Será que compensa um desconto de 60%? Neste caso não

Escrito por Pedro Andersson

16.03.19

}
3 min de leitura

Publicidade

Descontos imperdíveis?

A minha “guerra” já dura anos. O segredo dos descontos não está na percentagem dos descontos mas sim no preço final. De vez em quando partilho convosco alguns casos mais gritantes para mostrar como temos de estar atentos enquanto consumidores para não desperdiçarmos dinheiro pensando que estamos a fazer excelentes compras.

Olhos sempre bem abertos

Este caso foi-me enviado pela espectadora Cristina Pinto. Suponho que ela esteja sempre atenta aos folhetos dos hipermercados e que tente sempre fazer as melhores compras possíveis. Os folhetos são sempre uma boa fonte de informação para obter bons descontos.
Neste caso ela encontrou no folheto do Pingo Doce um desconto de 60% (apelidado de SUPER DESCONTO 60%) em detergentes líquidos para roupa, de grandes formatos. Um dos detergentes que lhe interessava era o SKIP de 80 doses. Em vez de 24,99 € custava apenas 9,99 €. Qualquer pessoa menos atenta acharia um excelente desconto. Poupava logo ali 15 euros, não era?

Pois. Nem sempre é assim tão simples. A Cristina foi ao Hiper Feirão em Mortágua e descobriu que lá (SEM DESCONTO) o mesmo detergente com as mesmas doses custa menos 1 euro do que no Pingo Doce com 60% de desconto, 8,99 €.

Longe de mim estar a lançar suspeitas sobre os preços praticados nos vários hipermercados. Com certeza que no Pingo Doce aquele detergente já foi vendido a 25 euros. Não duvido disso. O que pretendo alertar é que nós consumidores temos é de saber sempre quanto é que as coisas custam normalmente sem descontos e calcular sempre o preço por dose e não o preço final simples.
Neste caso, mesmo o preço do Hiper Feirão de Mortágua (que não conheço) está caro. Está a 11 cêntimos a dose. O preço “normal” para mim é 8 cêntimos a dose e só compro mesmo em último caso. No meu dia-a-dia só compro detergentes (roupa e loiça) a 5 ou 6 cêntimos a dose quando consigo acumular descontos. E aí compro para todo o ano.
Mas, enfim, serve este caso para vos alertar mais uma vez que não deve ir atrás dos 60% de desconto seja do que for. Provavelmente conseguem mais barato sem desconto no supermercado do bairro.
Neste artigo explico como já só volto a comprar detergentes no final deste ano de 2019 (comprei pela última vez em Setembro de 2018).
E já conhece o meu “truque” para não me deixar enganar pelas falsas promoções (o ficheiro best prices)?

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.

Se quiser um resumo claro e prático das dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”. É só clicar AQUI abaixo.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

PODCAST | #216 – Vamos a contas | Quase não fiz descontos para a Segurança Social, qual vai ser a minha reforma?

Esta ouvinte do podcast (que quer ficar anónima) tem apenas 29 anos de descontos para a Segurança Social. Trabalha muito e recebe o seu salário, mas os "patrões" recusam-se a fazer descontos para a Segurança Social. Ela tem 64 anos e está muito preocupada com a...

Arrendamento | Rendas acessíveis alargadas a quem tem rendimentos mais altos

Limite de rendimentos máximos anuais para aceder a apoios ao arrendamento foi alargado para abranger mais cidadãos O valor máximo de rendimento anual para aceder ao Programa de Apoio ao Arrendamento foi aumentado, de acordo com uma portaria publicada em Diário da...

EURIBOR | Taxas sobem a três e 12 meses, mas baixam a seis

Euribor subiram hoje a três e 12 meses, mas recuaram no prazo de seis meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (19 a 25 de fevereiro)

Qual deveria ser o preço "certo"? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de lucro de cerca de 10% para as...

EURIBOR | Taxas Euribor sobem em todos os prazos

Euribor subiram hoje a três, seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua...

Segurança Social | Atribuição do Abono de Família já é automática

Segurança Social passa a atribuir automaticamente o Abono de Família, logo após registo do bebé na maternidade Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Desde a passada sexta-feira, 16 de Fevereiro, o Abono de Família passou a ser atribuído automaticamente pela...

BURLAS | Não atenda telefonemas do “Banco de Portugal”

Banco de Portugal alerta para telefonemas fraudulentos que imitam o seu número telefónico O Banco de Portugal emitiu um alerta sobre chamadas telefónicas feitas por indivíduos que dizem ser seus colaboradores, usando um sistema que imita o número de telefone do BdP,...

Remuneração | Aumento real dos salários em 2023 foi de 2,3%

Salários subiram 6,6% em 2023, mas os ganhos reais para os trabalhadores foram apenas de mais 2,3% Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes O Instituto Nacional de Estatística (INE), revelou recentemente que o valor dos salários em 2023 aumentou 6,6% em termos...

EURIBOR | Taxas Euribor descem a três meses e sobem nos prazos de seis e 12

Euribor desceu hoje a três meses, mas subiram a seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto...

PODCAST | #215 – Como receber 750 € “grátis” para fazer um curso de formação na área digital

Qualquer trabalhador em Portugal pode receber 750 euros para fazer um curso de formação na área do digital. E se fizer a candidatura já, pode repetir mais 750 € no ano que vem. Chama-se Cheque Formação + Digital e no episódio desta semana explico-lhe quem tem direito,...

Publicidade

Artigos relacionados

14 Comentários

  1. Marco Lopes

    Sem dúvida! NUNCA ir com pressa às compras! NUNCA olhar apenas para a percentagem de desconto! E sim… comprar para alguns meses pelo menos (também compro ao ano, e em princípio, é a melhor opção… excepto em alguns artigos de mercearia, que por vezes deixo de consumir habitualmente!)
    Concordo com tudo o que foi dito: olhos abertos!!! 😀

    Responder
  2. _RJCA_

    Não é preciso tirar um curso de gestão para “pensar” antes de comprar o quer que seja, já o meu “falecido” Pai falava sobre prospecção de mercado. É tudo uma questão de usar os neurónios (e a carteira também)…

    Responder
  3. Nuno

    Posso deixar outra dica, porque por vezes vou a Espanha e os produtos de higiene pessoal por exemplo são não baratos do que cá. Descobri depois que os supermercados espanhóis em Portugal como o froiz por exemplo têm sempre gel de banho, pastas dentífricas e shampôs por exemplo mais baratos, do que os mesmos nos supermercados portugueses quando estão a metade do preço. Tal como a notícia desta página.
    É melhor, têm marcas espanholas ainda mais baratas do que as marcas grandes, mas também são feitos pelas unilever e Henkel shwarzkopf.

    Responder
  4. Cláudia

    Acho incrível que um detergente líquido ou em pó tenha aumentado para 20 e tal euros neste início de 2019!! Claro que com preços assim podem mais tarde andar sempre a fazer esses grandes descontos em que voltam a colocar o detergente ao preço que já tinha antes do aumento. Nem sempre consigo seguir a dica dos 8 cêntimos por dose de detergente, mas só compro detergente ou amaciador quando a promoção é muito boa e o valor por dose está mais perto dos tais 8 cênt. Com detergentes a esses valores mas vale comprar os de marca branca ou então fazer o detergente em casa com sabão!

    Responder
  5. M N

    Pois, era bom era ter espaço em casa para guardar detergentes para um ano.
    Infelizmente, ser pobre sai caro. Em praticamente tudo. Seria interessante um artigo a mostrar o peso económico de não ter a capacidade financeira para as coisas mais simples que às vezes escapam aos mais abastados.

    Responder
    • Pedro Andersson

      MN, às vezes as coisas parecem mais do que são… Detergentes para um ano são 3 (três) frascos de detergente de 80 doses. Estamos a falar de 20 euros. Não é uma coisa só para ricos 🙂

      Responder
  6. Marcos Dias

    Tudo que sejam Skip’s, Fairy’s, compro sempre no mini mercado à beira de casa. Sempre mais barato que nos hiper’s mesmo que em desconto máximo.
    Por exemplo no Fairy ainda consigo uma coisa mais “louca”: compro uma embalagem de 3L e o preço por litro sai 1/4 do melhor preço que encontrem nos hiper’s em desconto…sim 1/4 não estou equivocado. Estejam atentos aos mini-mercados de rua. Em muitas coisas (não todas obviamente) não dão hipótese aos hiper’s.
    Já agora, caixa de cápsulas de Dolce Gusto sempre a 4€ vs 5,20 nos hiper’s. 😉

    Responder
  7. Paula Faria

    Por casualidade, recebi um folheto do Lidl onde o mesmo SKip 80 doses, 4 Lt está a -65% ficando a 8,69.
    Achei uma boa promoção, uma vez que ao consultar outras superfícies, o valor era um pouco superior.

    Responder
  8. Virgínia Costa

    Com respeito ao PD , eu já me apercebi que elevam o preço, para depois meterem a percentagem de desconto.Com preços enganosos!!!

    Responder
  9. Vitor Madeira

    Isto é escandaloso. Um ultraje.
    Mina por completo a confiança que alguma vez tive nessa empresa.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Caro Vítor. Parto sempre do princípio que as empresas não mente. Algum dia aquele detergente foi vendido a 25 euros. Não sei é quando… Nós consumidores é que temos de estar atentos e de olhos abertos.

      Responder
  10. Sandra Jesus

    Infelizmente, para quem vive numa Região Autónoma (Madeira), nem sempre é fácil encontrar preços competitivos. Só existe o Pingo Doce e o Continente.
    Não só existe neste produto especifico como noutros tantos, por exemplo, um produto que esta semana poderá estar a 4,99€ sem desconto, no folheto da próxima semana poderá estar com um preço inflacionado para, que, com o desconto possa estar a 4,99€.
    Tenho verificado muitas vezes esta situação. Acho um absurdo, até porque existe os folhetos de desconto para as ilhas que em diversos artigos são mais caros.
    Mas lá está, existe um monopólio muito grande neste sector, e as grandes infraestruturas “combinam” entre si estes preços.
    Estamos limitados e separados por um oceano.

    Responder
  11. Carlos Rodrigues

    Concordo com o que foi escrito, mas também o cliente necessita de verificar se a embalagem vem com o volume certo, ou não? :
    A tampa não vem selada, a embalagem não é transparente e não menciona o nível máximo, para a sua conferencia, só vem mencionado o número de dozes e a quantidade de litros do conteúdo, o que torna impossível a sua conferência na loja, penso que seria útil, mencionar o peso bruto da embalagem, porque nas lojas existem balanças e, assim existe a possibilidade de avaliar.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.