ELETRICIDADE | Previsão dos preços a partir de 1 de Julho – Qual vai ser o mais barato?

Escrito por Pedro Andersson

28.06.23

}
5 min de leitura

Publicidade

Chegou a altura de escolher (ou manter)

Finalmente, já tenho dados para fazer uma avaliação consciente de quais vão ser as melhores opções de fornecedores de eletricidade a partir de 1 de Julho. Mesmo assim ainda faltam valores específicos: os “grandes” só falam em percentagens de descontos, mas valores exatos parece que estão todos com medo.

Como sabem, os últimos 6 meses foram de eletricidade praticamente grátis para quem teve a “coragem” de aderir aos tarifários indexados. Parabéns! Milhares de vocês perceberam que é possível poupar centenas de euros e continuar a ter o mesmo serviço. A eletricidade era mais fraca? Não! Falhou mais vezes? Os eletrodomésticos trabalhavam mais devagar? Claro que não!

Por outro lado, perceberam que as empresas mais pequenas também têm a suas fragilidades, como dificuldades no apoio ao cliente e algumas vezes na faturação. É mesmo assim. Têm de fazer avaliações realistas.

Mas acredito que estes que mudaram, perceberam a vantagem de mudar. Saem a ganhar por terem vencido a inércia, preguiça e o medo (muitas vezes completamente infundado).

Com a mudança do preço das Tarifas de Acesso às Redes (TAR), o indexado não passou a ser mais caro, não depende deles. É um valor que são “obrigados” a assumir e que não depende deles. Logo, em vez de 2 cêntimos o kWh, o preço vai subir automaticamente para 12 cêntimos a partir de 1 de Julho. Fora os aumentos normais do mercado grossista todos os verões. Isto muda tudo a partir da semana que vem.

Goldenergy não vai aumentar os preços

Há uma empresa – a Goldenergy – que já me garantiu oficialmente que não vai aumentar os preços, apesar do aumento da TAR. Passa a ser a melhor opção, mas vai ter de ser sócio do ACP. Assim, para ter um preço de cerca de 8 cêntimos/kWh (menos 4 cêntimos que o indexado com os valores atuais) vai ter de pagar uma mensalidade de 4,5 € todos os meses ao ACP. Avalie se é do seu interesse. Como há 250 mil sócios atuais do ACP é uma excelente opção para estas pessoas.

É o único tarifário melhor do que o indexado. Todos os outros são ainda superiores (com os valores de Junho).

Faltava saber a decisão da Endesa. Já a tenho.

Caro Pedro,

Em relação as questões colocadas sobre o assunto, infra o nosso posicionamento:

-A partir de 1 de julho, a Endesa vai reduzir a componente de energia da sua carteira de clientes, em média  28%,  para evitar que os clientes sejam afetados pelos aumentos das tarifas de acesso às redes.

Com a redução da margem da Endesa e transferindo o aumento das tarifas de acesso definidas pela ERSE, a carteira de clientes da Endesa fica em média -10% abaixo da tarifa regulada.

Graças à redução da Endesa da componente de energia, o aumento das tarifas de acesso à rede, terá menos impacto nos clientes.

-Este apoio (redução média de 28%)  visa apoiar os clientes de electricidade no mercado residencial de Portugal, para proporcionar uma maior estabilidade às famílias.

 Atentamente,

Permitam-me traduzir a resposta da Endesa:

  1. Vão aplicar a nova TAR aos clientes.
  2. Ao preço atual de 0,0845 € vão aplicar um desconto de 28%, fica a 0,0608 €/kWh + TAR (que aumenta em 0,0837) e ficará – pelas minhas contas – em 14,45 cêntimos.
  3. A Endesa será mais cara do que a Goldenergy (no tarifário ACP e no tarifário normal) e mais barata do que o regulado (SU Eletricidade) e todas as outras (EDP, GALP, Iberdrola, etc.). Estou a usar os dados do simulador da ERSE.

Deverá passar a pagar cerca de 12 ou 13 cêntimos o kWh no indexado. Na SU eletricidade, pagará cerca de 16 cêntimos. Continuará a ter uma poupança de 40% face à SU. Mas na Goldenergy terá um tarifário de 8 cêntimos se for sócio do ACP e de 13 cêntimos se não for sócio de nada. Agora vai ter de escolher.

Atualizei a minha previsão neste gráfico.

Em resumo, o tarifário ACP da Goldenergy fica a 8,36 cêntimos, que passa a ser óptimo. Tem uma opção a 13 cêntimos fixos sem qualquer condição. Só tem de decidir se lhe compensar pagar 4,5 € todos os meses de associado ACP (com as respectivas vantagens) para poupar 3 cêntimos por kWh em relação ao indexado (com valores de junho). Na opção sem condições, ainda compensa (por um triz) continuar no indexado.

Deve perceber que apesar de aumentar 5 vezes, o indexado vai continuar a ser das mais baratas. Vai ser difícil meter isto na cabeça de alguns. Muitos virão aqui dizer: “Eu não vos avisei que isso era um engano? Agora estão a pagar tudo de uma vez…”.  Espero que já tenham percebido como isto funciona, para não se sentirem frustrados nem enganados.

Já têm dados em cima da mesa para tomarem decisões inteligentes. Se estão no indexado, mudem só quando tiverem um kWh mais barato noutra empresa. Até lá, por muito que estejam a pagar, é menos do que pagariam noutro lado. Faça as suas contas.

Para encontrar as empresas que têm tarifários mais baratos use o simulador da ERSE ou pesquise no google “tarifários eletricidade”, contacte as empresas e compare o preço do kWh que está a pagar com os preços que lhe oferecerem. São elas que tratam da passagem da sua empresa atual para a nova. Não tem de fazer nada. Não tenho ligação a nenhuma empresa. Você escolhe a que quiser.

Se quiser poupar, tem de estar atento e ser uma pessoa informada. E agir com rapidez assim que encontrar mais barato. É assim que se poupa!


 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

PODCAST | #216 – Vamos a contas | Quase não fiz descontos para a Segurança Social, qual vai ser a minha reforma?

Esta ouvinte do podcast (que quer ficar anónima) tem apenas 29 anos de descontos para a Segurança Social. Trabalha muito e recebe o seu salário, mas os "patrões" recusam-se a fazer descontos para a Segurança Social. Ela tem 64 anos e está muito preocupada com a...

Arrendamento | Rendas acessíveis alargadas a quem tem rendimentos mais altos

Limite de rendimentos máximos anuais para aceder a apoios ao arrendamento foi alargado para abranger mais cidadãos O valor máximo de rendimento anual para aceder ao Programa de Apoio ao Arrendamento foi aumentado, de acordo com uma portaria publicada em Diário da...

EURIBOR | Taxas sobem a três e 12 meses, mas baixam a seis

Euribor subiram hoje a três e 12 meses, mas recuaram no prazo de seis meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (19 a 25 de fevereiro)

Qual deveria ser o preço "certo"? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de lucro de cerca de 10% para as...

EURIBOR | Taxas Euribor sobem em todos os prazos

Euribor subiram hoje a três, seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua...

Segurança Social | Atribuição do Abono de Família já é automática

Segurança Social passa a atribuir automaticamente o Abono de Família, logo após registo do bebé na maternidade Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Desde a passada sexta-feira, 16 de Fevereiro, o Abono de Família passou a ser atribuído automaticamente pela...

BURLAS | Não atenda telefonemas do “Banco de Portugal”

Banco de Portugal alerta para telefonemas fraudulentos que imitam o seu número telefónico O Banco de Portugal emitiu um alerta sobre chamadas telefónicas feitas por indivíduos que dizem ser seus colaboradores, usando um sistema que imita o número de telefone do BdP,...

Remuneração | Aumento real dos salários em 2023 foi de 2,3%

Salários subiram 6,6% em 2023, mas os ganhos reais para os trabalhadores foram apenas de mais 2,3% Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes O Instituto Nacional de Estatística (INE), revelou recentemente que o valor dos salários em 2023 aumentou 6,6% em termos...

EURIBOR | Taxas Euribor descem a três meses e sobem nos prazos de seis e 12

Euribor desceu hoje a três meses, mas subiram a seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto...

PODCAST | #215 – Como receber 750 € “grátis” para fazer um curso de formação na área digital

Qualquer trabalhador em Portugal pode receber 750 euros para fazer um curso de formação na área do digital. E se fizer a candidatura já, pode repetir mais 750 € no ano que vem. Chama-se Cheque Formação + Digital e no episódio desta semana explico-lhe quem tem direito,...

Publicidade

Artigos relacionados

128 Comentários

  1. João Filipe

    Vou continuar no Indexado até ao final do ano 2023.

    Se tiver que pagar mais 1€ por mês, prefiro pagar mas fico no Indexado até que surja algo muito mais barato. E aconselho aos demais a fazerem o mesmo afim de se forçar a concorrência. Ficar sempre nos mesmos players (EDP, ENDESA E GALP) só fará com que os preços em Portugal continuem elevados e que não haja concorrência nenhuma.

    Responder
    • Marco Lopes

      Faz mal! Eu já pedi mudança para a Goldenergy… mas cada caso é um caso!

      Consumo de 300KWh mensais:

      – Mensalidade base do ACP são 4,5 euros/mes = 54 euro/ano

      – Tarifa energia sócio ACP = 0,0836 x 300KWh/mensais x 12 = 300 euros/ano

      – Tarifa energia (Goldenergy, Luzboa indexado para 1/Jul) = 0,13 x 300KWh/mensais x 12 = 468 euros/ano

      Poupança anual sócio ACP = 168 euros! (mesmo deduzindo a anuidade de sócio, é uma poupança de +100 euritos, e com as vantagens do ACP)

      Responder
      • Tiago

        “-A partir de 1 de julho, a Endesa vai reduzir a componente de energia da sua carteira de clientes, em média 28%”

        “Agarrando” no atual valor da Tarifa e-luz (valor do simulador da ERSE)
        Energia: 0,0845 €/kWh

        Atual Componente de energia: 0,0845+0,0958= 0,1803 €/kWh

        Se reduzir 28%, o novo valor da Componente de energia ficará:
        0,1803*(100%-28%)= 0,129816 €/kWh

        Ao qual juntamos a nova TAR, obteríamos como novo valor para este tarifário:
        0,129816+(-0,0121)= 0,117716 €/kWh
        (como a redução é em média 28%, neste tarifário pode não ser este o valor, mas dá para ter uma ideia)

        “a carteira de clientes da Endesa fica em média -10% abaixo da tarifa regulada”
        Tarifa regulada= 0,1567 €/kWh
        Tarifa Regulada – 10% = 0,1567 * (100%-10%) = 0,141 €/kWh

        Responder
      • João Filipe

        Se eu beber menos 7 cafés por mês já poupo o custo da mensalidade que teria de pagar ao ACP só para justificar adesão a Golden Energy.

        Repare que ao beber menos 6/7 cafés num mês, poupo também na minha saúde.

        É uma outra forma de poupança!
        As vezes não precisamos entrar em paranóia, basta sermos frugais.

        Dê um aumento a sim próprio!

        Responder
        • JRJordao

          O ideal é beber menos esses cafés e com o que poupa pagar a quota ACP e ter o tarifário mais económico. 🙂

          Responder
          • João Filipe

            Ou menos tabaco 😜

            Um maço a menos já dava para dar a gorjeta mensal a ACP, não?

      • Rui Pedro

        Eu tb mudei para a Goldenergy porque estão a oferecer 60€ em desconto nas primeiras 3 Faturas. Assim sendo, e atendendo que na Luzboa os valores em Julho subiram de 0,1203€ para 0,1848€/Kwh e a Potencia sobe de 0,1691 para 0,2396€ isto no escalão de 4,60kva e tendo em consideração que os negativos vão desaparecer da TAR (passou de -0,0958€ para -0,0121€).
        Resumindo saio da Luzboa durante 3 meses e volto a analisar o mercado em Setembro/23. Para mim é sem duvida a opção mais barata neste momento na minha opinião.

        Responder
      • Antonio

        Isso ate poderia ser verdade, se o valor da potência não fosse superior, e se o periodo de comparação fosse mesmo os 12 meses, e não 6.

        Responder
      • António Barroso

        Por favor não se esqueça do acesso á rede. As diferenças na potência contratada são de considerar

        Responder
    • Amílcar Gonçslves

      Obrigado pelas informações. Por enquanto, vou continuar na Lusboa.👍

      Responder
    • BG Ribeiro

      Pedro, qual o motivo pela qual a OMIE é diferente de Portugal vs Espanha? A diferença chega a ser de 50%.
      Obrigado
      BR

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. Capacidade de produção e número de produtores e de clientes.

        Responder
  2. Andre

    Olá Pedro.

    Creio que há algo de errado nas contas do preço da Endesa.
    “Ao preço atual de 0,0845 € vão aplicar um desconto de 28%, fica a 0,0608 €/kWh + TAR (que aumenta em 0,0837) e ficará – pelas minhas contas – em 14,45 cêntimos.”

    Está a aplicar o desconto ao preço com a TAR incluída (0,0845 €), e depois soma a nova TAR em cima do resultado.
    Não sei se será isso que a Endesa queria dizer.

    Pode fazer mais sentido ser o desconto de 28% sobre o preço atual sem TAR, e ao resultado somar a nova TAR. Em números algo como:
    ((0,0845 €/kWh + 0,0958 €/kWh) x 72%) + (-0.0121 €/kWh) = 0,1177 €/kWh.

    Responder
    • Marco Lopes

      A endesa também diz claramente que o preço final vai ficar cerca de 10% abaixo da tarifa regulada…

      Tendo em conta que a EDP SU tem uma tarifa de 0,1578, o preço obtido pelo Pedro Anderson está correcto!

      Responder
      • Andre

        Em média 10%.
        E o importante é saber se os 0,0845 €/kWh são a média do preço cobrado atualmente aos clientes.

        Ou seja, o risco é não se estar a partir do valor médio atual, estar a aplicar uma certa fórmula para chegar ao valor final, e considerar que se está a chegar ao valor médio final anunciado.

        Se fosse aplicar a fórmula A ao valor inicial médio e obter o valor final médio, eu considerava que as contas estavam corretas.
        Mas parece-me que está a ser aplicada a fórmula A a um valor inferior ao valor médio e a obter o valor final médio (os tais 10% abaixo do Regulado).
        E isso faz-me pensar que a fórmula A não está correta, entre outros indicadores.
        Como por exemplo fazer o desconto em cima do preço inicial incluindo a TAR, e ao resultado disso somar novamente a TAR para obter o valor final.

        Mas não há muito a discutir. A Endesa não comunicou claramente.
        Quer dizer, uma coisa é clara no comunicado. No primeiro parágrafo “para evitar que os clientes sejam afetados pelos aumentos das TAR”, e no terceiro “o aumento das TAR, terá menos impacto nos clientes”.

        Em que é que ficamos? Evitam que sejam afetados, ou minimizam impacto?
        É que só uma minimização de impacto a 100% é que é sinónimo de evitar impacto.

        Responder
        • Pedro Andersson

          Ola. Simplifiquemos: su eketricidade menos 10% dá os 0,1445 € 🙂

          Responder
      • Ricardo Sousa

        Bom dia.
        Porquê um número tão reduzido de fornecedores, presentes no estudo? Qual a razão para a MEO energia não estar presente, por exemplo?
        Obrigado

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá. Sao 21 empresas no total. Escolho as 5 mais baratas. Se não está é porque são mais caras e não entram no “meu” campeonato. Uso o simulador da ERSE.

          Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Se for assim, refaço as contas :). Na semana que vem ja saberemos o preço final. 16 centimos da SU, menos 10% dá os 14,45. O resultado que me deu é xoerente com a resposta da Endesa. Na semana que vem ja nao teremos essa dúvida.

      Responder
      • Tiago

        Tarifa regulada= 0,1567 €/kWh
        Tarifa Regulada – 10% = 0,1567 * (100%-10%) = 0,141 €/kWh

        Responder
    • Hélder

      Boa tarde, mas já se sabe qual o valor que a TAR vai ser aumentada ? È que estou a fazer a simulação no site da Erse e muitas das empresas, não aparecem que è o caso da Galp..por exemplo. Sabem-me dizer se o valor aumentado foi igual para todas ? Ou que cálculo devo fazer para tentar ver mais ou menos qual a distribuidora escolher ? Obrigado. Cumprimentos

      Responder
        • Hélder

          Bom dia Sr Pedro Andersson,por exemplo a distribuidora GALp deixou de estar no simulador da Erse, qual será a explicação? Não atualizou os preços ou existe aí qualquer coisa “escondida” da parte deles…

          Responder
          • Pedro Andersson

            Ola
            Decem estar a atualizarvos tarifarios. É normal.

  3. Louis

    Mesmo a Luz Boa tarifário Spot continua a ser a melhor oferta.

    Responder
    • JRJordao

      Até 30 de junho, sim.
      Depois passa de 0,026€/kWh (média de junho) para 0,11€/kWh.

      Responder
  4. Henrique Calhó

    Que excelente artigo. O senhor merecia uma medalha. Você sim merecia ser comendador pelo seu serviço público.

    Muito obrigado. Um abraço.

    Responder
  5. António

    Mais uma vez agradeço a explicação, um serviço público que continua fantástico 👍

    Responder
    • Sergio

      Conseguem-me ajudar?
      Tenho Luzboa indexado com bihorario.
      Não consigo perceber se valerá manter o bihorario ou passar para o valor único.
      Alguém já tem os valores para indexado com bihorario na Luzboa?
      Obrigado

      Responder
  6. Ana Reis

    Bom dia, sou cliente EDP, tenho painéis solares. Há cerca de um ano e pouco liguei e perguntei o que seria necessário para mudar de empresa. Complicaram muito a troca, exigindo o pagamento total dos painéis , acrescido de outras despesas.
    Acabei por não mudar . Processa se atualmente, desta forma, ou não ? Obrigada.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola. Tem de ler o contrato que assinou… Nao sei as regras com as quais concordou.

      Responder
  7. Tiago

    “-A partir de 1 de julho, a Endesa vai reduzir a componente de energia da sua carteira de clientes, em média 28%”

    “Agarrando” no atual valor da Tarifa e-luz (valor do simulador da ERSE)
    Energia: 0,0845 €/kWh

    Atual Componente de energia: 0,0845+0,0958= 0,1803 €/kWh

    Se reduzir 28%, o novo valor da Componente de energia ficará:
    0,1803*(100%-28%)= 0,129816 €/kWh

    Ao qual juntamos a nova TAR, obteríamos como novo valor para este tarifário:
    0,129816+(-0,0121)= 0,117716 €/kWh
    (como a redução é em média 28%, neste tarifário pode não ser este o valor, mas dá para ter uma ideia)

    “a carteira de clientes da Endesa fica em média -10% abaixo da tarifa regulada”
    Tarifa regulada= 0,1567 €/kWh
    Tarifa Regulada – 10% = 0,1567 * (100%-10%) = 0,141 €/kWh

    Responder
  8. Manuel

    «Ao preço atual de 0,0845 € vão aplicar um desconto de 28%, fica a 0,0608 €/kWh + TAR (que aumenta em 0,0837) e ficará – pelas minhas contas – em 14,45 cêntimos.»

    Isto é muito confuso. Nem faz sentido. Por um lado, é verdade que 90% do regulado bate cert com o valor que lhe deu, por outro lado esta fórmula está a aplicar duas vezes a TAR, porque o preço atual de 0.0845€ inclui a presente TAR de -0.0958 €/kWh…

    Em dois dias veremos.

    Cumprimentos

    Responder
    • Sergio

      O meu entendimento foi:

      0.0845€ – (-0.0958€) = 0.1803€
      0.01803€ * 72% = 0.1298€
      0.1298€ + (-0.0121€) = 0.1177€

      Cumprimentos.

      Responder
  9. Ricardo Castelo Branco

    Bom dia,
    Pergunto e a Repsol não disse nada? Tinha um dos tarifarios mais baratos no fixo, 0.09 € / kwh, não deram qualquer indicação?

    Responder
    • Rui Oliveira

      Bom dia a todos e um bem haja ao Pedro Andersson pelo seu precioso contributo.
      Coloco a mesma questão a quem souber responder sobre a Repsol.
      Pelo site da Repsol não encontro qualquer informação nova. Ou seja, um dos tarifários fixos mais baratos (0,088 €/kwh) passaria a ser praticamente o dobro.
      Numa empresa competitiva e que ainda recentemente se lançou na oferta de energia, parece pouco lógico nada fazer.
      Vou aguardar pelo inicio do mês de julho. Se houver noticias regresso à Goldenergy.

      Responder
      • Marco Lopes

        A semana passada a Repsol disse-me (fui eu que os contactei) que ainda não tinham tomado qualquer decisão sobre os preços para o dia 1 de Julho…

        Não acredito que o tarifário LEVE MAIS se mantenha com o excelente preço que tem!

        Nem entendo porque é que existem outros tarifários (quem é que adere a um tarifário com valor mais elevado se tem este LEVE MAIS à disposição??)

        Para já. Goldenergy + ACP é a escolha acertada.

        Responder
      • Armando Gonçalves

        Rui Oliveira, se regressar agora ( não sei no futuro), a Gold oferece-lhe 60 €, 20+20+20 nas 3 primeiras faturas. Adira ao Monoeletrico ACP-6/23 e aufira de um bom tarifário e depois é pedir o bónus.

        Responder
        • Marco Lopes

          A Goldenergy pregou-me uma boa rasteira!!
          Aderi ao ACP, fiz o contrato de energia… tudo com a GARANTIA de que teria acesso à campanha 20+20+20. Hoje, depois de nova confirmação, e após ter feito o contrato, SILÊNCIO!!!
          Tive de ligar eu, para me dizerem que afinal não tinha acesso a nenhuma campanha!!!
          Já CANCELEI tudo!

          Responder
          • Pedro Andersson

            Olá. Com que justificação?

          • Armando Gonçalves

            Marco Lopes, já foi cliente Goldenergy? Em caso afirmativo, estará nas condições, mas isso era um bónus para os primeiros 1000 aderentes. Não sei se eles se servem dessa premissa para excluírem possíveis regressos.

          • Marco Lopes

            A justificação foi “engano” da comercial!
            Mas para mim foi tudo muito “claro”!
            Eu não garanti que tinha sido antigo cliente!
            A comercial disse que me garantia a campanha, tivesse eu sido ou não cliente!
            Aderi nessas condições.
            Mantive o contacto através de WhatsApp
            Fiz adesão ao ACP
            Fiz adesão à Goldenergy
            Quando pedi para activar a campanha (como ficou combinado) disse que me ia ligar…
            Perguntei se havia algum problema, ao que me foi dito que NÃO!
            Entretanto não me ligou! 2 horas depois liguei eu!
            Atendeu o supervisor que me disse que não tinha direito à campanha…
            Bla bla bla bla bla… nada a fazer… bla bla bla
            Pedi para rescindir (o que foi feito na linha de rescisões)
            Pediram-me para aguardar uns “dias” para poderem analisar o caso (mesmo já tendo rescindido)
            Concordei aguardar antes de reclamar por escrito e cancelar a minha adesão ao ACP…

          • Mario Carvalho

            Parece ser prática dessa casa! Eu também aderi ao ACP/Goldenergy em tempos e nunca me activaram isso! Fiquei com um outro qualquer, que por acaso nem era muito mais caro. Mas se eu pedi uma camisola vermelha, porque é que me trouxeram uma amarela?????

      • Fábio Silva

        Contactei o serviço de apoio ao cliente hoje mesmo o qual me transmitiram que iam manter os valores… é esperar para ver.

        Responder
    • Nelson Matos

      O kw vai ficar a 0.156€

      Responder
  10. Tiago

    Essa resposta da Endesa tem muito que se lhe diga….
    Tendo em conta que a redução de 28% na componente de energia é em termos médios na carteira de clientes, em teoria, poderá haver metade dos clientes com reduções de 56% e a outra metade com redução de 0%… ou seja, a comunicação da Endesa não é clarificadora para cada um dos seus clientes, a menos que recebam uma comunicação personalizada.

    Pela afirmação “a carteira de clientes da Endesa fica em média -10% abaixo da tarifa regulada”
    Sabendo que a Tarifa regulada é 0,1567 €/kWh
    Tarifa Regulada -10% = 0,1567 * (100%-10%) = 0,141 €/kWh

    Mas lá está, é uma média, em teoria metade poderia ficar a pagar 0,1974 €/kWh e outra metade a pagar 0,0846 €/kWh, que a média daria 0,141 €/kWh, ou seja 10% abaixo da tarifa regulada.

    Tarifa e-Luz (valor do pdf da Endesa)
    Energia (preço base): 0,098301 €/kWh
    Atual Componente de energia: 0,098301+0,0958= 0,194101 €/kWh

    Se reduzir 28%, o novo valor da Componente de energia ficará:
    0,194101*(100%-28%)= 0,13975272 €/kWh

    Ao qual juntamos a nova TAR:
    0,13975272+(-0,0121)= 0,12765272 €/kWh

    E agora aplicamos os 14% de desconto do tarifário:
    0,12765272*(100%-14%)=0,109781339 €/kWh

    O valor obtido nos cálculos para o tarifário e-Luz (0,109781339 €/kWh) de pouco servirá, pois como comentei, a redução é em média 28% na carteira de clientes… este tarifário, em teoria, até pode não vir a ter qualquer redução na componente de energia, tal como podem aplicar uma redução de tal forma que mantenham o valor atual.

    A comunicação da Endesa, da forma como foi feita deixa a porta aberta para o que eles alterem o que quiserem nesse tarifário e nos outros que têm, pois só se comprometeram com a média da carteira de clientes e aí, nós enquanto consumidores não temos como controlar se efetivamente cumprem essa descida média de 28%.

    Responder
  11. Custodio Nunes

    Olá mais uma vez

    E a POTÊNCIA de fornecimento não conta ??

    O preço da potência instalada de Empresa para Empresa varia e também vai alterar as contas finais da fatura.

    Escolham o que vos parecer a melhor ( oferta ), mas para os que não querem esperar para ver, BOA SORTE na escolha

    Responder
    • Rogério Castro de Seixas

      A questão da potencia e seu valor em cada fornecedor, é também a minha questão. Porque só se fala no valor do Kwh e não do valor da potencia contratada? Obrigado!

      Responder
      • Pedro Andersson

        Olá. A questão da potência só é realmente relevante em consumos muito baixos. Embora refira isso varias vezes, o fator decisivo psra mim é o kWh.

        Responder
  12. Armando Gonçalves

    Dos melhores post‘s , claro e muito profissional. Só uma pequena questão, no seu vídeo ao minuto 7 quando fala no valor da potência, a este valor não deveria adicionar o valor do termo fixo de acesso às redes, afinal aquilo que paga diariamente engloba essa importância também.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola. Nao. É uma valor diario, independentemente de consumir ou nao eletricidade.

      Responder
      • Armando Gonçalves

        Certo, mas não deveria somar 0,324 € com 0,1198 €, esse é que é o valor diário .

        Responder
    • Tiago

      @Armando Gonçalves, está correto.
      Deveria ter-se somado o Termo de Potência (4.6 kVA) (0,3241 €/dia) com o Termo Fixo de Acesso às Redes (0,1198 €/dia), pois é o valor efetivamente cobrado pela potência/custo diário.
      Os 0,3341 €/dia são a margem da Endesa os 0,1198 €/dia é o valor das TAR na potência.
      Há comercializadores que têm na fatura tudo junto, e outros que separam, possivelmente para que muitos clientes cometam o erro que foi cometido no video.

      Responder
      • Tiago Rodrigues

        Caso se opte por aderir ao ACP, pode-se cancelar a qualquer momento?

        Obrigado

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá Tiago, o que lhe responderam no ACP quando lhes perguntou?

          Responder
          • Nelson Matos

            “Qualquer associado pode desistir de ser sócio a qualquer momento, bastando apenas manifestar formalmente (por mail ou carta) esse pedido.”
            Está nas FAQ

  13. Hugo Faria

    Muito obrigado Pedro pelo excelente trabalho.

    É impressão minha ou o tarifario não indexado da Luzboa está neste momento ao nivel do Goldenergy + ACP?

    Deixo o disclaimer de que não tenho qualquer ligação com a empresa.

    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola. Sim, mas a 1 de julho acrescenta 8 centimos e o Goldenergy nao…

      Responder
    • Paulo Nunes

      A luzboa actualizou hoje o tarifário não indexado, ficando assim a 0,1709€
      https://luzboa.pt/tarifarios/

      Atenção que hoje, 1 de Julho, os dados do simulador da Erse não me parecem estar ainda actualizados, pelo que no não-indexado, a Luzboa pode aparecer numa posição mais favorável do que na realizade deveria.

      Responder
  14. Pedro

    Mas porque é que estas empresas nao sao preto no branco? Ou sobe ou nao sobe ponto final. Sempre com estas jogadas de marketing a ver se enganam alguem. Deco para que serves?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. A deco é cada um de nós… Precisa da DECO para decidir o que é melhor para si? 🙂

      Responder
      • António Neves

        Obrigado Pedro
        Abri os olhos tarde( graças ás suas publicações), mas nestes 2 meses ao mudar para o indexado Repsol poupei quase 200€. Você era uma peça importante no lugar do seu colega da SIC, J.G.F., ( o amigo do capital) para abrir os olhos aos portugueses. Parabéns sou um atento e apreciador seu. Um abraço

        Responder
  15. António Madeira

    As minhas contas de merceeiro. Pelas contas do Pedro com gold/acp poupa-se 3 cents por kWh. Então a partir de 150kwh/mês passa a compensar este tarifário para quem aderir de propósito ao ACP e a este tarifário em comparação com o indexado. A minha decisão neste momento é não mudar. Como tenho painéis e o meu consumo no verão é muito baixo é melhor continuar na luzboa e ir acompanhando os comentários do Pedro e da malta e ir simulando de vez em quando.

    Responder
    • Armando Gonçalves

      António, Nāo me parece que contas sejam assim tão simples e esse valor de 150 Mwh mês daria no indexado preço de kWh muito próximo dos 0,18€. De qualquer forma, para se fazerem contas e perceber se vale a pena ou não o ACP- Goldenergy versus Luzboa indexado, tem de se entrar em linha de conta com algumas variáveis. Primeiro – Valor omie
      Segundo – Consumo mensal em kWh.
      Terceiro – Qual o valor da potência
      Quarto – Quanto representa em termos percentuais os 4,5€ da quota do ACP na fatura final.
      Cada caso é um caso, fiz imensas simulações na minha folha de Excel e para o meu perfil a partir de mais ou menos 100€ o indexado fica mais caro em relação ao Goldenergy ACP.

      Responder
      • Armando Gonçalves

        Por lapso disse que a partir de 100 Mwh no omie , para o meu perfil o tarifário Monoeletrico ACP-6/23 começa a compensar, mas devia ter dito 80 Mwh.

        Responder
      • António Madeira

        Se poupas 3 cents por kWh e tens que gastar 4,5€, 150×0,03=4,5. Menos de 150kwh nao compensa, mais já compensa.

        Responder
        • Armando Gonçalves

          António Madeira, estávamos a falar de coisas diferentes ):, eu falava em preço por Mwh e o António em consumo de kWh.

          Responder
  16. Karim Shamsherally

    Bom dia

    Tenho uma dúvida, onde posso encontrar os novos tarifários, especialmente da Goldenergy? Esses cerca de 8 cêntimos também é válido para o bi-horário? Já estive no site deles e os valores não são os referidos aqui. As minhas desculpas se estive a procurar no sítio errado. Obrigado e bem haja Pedro

    Responder
  17. Marco Lopes

    QUE MEGA CONFUSÃO que anda no mercado!!! Isto até doi…

    Liguei novamente com a REPSOL… que me garante afinal que o tarifários são garantidos por 12 meses para clientes com contrato antes de 1 de Julho!!!

    Mas andam a brincar? Então se as condições dizem claramente que a REPSOL pode reflectir automaticamente qualquer aumento de tarifas de acesso à rede, ou outras!!

    Mas este comercial jura a pés juntos que quem aderiu antes do dia 1 tem os preços actuais garantidos por 12 meses, sem qualquer aumento!!!

    😕

    EDIT: Liguei novamente, agora para o atendimento geral, e já me foi dito que TODOS OS CONTRATOS vão sofrer aumento a partir de 1 de Julho! O plano LEVE MAIS passa de 0,09 para 0,15! Coisa pouca…

    Responder
    • Carlos.

      Já enviaram os mails a clientes… 0,15 !!

      Responder
  18. Manuel

    Boa noite Pedro,

    A Endesa já publicou os novos preços. Confirma-se os 11 cêntimos e não os 14.

    Cumprimentos

    Responder
  19. J Cunha

    e a Luzboa BTN (não indexado) em tarifa simples passou para 0.1709 €/kWh… aplicação directa do aumento da TAR…

    Responder
  20. Tiago Rodrigues

    Caso se opte pela adesão na ACP, pode-se cancelar a qualquer momento?

    Obrigado

    Responder
    • Carlos

      Boa noite Tiago,

      Ainda q já tenha lido alguém dizer q o ACP pode ser cancelado, o q me foi dito pela senhora q me esclareceu é q a adesão implica 1 ano de fidelização.

      Cump

      Responder
      • Tiago

        Qual lhe disseram que tem fidelização? O tarifário goldenergy acp, ou ser sócio do acp? Tanto um como outro tenho exatamente a informação contrária em apoio a clientes e em web.

        Responder
  21. Miguel teixeira

    ola
    esse tarifario acp goldenergy pode se ter em varias casas e lojas sendo o mesmo titular desses contratos mas com moradas diferentes.ou so podemos fazer esse contrato numa unica e mesma morada do cartao acp?no site nao vi nada sobre isso nem o preço da potencia
    muito obrigado .na repsol confimo que vao aumentar os preços recebi email ontem

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola Miguel. O que lhecresponderam na Goldenergy quando os contactou?

      Responder
      • Miguel teixeira

        so segunda vou saber como funcionao acp goldenergy.ou havera um numero para o fim de semana?liguei par o 800501070 mas ninguem atendeu so recebi o email da repsol ontem noite que vao aumentar.(espertos)…

        Responder
    • Carlos

      Abrange todos os contratos de electricidade em nome do titular, não importando qts são ou onde se localizam

      Responder
  22. Jorge Rosa

    Boa tarde, Sr. Pedro Anderson, tenho lido alguns dos seus artigos sobre as tarifas da eletricidade, onde afirma que é simples mudar de fornecedor, mas pelo que vejo, no mercado indexado, não se pode mudar para outro fornecedor enquanto o contrato de 12 meses não terminar? Por isso, quem escolher indexado tem de contar com a permanência de um ano.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola isso é um mito. Pode mudar todos os dias se quiser

      Responder
  23. Filipe

    Acabou-se o que era bom, agora mais cêntimo menos cêntimo é tudo mais ou menos igual. O povo é resiliente e tem as costas largas. Podem carregar mais nos impostos que nós aguentamos!

    Responder
    • Pedro Andersson

      Mesmo assim havera 3 ou 4 muito mais baratas do que as outras.

      Responder
  24. Marco Lopes

    Os mais económicos em kWh no momento, assumindo DD+FE https://simulador.precos.erse.pt/eletricidade

    Goldenergy+ACP: 0,0836
    Iberdrola: 0,1094
    Indexado (projeção 4 meses): 0,1250
    Endesa e-luz: 0,1293
    Endesa simples: 0,1314

    Responder
    • JRJordao

      Lista revista com mais alguns tarifários Goldenergy

      Goldenergy+ACP: 0,0836 (mensalidade ACP: 4,50)
      Iberdrola Mais Casa: 0,1094
      Indexado (projeção 4 meses): 0,1250
      Goldenergy+Fnac: 0,1267 (?)
      Goldenergy Simples: 0,1291
      Endesa e-luz: 0,1293
      Goldenergy +Cliente: 0,1299
      Endesa Simples: 0,1314

      Responder
      • J Cunha

        Penso que esse valor da Iberdrola ainda não terá sido “actualizado”, já que é o que eles já tinham anteriormente…

        Responder
  25. Bruno

    Tenho tarifário indexado Luzboa… acabei de fazer uma simulação no site da ERSE e o Luzboa SPOT BTN nem aparece na mesma… O mais barato que aparece é o tal da Goldenergy com afiliação ao ACP…
    Não sei o que fazer… manter-me na Luzboa SPOT ou mudar para a Goldenergy…

    Sugestões??

    Responder
      • Bruno

        Obrigado, desconhecia esse site.

        Responder
  26. Marco Rodrigues

    Boas,

    Vocês nem deixam arrefecer, tinha mudado da SU para a Repsol por ser mais barato, agora vamos lá ver novamente, parece que terei de voltar à Endesa.

    Obrigado ao Mr. Poupança! O presidente da república devia condecorá-lo!

    Responder
    • Pedro Andersson

      Marco, quanto mais vezes as pessoas mudarem para mais barato, mais is precos gerais baixam. É simples. Quando as pessoas sao preguiçosas para elas próprias porque é que as empresas se chateariam e lucrariam menos?

      Responder
      • Marco Rodrigues

        Tem toda a razão, se não mudarmos várias vezes acaba por ficar estaganado.
        A Goldenergy parece-me uma boa empresa para o próximo mês. Já viram a oferta de painéis solares que eles têm? Gosto muito do sítio web deles e está muito bem conseguido. Pedi para me ligarem, pode ser que façam uma boa oferta !

        Responder
  27. Filipe

    Apesar dos 6 meses mínimo de fidelização obrigatória (que para mim não tem problema nenhum) a JAFplus https://jafplus.pt/particulares/tarifarios/ parece-me bastante interessante com os tarifários híbridos . 2° feira já vou ligar para saber mais informações.

    Responder
  28. PauloS

    Será que a esta altura a informação que está no simulador da ERSE está validada e não sofrerá alterações nos próximos dias? Os preços mais baratos já refletem todas as taxas e taxinhas? Estando actualmente na LuzBoa indexado, usando os meus dados, a opção LusBoa só aparece na segunda página (carote) das simulações. O tarifário mais barato na minha simulação é Goldenergy+ACP, logo a seguir aparece uma oferta indexada da ALFA e no meu caso são 40 euros a mais anuais e não tenho que ser sócio de nada. Será que é mesmo assim? Acho que vou fazer nova simulação no final da semana e ver se estes valores se mantém, se não existem “rasteiras”.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola. O simulador é só uma indicação. Tem sempre de confirmar com as empresas diretamente.

      Responder
      • PauloS

        Pedro,
        Só para lhe dar feedback, hoje segunda-feira (3 de Julho) fiz nova simulação com os mesmos dados que tinha feito no Sábado, eu tinha falado em possíveis alterações nos dados que são inseridos no simulador pelos operadores, pois bem, a tal empresa ALFA desapareceu como uma boa opção no indexado, hoje segunda-feira. Isto está com uma volatilidade de preços, parece que estamos a negociar em ações ou bitcoins e no entanto estamos a falar dum bem essencial que é eletricidade, uma má escolha vai ter influência direta na carteira. Vou continuar a acompanhar os valores que vou inserindo no simulador, mesmo correndo o risco de já estar a pagar mais do que devia, mas entendo que as empresas a fazerem malabarismos também será nestes primeiros dias. Decidirei na próxima semana o que fazer.

        Responder
  29. Jose

    Fiz uns cálculos “caseiros” para faturas com consumo médio mensal de 250 kWh e uma potência contratada de 5.75 kVA. Os valores finais das faturas incluem todos os impostos (IVA 6% para os primeiros 100 kWh consumidos, 23% para os restantes, taxa de exploração, consumo eletricidade e CAV). Os valores são também sempre para DD+Fatura eletronica (o habitual da industria), e para horário simples:

    Luzboa​​​:
    (Potência: 0,2697 eur/dia para todos os exemplos)
    Consumo com Média OMIE 70: 0,0833 eur/kWh
    TOTAL: 37,56 euros
    Consumo com Média OMIE 80: 0,0951 eur/kWh
    TOTAL: 40,99 euros

    GoldEnergy Tarifa ACP:
    Consumo: 0,0836 eur/kWh
    Potência: 0,3246 eur/dia
    TOTAL: 39,68 euros mais 4,50 euros (mensalidade ACP) = 44,18 euros​

    Luzboa:
    Consumo com Média OMIE 90: 0,1069 eur/kWh
    TOTAL: 44,42 euros

    Iberdrola (preço médio no segundo semestre/6 meses de permanencia):
    Consumo: 0,1069 eur/kWh
    Potência: 0,3425 eur/dia
    TOTAL: 47,09 euros​

    Luzboa:
    Consumo com Média OMIE 100: 0,1187 eur/kWh
    TOTAL: 47,85 euros​
    Consumo com Média OMIE 110: 0,1305 eur/kWh
    TOTAL: 51,28 euros

    Endesa:
    Consumo: 0,1293 eur/kWh
    Potência: 0,3624 eur/dia
    TOTAL: 54,35 euros

    Luzboa:
    Consumo com Média OMIE 120: 0,1423 eur/kWh
    TOTAL: 54,71 euros

    SU Eletricidade:
    Consumo: 0,1567 eur/kWh
    Potência: 0,2703 eur/dia
    TOTAL: 58,91 euros

    Repsol Leve Mais:
    Consumo: 0,1532 eur/kWh
    Potência: 0,2995 eur/dia
    TOTAL: 58,97 euros

    EDP Comercial:
    Consumo: 0,1728 eur/kWh
    Potência: 0,1933 eur/dia
    TOTAL: 60,75 euros

    Responder
    • Bruno

      Excelente trabalho. Mas fiquei com uma dúvida. O que significa OMIE 70, 80, 90, 100 e 110?
      Cumprimentos

      Responder
      • Santos

        Portugal, está hoje com o preço médio de eletricidade mais caro, no conjunto de uma lista de 43 paises, segundo a “Spotprizen” app Android….
        Portugal apresenta hoje uma média diária de 117€/MHW.

        Acho que estou a ver bem as coisas…

        Responder
        • Bruno

          Essa app também existe para iOS e, segundo a mesma, o preço médio hoje foi de 0.124€ kWh

          Responder
    • Gonçalo Daniel

      Atenção, o preçário da iberdrola sofreu alterações hoje, uma nova campanha entrou em vigor, não sei tal se sofre alterações aos que tal como eu aderiam á anterior, vou questionar amanhã.

      Responder
  30. VITOR BARBOSA

    Boa tarde.

    Bem sei que hoje é domingo, mas mesmo assim é estranho que certas ofertas não constem do simulador de ERSE, que quer se queira quer não é o padrão dos simuladores e o benchmark do mercado…
    É o caso do indexado da LUZBOA, do qual sou cliente.
    Ainda assim, e esta simulação vale o que vale, surge à cabeça o indexado da ALFA Energia.
    No meu caso, a ALFA resultaria numa poupança ANUAL de 25€..
    Aguém tem experiência com esta empresa?

    Obrigado

    Responder
  31. José Santos

    Boas,

    Pessoal, o Contas Poupanças / o Pedro faz um excelente serviço E QUE EXIGE HORAS. Aqui temos os dados, as continhas feitas dos 4 ou 5 mais baratos, o resto é connosco.

    Para quê criticar por criticar???

    Obrigado Pedro

    Responder
  32. Miguel Marques

    Antes de mais aproveito para agradecer o excelente trabalho do Pedro Andersson.

    Já entrei tarde na mudança do operador mas mesmo assim já compensou.

    Hoje recebi a fatura da Luzboa para o mês de Junho com um valor muito mais baixo do que pagaria, mas mesmo assim não deixei de notar uns valores esquisitos no kWh faturado com valor unitário do Vazio a 0,12529€/kWh e o Fora do Vazio a 0,11744€/kWh e de seguida os descontos TAR

    Não seria suposto o Vazio ficar mais barato do que o Fora do Vazio?
    Existe algum site onde se consiga ver a média mensal vazio/fora do Vazio ?

    Obrigado

    Responder
  33. L Matias

    Bom dia
    Qual é o período exacto de facturação? Data início e data fim?
    Não estão a ser facturados dias de Junho e de Julho?
    Mande as datas que eu calculo o preço do kWh.
    Se mandar a potência e os kWh consumidos (em Junho e Julho se for o caso) posso fazer o cálculo do total da factura…
    Cumps

    Responder
  34. J Cunha

    Alguém me consegue dizer, para as várias potências contratadas, qual o valor do termo da potência no tarifário ACP+Goldenergy ?
    É que procurei e não encontrei, mas simulando no site não obtenho valores do termo de potência iguais para diferentes consumos…

    Nota: As primeiras impressões ao fazer a simulação é que o termo de potência será muito elevado relativamente à concorrência, o que pode fazer com que o menor custo do kwh seja “amortecido”, principalmente para valores baixos de consumo…

    Responder
    • L Matias

      Boa tarde J Cunha
      Na página https://descontoluz.acp.pt/ pode ver a resposta à Pergunta Frequente “Tarifário ACP Goldenergy em vigor” quase no fim da página…

      Responder
      • J Cunha

        Obrigado (era capaz de jurar que no passado domingo essa ‘Pergunta Frequente’ não estava lá)

        Responder
  35. Hugo Vaz

    Boa Tarde,

    Alguém me consegue elucidar qual será o preço da Luzboa Bi-Horária indexada?

    Não consigo ~chegar a um valor com os meus cálculos.

    Obrigado

    Responder
    • Luis Matias

      Boa tarde
      Com dados do período 01/07 a 06/07/2023 temos
      Preço OMIE SPOT médio: 103,85€
      TAR: -0,0121€
      Perda: 15,571%
      kWh Vazio: 0,10019€
      kWh Fora Vazio: 0,13459€

      Valores Sem IVA

      Responder
    • Luis Matias

      Boa tarde.
      Faço correção aos dados que informei antes pois a TAR que indiquei é para Tarifa Simples

      Com dados do período 01/07 a 06/07/2023 temos
      Preço OMIE SPOT médio: 103,85€
      TAR Vazio: -0,0349€
      TAR Fora Vazio: -0,0005€
      Perda: 15,571%
      kWh Vazio: 0,10019€
      kWh Fora Vazio: 0,13459€

      Valores SEM IVA

      Responder
  36. Paulo

    A minha experiência na LuzBoa:
    Após 2 facturas, a última já com 2 dias de Julho, a poupança foi de 23€ e 20€.
    Os valores que comparei são termo fixo e Kwh e os respectivos valores de IVA.
    Estes valores já estão de parte, se/quando os valores subirem demais e eu esteja “distraído”.
    A poupança é em relação à SU, que era o comercializador anterior.
    Já o apoio ao cliente (por mail e/ou telefone)… deixa muito a desejar.

    Responder
  37. VITOR BARBOSA

    Bom dia:

    Alguém por aqui com experiência com a EZU?
    É que no simulador da ERSE não aparece nenhum tarifário…..

    Responder
  38. Rui L.

    Mas Pedro, eu recebi em final de Maio um e-mail da edp em que me dizem que vou pagar €0,20/kw componente electricidade e €0,06/dia na componente potência..isso não está a aparecer no simulador da ERSE..e mesmo ao consultar cada site das empresas não aparecem tarifários actualizados a Julho/2023..muita informação escondida..

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Os valores que menciona nao fazem sentido. Veja melhor. E em julho mudou tido. Maio esta desactualizado.

      Responder
  39. L Matias

    Bom dia a todos
    Alguém tem contrato ou teve com a Alfa Energia com tarifa indexada (ALFA MAIS INDEX BTN)?
    Estou a complementar a minha base de dados, que calcula as tarifas com base no mercado SPOT, e necessito de uma factura para confirmar que estou a calcular bem o preço.
    Alguém poderia disponibilizar uma factura, anonimizada claro?
    Ou, pelo menos, alguns dados da factura:
    – Período facturado
    – Preço kWh

    Cumprimentos e obrigado

    Responder
  40. L Matias

    Boa tarde
    Fizeram novas simulações na ERSE recentemente?
    Hoje constatei que a Audax se apresenta como a melhor alternativa no Bi-Horário com uma diferença significativa para a GoldenergyACP. Para um consumo mensal de 500kWh (50% em Vazio/FVazio) obtenho: 557€ na Audax e 765€ na Goldenergy.
    Esta diferença é muito significativa…
    Alguém tem conhecimento dos valores dos diversos factores que entram na fórmula da Audax: “P sistema” e “P atr”?

    Cumps

    Responder
    • L Matias

      Bom dia
      Hoje renovei esta simulação e o resultado já é outro: 1.170€ na Audax e os mesmos 765€ na Goldenergy
      alguma coisa não está/estava a funcionar bem no simulador da ERSE…

      Responder
  41. Julio Ferreira

    Afinal era só uma jogada ACP-Goldenergy preços vão ser praticamente os mesmo com ACP ou sem ACP e a Goldenergy em alguma rubricas só vai aumentar quase 100%.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.