PODCAST | #211 Atenção aos preços da eletricidade: poupe na sua fatura!

Escrito por Pedro Andersson

05.02.24

}
2 min de leitura

Publicidade

Em Janeiro os preços da eletricidade aumentaram bastante. Se não sentiu já a diferença, vai sentir quando receber a conta de Janeiro.

Os aumentos da Tarifas de Acesso às Redes, por parte da ERSE, refletiram-se em todos os tarifários.

Neste episódio, explico-lhe como pode baixar a sua fatura mensal com a eletricidade, com base em dois exemplos reais (os meus). As poupanças podem ser muito substanciais: na ordem nas centenas de euros. Mas tem de estar atento e não ter medo de ameaçar a sua empresa com a sua saída e – não resultando – sair mesmo!

Nós, enquanto consumidores, temos mais poder do que julgamos.

Boas poupanças!

***

ENVIE A SUA PERGUNTA EM ÁUDIO PELO WHATSAPP 927753737

***

Partilhe este podcast com os seus amigos. Juntos, vamos conseguir vencer mais esta crise.

Este episódio contou com sonoplastia de Filipe Cruz.

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas. Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

 

Boa viagem e boas poupanças!


GANHAR DINHEIRO – O livro que ensina tudo o que a escola não ensina

Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário.

https://bit.ly/GanharDinheiro_ComoCriarRiquezaComUmSalárioNormal


OS OUTROS 4 LIVROS (Já os leu?)

Contas-poupança – Como superar a inflação e ganhar com a crise

Contas-poupança – Vença a crise com inteligência

Contas-poupança – Poupe ainda mais, Invista melhor

Contas-poupança – Viva melhor com o mesmo dinheiro

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 6 e 12 meses e sobem a 3

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (17 a 23 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Este mês paguei 0,75 € de eletricidade – Como é possível?

É possível pagar 0,75 € de eletricidade por mês? Já sei que vou ser criticado por escrever este artigo, mas tudo bem. O importante é que perceba que é possível pagar muito pouco de eletricidade. Ninguém está condenado a pagar valores gigantescos, a menos que prefira...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #249 – O que é o movimento FIRE – É possível refomar-se mais cedo?

O FIRE é possível em Portugal? O FIRE é uma espécie de Liga dos Campeões das Finanças pessoais. É a sigla para Financial Independence, Retire Early (Independência Financeira, Reforma Antecipada) e é para uma pequeníssima minoria de pessoas que têm por objetivo...

PodTEXT Vamos a Contas | Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

Isenção de IMT e Imposto de Selo para jovens oficialmente aprovada

Medida para ajudar jovens a comprar casa vai avançar Há cerca de três semanas, o Governo aprovou em Conselho de Ministros diversas medidas para facilitar a compra de habitação aos jovens até aos 35 anos. Entre elas, além da garantia pública de até 15% do valor do...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (17 a 23 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PodTEXT | Como perder o medo de investir e começar a ganhar dinheiro?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

Publicidade

Artigos relacionados

24 Comentários

  1. Nuno

    Boa tarde a todos.
    Vou contratar 6.9kva trifásico e estou com dúvidas entre plenitude indexado ou luzboa indexada. A potência contratada é mais baixa ja plenitude, mas não compreendo a fórmula para o kw. Qual era será a mais vantajosa? Plenitude ou luzboa? Será para consumos baixos 70 a 100kw por mês. Muito obrigado.

    Responder
    • Luís Manuel Ferreira Salgado

      Se o valor da tarifa diária para a sua potência contratada é mais baixo na Plenitude, é preferível contratar com esta empresa. Pois, para um consumo assim tão baixo, o preço da potência é o que mais vai pesar na fatura.

      Responder
      • Nuno M

        Obrigado Luís, mas tenho as minhas dúvidas. Liguei para a plenitude e não me souberam dizer se os 0,25 por dia para os 6,9 kVA ainda acrescenta a tar. Ficaram de me ligar. Acho 0,25 por dia muito baixo na tarifa tendência, que é o nome que dão ao indexado.

        Responder
        • Armando

          Na minha opinião, para esses consumos optava pela tarifa fácil da Plenitude, não corria riscos de ser um tarifário indexado e a diferença de valores finais são muito reduzidos. Se mesmo assim preferir indexado, então aconselhava a Coopérnico que é a mais barata até consumos de 180 kWh/mês.

          Responder
    • Marcos

      Boa Tarde, a potência contratada é o valor de alguns cêntimos por dia, próximo de 45 cêntimos. Isso por mês é só multiplicar pelos dias do mês todo. Já o Kwh depende do que for consumido que no seu caso se for 70 Kwh por mês é só multiplicar pelo valor de cada kw que no caso da Plenitude está nos 14 cêntimos e qualquer coisa, salvo erro. Não esquecer do IVA a ser aplicado.

      Responder
    • Filipe Madureira

      Boa tarde Nuno,

      Porque vai contratar 6,9kva trifásico para um consumo baixo de 70 a 100kw por mês?
      Tem alguma necessidade específica para o trifásico e potência de 6,9kva?

      Responder
      • Nuno M

        Tenho uma bomba de água trifáfica (de um furo) com 4,1Kw. é apenas por isto, senão os 3,45kva monofásica servia para mim…

        Responder
      • Galhano Carlos

        Muitas vezes baixam o preço do kWh mas aumentam a tarifa fixa ou o chamado aluguer do contador, e no final vai dar ao mesmo. Por isso dão com uma mão e tiram com a outra, é preciso ter cuidado.

        Responder
    • Álvaro Azevedo Moura

      Muito obrigado por toda a informação que sempre está disponibilizando.
      Bem haja
      Cumprimentos

      Responder
    • joaquim Nunes

      Os preços de compra de energia no mercado regulado alteram mensalmente ?(em que dia?) Ou diariamente???

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá, no mercado regulado só mudam de 6 em 6 meses por instrução da ERSE.

        Responder
  2. Francisco Ferreira

    Ola Pedro
    Fiz o seguinte… vi a minha fatura, na realidade passou de 0,16 para 0,22 Kwh e liguei para o prestador de serviço.
    ofereceram em reduzir para 0,14 por Kwh mas duplicaram o valor fixo da potencia que passou de 0,168 para 0,331.
    Ainda me ofereciam um desconto de 30 € a dividir por 10 meses (é claro segurar o cliente durante mais 10 meses).
    Apesar da redução e oferta o serviço de Luz da SU eletricidade é ainda assim mais barato. Por isso fiz o pedido de altreção.
    No Gás tambem reduziam os valores mas optei por mudar para o SU da EDP gás.
    CONCLUSÃO: com tanta informação e procristinação deixamo as coisas andar.
    Mas hoje tirei o dia para fazer alterações! Obrigada

    Responder
    • Galhano Carlos

      Pois foi o que comentei acima, tiram com uma mão e dão com a outra. Jogam sempre com o termo fixo e o Pedro Anderson esqueceu-se de referir isso mesmo.

      Responder
  3. Nuno M

    Obrigado Luís, mas tenho as minhas dúvidas. Liguei para a plenitude e não me souberam dizer se os 0,25 por dia para os 6,9 kVA ainda acrescenta a tar. Ficaram de me ligar. Acho 0,25 por dia muito baixo na tarifa tendência, que é o nome que dão ao indexado.

    Responder
  4. DANIEL

    Boa tarde Pedro, os valores referencia de 16 centimos é sem o iva, correto? É o valor à frente do consumo por kw/h… correto?

    Responder
      • Daniel

        Bom dia. Na ultima fatura luz boa, já com os dias de Janeiro, o valor kw/h foi de 10,2, portanto parece-me bem correto? Esse valor tinha por base preco mgwatt 74. Até agora na omei está a 65, por isso aparentemente vai ser mais baixo, correto?

        Responder
  5. MANUEL TEIXEIRA

    BOM DIA
    TENHO ESTADO ATENTO ÁS SUAS DICAS DE INFORMAÇAO. ELOGIO A SUA FORMA ISENTA DE AJUDAR OS OUTROS ,TALVEZ MENOS INFORMADOS.
    A RESPEITO DE OPERADORES DE ELETRICIDADE POUPEI ALGUM DINHEIRO O ANO PASSADO. MAS COM A ULTIMA FATURA DE FEVEREIRO QUE RECEBI DEI CONTA QUE ACABARAM OS GRANDES DESCONTOS. POIS JÁ FIZ SIMULAÇAO NALGUNS OPERADORES E AGORA ESTAO QUASE TODOS IGUAIS.
    PENSO TER SIDO UMA BOA OPÇAO MUDAR PARA A GOLDENERGY /ACP, MAS NAO TAO VANTAJOSO AGORA. POIS PAGUEI MAIS 31 EUROS COM O MESMO CONSUMO. TALVEZ O INDEXADO SEJA MAIS ATRATIVO APESAR NAO CONHECER ESSAS OPERADORAS E APRECIO A ESTABILIDADE DE MERCADO.
    ACOMPANHO AS SUAS NOTICIAS, ESTOU AGUARDANDO PELO PRÓXIMO GRÁFICO DE ESTATISTICAS.
    BEM HAJA.

    Responder
  6. André Gaspar

    Boa tarde
    Qual será a referência para a tarifa bi-horária. Tenho tarifa bi-horária e atualmente o tarifário de subiu para 20 cêntimos fora de vazio e 10 cêntimos no vazio. É viável com os aumentos ou devo procurar outra fornecedora de eletricidade.

    Responder
  7. Vânia

    Boa tarde Pedro! Tudo isto é válido para quem usufrui da tarifa social certo? O preço de kWh que temos é 0,19€.
    Relativamente ao gás, temos gás canalizado mas é a oz que fornece o edifício inteiro com aquelas bilhas grandes (não me recordo k Nop nome certo!) Neste caso há alguma coisa a fazer?

    Responder
  8. Hugo Gomes

    Olá Pedro,
    Tenho contratada uma potência de 6,9kVA e um consumo no inverno de cerca de 1000 kwh, no verão cerca de metade. Estou no mercado indexado. A minha questão é se neste mercado também se renegociam valores de kWh e potência contratada.

    Responder
  9. Raquel Faria

    Bom dia, Pedro.

    Antes de mais, gostaria de louvar o Seu Excelente trabalho de “abre olhos” para todos os portugueses mais desatentos.
    Face à eletricidade, gostaria de perguntar se esta Sua observação também se aplica a tarifa bi-horária, ou se é apenas para consumo de tarifa normal?

    Obrigada, e continuação de bom trabalho.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Basta fazer o mesmo tipo de pesquisa mas para tarifas bi-horárias 🙂 ou tri-horárias. No meu caso não tenho interesse nessa tarifa porque a minha organização familiar não permite.

      Responder
  10. Nuno Bernardes

    Estimado Pedro, após ouvir este podcast fui analisar a minha factura de electricidade e verifiquei o abuso no preço do Kwh. Fiz tal qual sugeriu e claro que obtive uma redução no Kwh de 0,198€ para 0,139€. Com um desconto adicional de 15% nos termos fixos e um bónus de 30€ a descontar nos próximos 10 meses em facturas. Certo que perdi o bónus da tarifa aniversário mas para o meu consumo justifica plenamente a alteração. Muito obrigado pelas dicas e acima de tudo pela promoção da literacia financeira que acho fundamental.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.