JUNHO – Tarifa indexada de eletricidade continua acima do mercado regulado

Escrito por Pedro Andersson

16.06.21

}
4 min de leitura

Publicidade

Este mês é MAU para aderir à tarifa indexada de eletricidade

Este mês de junho está a ser o mês mais caro dos últimos 3 anos no mercado OMIE (onde as empresas vão comprar a eletricidade para lhe vender a si). É, portanto, um mau mês para começar um contrato de tarifa indexada de eletricidade.

Nesta reportagem do Contas-poupança expliquei-lhe com detalhe como funciona este tarifário que lhe pode trazer poupanças excelentes se estiver disponível para arriscar um pouco.

De uma forma resumida, em vez de pagar o mesmo valor de kWh durante 12 meses (que é o normal), passa a pagar exatamente o mesmo que as empresas pagam quando vão comprar eletricidade ao mercado ibérico de eletricidade (OMIE) mais uma comissão fixa que costuma ser de meio cêntimo. A este valor acrescem os valores fixos que todas as empresas fornecedoras têm de pagar. Assim, paga sempre o preço “justo” e nunca se sentirá enganado.

Por exemplo, os preços no mercado regulado vão aumentar 3% no mês que vem justamente por causa dos preços terem disparado nos primeiros meses do ano no OMIE. Tem AQUI essa informação.

Os preços do OMIE em junho

Nos dois anos anteriores (desde 2019), que este tarifário tem representado poupanças muito significativas. Vários meses chegaram aos 20% de desconto em relação ao mercado regulado, às vezes até mais. Acontece que nunca sabe qual vai ser o preço do mês seguinte.

Como sei que muitos de vocês gostam de um bom desafio de poupança, mas precisam de informação para decidir, assumi o compromisso de todos os meses vos dizer qual vai ser o preço do mês seguinte (com base na média diária do mês anterior).

Esta informação está disponível na página da OMIE, mas é de muito difícil leitura. Não consegui fazer as contas de uma forma que considero exata, por isso pedi ajuda à Luzboa (onde fiz a reportagem).

Em junho, o preço do kWh no mercado regulado e no indexado rondam ou ultrapassam os 15 cêntimos(mais IVA). Compare com os preços que tem.

Como sabem, faço muita questão de ser completamente transparente e isento nas informações que partilho convosco. Não tenho qualquer relação com nenhuma empresa ou instituição. Não recebo comissões de ninguém, nem tenho nenhum interesse particular.

Por isso quero deixar aqui claro que esta informação é fornecida pela Luzboa, que é uma das empresas que tem o tarifário indexado, e que me garantiu que me dará todos os meses esta informação com “preço final”, seja bom seja mau (para eles). Os preços do gráfico são sem IVA, tal como os que tem na sua fatura. Assim pode comparar melhor.

Naturalmente que se os preços no OMIE forem muito altos, não farão tantos contratos, mas o que me disseram é que não querem clientes que se sintam enganados. O melhor cliente é o cliente informado e satisfeito. Quando baixar o preço no OMIE, será uma boa altura para aderir a este tarifário (se for melhor do que aquele que tem neste momento). Esta empresa, tal ocmo as outras também tem tarifários “normais” com o preço fixo diurante um ano. Mas isso é você quem decide, pensando pela sua própria cabeça e escolhendo a empresa que entender.

Por exemplo, este mês de junho será  o pior mê sd esempre para entrar neste tarifário. Continua mais caro do que no mercado regulado. Mas haverá meses no futuro em que compensará. Com esta indicação mensal, poderá aproveitar este tarifário indexado nos meses em que compensar e sair nos meses em que não compensar. Também pode assumir este tarifário e saberá sempre que na média terá os melhores meses de sempre e os piores meses de sempre. Se estes preços no OMIE continuarem altos assim, prevejo que os tarifáiros das empresas no mercado liberalizado vão aumentar bastante os preços em 2022 para compensar as perdas de lucro este ano.

É uma grande ginástica? É. Mas compensa. Obviamente, já prevejo que esta sugestão será só para uma minoria, dentro da minoria que está disposta a mudar de comercializador de eletricidade pelo menos uma vez por ano. São uma espécie de heróis. A maior parte das pessoas não quer saber se está a perder dinheiro…

No momento em que fiz a reportagem, havia 3 empresas que tinham o tarifário indexado: A Luzboa, a Audax e a Luzigás. Entretanto podem ter surgido mais ou estas terem desistido. Isso já é trabalho que você terá de ter. Escolha a que quiser, quando quiser.

Mas aqui fica, em resumo, a informação: a eletricidade no OMIE este mês está muito cara.

Em julho, direi como está o preço da eletricidade no mercado indexado para uma nova avaliação.


Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (26 de fevereiro a 03 de março)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de lucro de cerca de 10% para as...

PODCAST | #218 – Vamos a contas | Tenho de declarar os Certificados de Aforro (e outros) no IRS?

Os Certificados de Aforro continuam a suscitar muitas dúvidas. Uma delas é se somos obrigados a declará-los no IRS e como se faz. Essa dúvida é também muito comum quando alguém começa a pensar em investir em produtos relacionados com as bolsas, como Fundos PPR, Fundos...

ÚLTIMO DIA | Prazo para validar faturas para IRS 2023 termina hoje

Já validou TODAS as suas faturas e do seu agregado familiar? Os contribuintes têm até ao final do dia de hoje (quarta-feira, dia 28 de fevereiro) para validar e confirmar as faturas relevantes para o IRS de 2023, após o Ministério das Finanças ter decidido prolongar o...

Arrendamentos | Burlas estão a aumentar. Conheça os sinais e como evitar

Burlas com falsos arrendamentos têm estado a aumentar nos últimos dois anos Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes De acordo com a PSP, as burlas com falsos arrendamentos têm vindo a agravar-se desde 2022, quer nos arrendamentos de casas de férias, quer no...

ÚLTIMA HORA | Prazo para validar faturas de 2023 prolongado até quarta-feira

Faturas pendentes - Prazo prolongado até quarta-feira A Autoridade Tributária (AT) prolongou por dois dias, até quarta-feira, o prazo para a validação de faturas relativas a 2023 no portal e-fatura, depois de constrangimentos no último dia do prazo inicial. Em...

Quer inscrever-se no regime do Residente não Habitual? Pode fazê-lo até 2025

Autoridade Tributária informou que os contribuintes elegíveis podem inscrever-se até 31 de março de 2025 Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Se está interessado em inscrever-se no regime do Residente não Habitual (RNH), que permite aos seus beneficiários...

EURIBOR HOJE | Taxa a três meses mantém-se, mas sobe a seis e 12 meses

Euribor mantém-se a três meses, mas aumenta nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham...

ELETRICIDADE | O indexado em Fevereiro vai baixar bastante – Vale a pena mudar?

O preço da eletricidade no OMIE está quase de graça É impressionante o que está a acontecer nesta última semana. O preço da eletricidade no mercado grossista está praticamente a zero. Os valores a que a eletricidade vai ser vendida e comprada amanhã, pelas empresas...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem a três meses e descem a seis e 12 meses

Euribor sobe a três meses, mas desce nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um...

PODCAST | #217 – Qual é a forma mais simples de poupar na eletricidade?

A ouvinte Ana nunca mudou de empresa de eletricidade em toda a sua vida. Faz-lhe confusão mudar e acha que dá muito trabalho e sente que as outras empresas não lhe inspiram confiança. Este é um perfil muito típico dos consumidores portugueses. No episódio desta...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

4 Comentários

  1. Armando Gonçalves

    Boa tarde Pedro, foi com grande interesse que li o seu trabalho sobre o mercado indexado e concretamente sobre a Luzboa. Devo dizer que faz precisamente um ano que sou cliente Luzboa e desde aí tenho assistido a uma subida desenfreada do preço da energia no mercado indexado. Assim, desde o ano passado por esta altura e até agora, o preço no mercado ibérico indexado subiu quase que triplicou. A título de exemplo em 17/6/2020 o preço do MWh foi de 34,26 Euros e em 17/6/2021 foi de 93,00 Euros. Se isto acontece neste período do ano, faço ideia do que será quando o consumo de energia disparar nos meses de Inverno. Moral da história, fugi a sete pés do mercado indexado e gostaria imenso de ter uma explicação sobre estes preços, coisa que a Luzboa não faz. Obrigado pela sua reportagem, mas tenho dúvidas a curto/médio prazo dos preços praticados no mercado indexado.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá Armando. Obrigado pelo feedback. Não compreendi exatamente qual é a sua dúvida. Pode ser mais específico?

      Responder
      • Armando Gonçalves

        Olá Pedro, não se trata de uma dúvida, mas uma opinião de que o mercado indexado pode ser uma boa opção, mas foi uma desilusão para mim durante este último ano. Acrescentaria ainda, que não é fácil tomar decisões para mudar de fornecedor com base no preço da energia no site da omie, porque ao ver a média do valor da energia no mês de Julho, o mesmo não lhe vai servir de referência para o mês de Agosto, ou seja sabe mais ou menos o que vai pagar no mês de Julho, mas não tem nenhuma garantia do preço para o mês seguinte, é caso para dizer que estamos sempre atrasados sobre a realidade e não temos forma de tomar decisões para o futuro. Abraço.

        Responder
        • Pedro Andersson

          Sim, confirmo e tenho a mesma opinião. Mas se considerar a média do ano passado, mesmo assim teve uma poupança considerável. Essa é a vantagem deste tarifário. A longo prazo vai sempre compensar, acho eu. Porque no ano seguinte os preços fixos vão aumentar para compensar as “perdas” do ano anterior.

          Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. Em Espanha, o IVA da eletricidade vai baixar para os pequenos consumidores - […] JUNHO – Tarifa indexada de eletricidade continua acima do mercado regulado […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.