece e até consideram ofensivo este sistema de apoio aos contribuintes. Não vou por aí. O Estado vai oferecer-me 10 euros por mês durante 5 meses (50 euros no total) e eu vou aceitar porque não tive trabalho nenhum para o receber: inscrevi-me na plataforma IVAucher. Só isso.

Atenção a um detalhe. Se forem neste instante ao vosso AUTOvoucher vão ver lá 5 euros de saldo. Isso levou muitas pessoas a contactarem-me dizendo que já tinham recebido os 5 euros SEM TEREM ABASTECIDO. Podem ver este exemplo abaixo.

Ora, terem lá estes 5 euros de SALDO, não quer dizer que o tenham recebido na conta. Só quer dizer que têm um saldo possível de ser reembolsado CASO abasteçam num posto aderente. Ou seja, se não abastecerem em novembro, quando regressarem ao vosso IVAucher em dezembro para verem o saldo do AUTOvoucher, em vez de 5 euros terão lá 10, e em Janeiro terão um saldo de 15, depois 20, e 25 em Março do ano que vem. Acumula de um mês para o outro. E assim que fizerem o primeiro abastecimento recebem o valor total do saldo que lá tiverem. Percebido?

O balanço do Ministério das Finanças

O apoio de 5 euros mensais do ‘AUTOvoucher’ arrancou na quarta-feira e nos primeiros dois dias foram processados 145 mil reembolsos, o que resulta num valor equivalente a 725 mil euros.

Num balanço à Lusa dos primeiros resultados do ‘AUTOvoucher’, fonte oficial do Ministério das Finanças adiantou que aderiram ao programa 2.900 postos de combustível, o que representa 90% do total, tendo sido processados “145 mil reembolsos nos primeiros dois dias”.

Criado como forma de mitigar a subida do preço dos combustíveis, o ‘AUTOvoucher’ traduz-se no reembolso aos consumidores particulares, via conta bancária, de um apoio de 5 euros mensais (que equivalem a 10 cêntimos por litro de combustível até ao limite de 50 litros mensais).

O apoio mensal é reembolsado de uma só vez com o primeiro abastecimento de combustível efetuado, independentemente do valor abastecido, sendo apenas necessário que o consumidor se tenha registado na plataforma ‘IVAucher’, pague a compra com cartão bancário e que o posto de abastecimento tenha aderido ao ‘AUTOvoucher’.

A medida, cujo custo está avaliado em 132,5 milhões de euros, tem uma natureza transitória, estando ativa entre novembro de 2021 e 31 de março de 2022.

No total, cada contribuinte poderá receber um subsídio de até 25 euros ao longo destes cinco meses, sendo que o apoio não utilizado num mês — em que o consumidor não necessite de efetuar qualquer abastecimento de combustível — acumula para os meses seguintes, ou sejam 50 euros por casal, ou 75 euros se tiverem um filho que abasteça combustíveis também.

Anunciado em 22 de outubro, este apoio começou a ter aplicação prática em 10 de novembro, data a partir da qual os abastecimentos de combustível efetuados pelos contribuintes registados no ‘IVAucher’ passaram a ser considerados para efeitos do reembolso.

De acordo com os dados do Ministério das Finanças o IVAucher registou até agora a adesão de 1,16 milhões de consumidores, sendo que cerca de 450 mil aconteceram de 22 de outubro em diante.

Balanço do IVAucher

Até ao momento foram feitos 2,6 milhões de reembolsos no âmbito do IVAucher no valor de 17,6 milhões de euros.
Recorde-se que através deste programa, o IVA acumulado pelos consumidores nas compras em restaurantes, hotelaria e cultura durante os meses de junho, julho e agosto é devolvido em novas compras nestes setores realizadas neste último trimestre do ano.

Para usufruir do IVAucher o contribuinte tem apenas de aderir ao programa, aceitando os termos e condições, indicando o NIF (número de identificação fiscal).

Feito este passo, e sempre que efetuar um consumo naqueles três setores e o pague com um cartão bancário, ser-lhe-á devolvido para a sua conta bancária, de forma automática, até 50% da despesa efetuada, desde que o comerciante em causa tenha igualmente aderido e o saldo assim o permita.

Os mesmos dados indicam que há já 8.800 comerciantes no IVAucher (NIF únicos o que significa que este número abrange empresas com cadeias de restaurantes, alojamentos ou livrarias, por exemplo) que no seu conjunto têm 31.900 terminais de pagamento automático.



Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (26 de fevereiro a 03 de março)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de lucro de cerca de 10% para as...

PODCAST | #218 – Vamos a contas | Tenho de declarar os Certificados de Aforro (e outros) no IRS?

Os Certificados de Aforro continuam a suscitar muitas dúvidas. Uma delas é se somos obrigados a declará-los no IRS e como se faz. Essa dúvida é também muito comum quando alguém começa a pensar em investir em produtos relacionados com as bolsas, como Fundos PPR, Fundos...

ÚLTIMO DIA | Prazo para validar faturas para IRS 2023 termina hoje

Já validou TODAS as suas faturas e do seu agregado familiar? Os contribuintes têm até ao final do dia de hoje (quarta-feira, dia 28 de fevereiro) para validar e confirmar as faturas relevantes para o IRS de 2023, após o Ministério das Finanças ter decidido prolongar o...

Arrendamentos | Burlas estão a aumentar. Conheça os sinais e como evitar

Burlas com falsos arrendamentos têm estado a aumentar nos últimos dois anos Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes De acordo com a PSP, as burlas com falsos arrendamentos têm vindo a agravar-se desde 2022, quer nos arrendamentos de casas de férias, quer no...

ÚLTIMA HORA | Prazo para validar faturas de 2023 prolongado até quarta-feira

Faturas pendentes - Prazo prolongado até quarta-feira A Autoridade Tributária (AT) prolongou por dois dias, até quarta-feira, o prazo para a validação de faturas relativas a 2023 no portal e-fatura, depois de constrangimentos no último dia do prazo inicial. Em...

Quer inscrever-se no regime do Residente não Habitual? Pode fazê-lo até 2025

Autoridade Tributária informou que os contribuintes elegíveis podem inscrever-se até 31 de março de 2025 Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Se está interessado em inscrever-se no regime do Residente não Habitual (RNH), que permite aos seus beneficiários...

EURIBOR HOJE | Taxa a três meses mantém-se, mas sobe a seis e 12 meses

Euribor mantém-se a três meses, mas aumenta nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham...

ELETRICIDADE | O indexado em Fevereiro vai baixar bastante – Vale a pena mudar?

O preço da eletricidade no OMIE está quase de graça É impressionante o que está a acontecer nesta última semana. O preço da eletricidade no mercado grossista está praticamente a zero. Os valores a que a eletricidade vai ser vendida e comprada amanhã, pelas empresas...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem a três meses e descem a seis e 12 meses

Euribor sobe a três meses, mas desce nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um...

PODCAST | #217 – Qual é a forma mais simples de poupar na eletricidade?

A ouvinte Ana nunca mudou de empresa de eletricidade em toda a sua vida. Faz-lhe confusão mudar e acha que dá muito trabalho e sente que as outras empresas não lhe inspiram confiança. Este é um perfil muito típico dos consumidores portugueses. No episódio desta...

Publicidade

Artigos relacionados

30 Comentários

  1. fred auguto

    Gastou € 67.01 em 50 lts de combustível ?!? ou seja € 1.34 / lts ? Em Lisboa os combustiveis sao mesmo baratos !

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. O jumbo é sempre 10 a 12 cêntimos mais barato que nas grandes. Ou na Prio ou Ecobrent. É onde abasteço há anos…

      Responder
      • fred auguto

        Nao tinha ideia desses preços na capital.

        Mas atenção que usar gasóleo simples em motores diesel modernos , pode ser um presente envenenado num futuro proximo ..

        Fica o aviso..

        Obrigado

        Responder
      • Abilio

        O que fazer quando a despesa efetuada não aparece registada no site do autovaucher nem o benefício aparece na conta? Abasteci num posto do Intermarché onde fui informado que eles tinham aderido, no entendo não encontrei registo da fatura. Cumprimentos

        Responder
      • Marco Lopes

        A PRIO é do melhor! O gasóleo ADITIVADO é mais barato do que o gasóleo normal!

        Responder
        • Pedro Andersson

          Certo! É uma estratégia de marketing com vários anos.

          Responder
    • Adelaide

      Tenho que saber mais

      Responder
    • Andre

      Receber 5€ não quer dizer que tenha abastecido 50 litros.
      Não compreendo porque se continua a publicitar os 10 cêntimos por litro, quando esse já não é o funcionamento do AUTOvoucher.
      Se comprar um produto no posto que custe 1 cêntimo (nem precisa ser combustível, e houvesse tal pechincha por lá), recebe os 5€.

      No limite, se não abastecer até Março, e nessa altura fizer o tal cêntimo de despesa num posto aderente, recebe os 25€ de uma assentada.

      No fundo, o Estado está a oferecer 25€ a qualquer pessoa informada acerca das regras necessárias.
      Não precisa de utilizar combustível, nem ter carro, nem sequer ser maior de idade.

      Os pressupostos são:
      * ter NIF, email e telemóvel
      * inscrever-se num site com esses dados
      * possuir um cartão bancário associado a uma conta nesse NIF
      * realizar uma despesa num posto de combustível

      No fundo, no fundo, mesmo lá em baixo, à profundidade do petróleo, não é o Estado que está a oferecer 25€, somos nós todos uns aos outros, porque nós somos o contribuinte do Estado, mas isso são contas de outro rosário.

      Responder
      • Marco Lopes

        Então o saldo existente em conta é sempre RECEBIDO mesmo que faça uma compra de combustível INFERIOR ao máximo reembolsável?

        Responder
  2. Pedro

    Se acumula todos os meses, significa que, se aderir só em março e comprar um jornal numa bomba aderente ou 10€ em combustível recebe os 25€ na mesma, estou certo ou errado?

    Responder
      • JRJordao

        Soube de pessoas que aderiram só em Dezembro e tinham um saldo inicial de 10€. Portanto não há prejuízo ao adiar a adesão.

        Responder
  3. Joaquim

    Abasteci 30 litros e já recebi os 5€, quando deveria ter recebido apenas 3€. Porquê?

    Responder
    • Marco Lopes

      Tal como já foi dito em cima, o sistema credito o máximo do reembolso mesmo que tenha abastecido apenas 1 cêntimo!!!

      Responder
  4. Sandra Batista

    Boa tarde,

    Afinal para receber os 5€/mês ao longos destes meses não tenho de abastecer 50lt/mês?
    Se por exemplo abastecer com 20€/mês recebo em saldo igualmente os 5€/mês até março?
    Poderia confirmar-me porque no site do ivaaucher refere a questão dos 0,10 cent por litro.
    Grata

    Responder
  5. Carlos Sousa

    Bom dia,

    Pelo site o tempo de reembolso é 2 dias uteis. Abasteci dia 12 e até agora ainda não recebi nada. Alguém que tenha demorado mais que 2 dias uteis?

    Tenho receio que tenha feito mal a inscrição no site.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Sim. Muitos casos. Aguarde uma semana 🙂

      Responder
      • Carlos Sousa

        Obrigado pela info. 🙂

        Responder
      • Paula vale

        Olá, eu abasteci com o meu contribuinte
        dia 15 de novembro e ainda não recebi, tenho recebido do ivaucher direitinho dois dias uteis após , o meu marido abasteceu com o contribuinte dele no dia 16 de Novembro e nada… será normal?

        Responder
  6. Luis Oliveira

    E as contas conjuntas? Dão 10€?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Se tiver multibanco e diferentes, sim, pelo que entendi. Vou testar.

      Responder
  7. Alexandra Dion

    Bom dia,dia 12 novo abasteci na BP,apareceu me os 5€ no site do ivaucher,neste caso na parte do autovaucher,mas até agora não recebi os 5€. O cartão bancário ė do montepio!!! Onde já vão os 2 dias úteis!!! Ainda irei receber?!

    Responder
  8. Marco Lopes

    “Ou seja, se não abastecerem em novembro, quando regressarem ao vosso IVAucher em dezembro para verem o saldo do AUTOvoucher, em vez de 5 euros terão lá 10, e em Janeiro terão um saldo de 15, depois 20, e 25 em Março do ano que vem. Acumula de um mês para o outro. E assim que fizerem o primeiro abastecimento recebem o valor total do saldo que lá tiverem. Percebido?”

    Falta esclarecer o seguinte… se um consumidor aderir ao IVAucher, e só efectuar um abastecimento de 1 CÊNTIMO em MARÇO de 2022, recebe 25 EUROS de crédito AUTOvoucher??

    Responder
    • Marco Lopes

      Já está esclarecido em cima…
      É um sistema estranho!
      Sendo assim, basta activar o IVAucher e estar atento em Março de 2022!

      Responder
      • Akexandra dion

        Bom dia,dia 12 novo abasteci na BP,apareceu me os 5€ no site do ivaucher,neste caso na parte do autovaucher,mas até agora ,dia 30 nov,não recebi os 5€ na conta.i O cartão bancário ė do montepio!!! Onde já vão os 2 dias úteis!!! Ainda irei receber?!

        Responder
  9. Pedro Marques

    Bom dia.

    Uma duvida.

    Será que a fatura do combustível tem que ter o mesmo NIF associados ao cartão multibanco?
    Ou poderemos pagar sempre com o mesmo cartão e usufruir dos dois NIFs do casal?

    Obrigado

    Responder
  10. Paulo Gonçalves

    Eu gostaria de partilhar com voçês a seguinte situação para que alguém me diga o que fiz mal:
    – Em novembro eu inscrevi-me juntamente com a minha esposa no autovaucher.
    – Em Novembro eu faço um consumo dou o meu NIF pago com o cartão que está em meu nome e recebo os 5€
    – Em Novembro vou a abastecer outra viatura, pago com o meu cartão e dou o NIF da minha esposa mas não recebo os 5€.

    De notar que tanto eu como ela somos titulares da conta a que pertence o meu cartão tendo ela outro cartão com o nome dela e é a mesma conta que está no portal das finanças associada a ambos os nossos NIFs.

    Posto isto o que devo fazer pagar com o cartão dela ou mudar o NIB na conta dela nas finanças uma vez que ela tem outra conta onde eu n sou titular?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Tem de pagar com o multibanco que tem o nome dela. Pedir fatura com NIF é irrelevante. Felicidades.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.