Painel solar fotovoltaico – Balanço Outubro de 2019 (mês 35)

Escrito por Pedro Andersson

24.11.19

}
4 min de leitura

Publicidade

Balanço do mês de Outubro de 2019

Outubro de 2019 foi pior do que Outubro de 2018. E, até agora, foi o terceiro pior mês deste ano.  Pelo histórico dos meus registos ao longo destes 3 anos, Novembro (este mês em que estamos e ainda não terminou) é sempre o pior de todo o ano. E está mesmo encaminhado nesse sentido. Darei conta do balanço de Novembro quando o mês terminar. Para já vamos às contas de Outubro.

O painel produziu em Outubro 28,997 kWh. Daria para aspirar a sua casa durante 29 horas de “graça”.

Foi um mês já muito irregular porque houve muitos dias nublados, como podem ver neste gráfico. Foram raros os dias em que teve a produção máxima.

Os números de Outubro de 2019

O painel solar fotovoltaico de 250 W (só tenho 1 porque até agora considero que basta para os consumos que tenho durante o dia, porque habitualmente a casa está vazia) produziu em Setembro quase 29.000 W. Tem aqui o gráfico dos meses.

As contas

O que o painel fotovoltaico de 250 W produziu em Outubro representou 5,33 € de poupança na minha fatura da luz, se tivesse consumido tudo o que o painel produziu no mês passado. O preço do meu kWh atualmente é tarifa simples de 0,1839 (com IVA).

Se tivesse consumido tudo o que o painel produziu teria já poupado até agora 237,19 €. Gastei 620 euros no painel e instalação em 2016. O retorno do investimento mantém-se nos cerca de 7 anos e meio. Agora já consegue o mesmo ou melhor por cerca de 500 euros.

Compensa comprar um painel solar?

Como não consumo tudo o que o painel produz (porque não estou em casa durante o dia durante a semana), tenho estimado o meu desperdício para a rede em cerca de 25%.

Assim, o retorno real  (o chamado break even) continua pelas minhas contas perto dos 10 anos (reais). Depois de passado esse tempo, o painel estará pago e terei pelo menos mais 15 anos de “lucro”. Veremos se é assim. Mensalmente continuarei a fazer aqui o balanço.

A reportagem

Na semana passada, a reportagem do Contas-poupança foi com um outro caso real de um espectador que decidiu comprar 3 painéis solares e que consome praticamente 100% da eletricidade que eles produzem em tempo real, porque a mulher está sempre em casa. É a situação ideal para quem tiver dinheiro e espaço para instalar painéis solares.

Pode ver ou rever a reportagem AQUI. Tem muita informação útil. Aproveito para esclarecer que alguns profissionais da área apontaram no blogue e no Facebook do Contas-poupança críticas a incorreções que terei cometido sobre a nova lei do autoconsumo. Nomeadamente, que a partir de uma determinada potência é necessário preencher outros requisitos legais que não mencionei na reportagem.

Lerei e relerei e lerei outra vez a legislação que me enviaram e corrigirei o necessário assim que conseguir transformar aquela lei em situações práticas. Esses instaladores não precisam ficar preocupados. Não estou a tentar roubar nenhum negócio a ninguém.

O que posso garantir, dentro das minhas possibilidades enquanto jornalista e pelo que entretanto aprendi sobre o tema, é que podem instalar 1, 3, 5, 6, 10 painéis “à vontade” sem terem de estar preocupados com burocracias. É MESMO só comprar os painéis, instalá-los ou pedir a um instalador certificado que os instale (situação ideal), fazer o tal registo na página que menciono no artigo, ligar os painéis à tomada e é só começar a poupar. Se existir alguma situação mais complicada será devidamente esclarecida pelos profissionais ou na loja que contactar. Não tenha é “medo” de uma coisa que não conhece. A poupança é real. Só tem de fazer contas a se é do seu interesse ou não.

Na minha opinião – que vale o que vale –  todos os portugueses com um telhado virado a sul deveriam ter 1 painel solar. Se depois vale a pena ter 2, 3 ou 6, ou 20 é outra conversa, como explico na reportagem.

Faça perguntas, informe-se e decida.


Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2019. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica. Se quiser conhecer também as dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”. É só clicar AQUI ou nas fotos dos livros.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #251 – Qual é a diferença entre os PPR normais e os Fundos PPR?

Há PPR "normais" e "não normais"? Os PPR são o tema que mais entusiasma os ouvintes deste podcast. Parece que alguém descobriu uma "pólvora" financeira, mas os PPR existem há mais de 20 anos. Porquê só agora este interesse? Porque são uma excelente ferramenta para...

Como compro lombos de salmão mais baratos do que fiambre

Como comprar lombos de salmão com 65% de "desconto" As saudades que eu tinha de escrever um artigo sobre as minhas poupanças diárias… Como sabem, a minha estratégia de poupança é ter sempre o melhor possível pelo preço mais baixo. Nunca é a poupança dos “coitadinhos”....

ATENÇÃO – Já só tem uma semana para entregar o IRS (ou para o corrigir)

Prazo acaba a 30 de junho - Evite as multas O prazo para entrega do IRS termina no dia 30 de junho. Falta uma semana. De acordo com o Portal das Finanças, até este domingo já foram entregues cerca de 5 milhões e 600 mil declarações (5 615 814). Em comparação com o...

Oficial – Parlamento aprovou o fim de portagens nas ex-SCUT

Abolição das portagens nas ex-SCUT a 1 de janeiro de 2025 É oficial. O Parlamento aprovou em votação final global a proposta do PS para eliminar as portagens nas ex-SCUT e nos troços "onde não existam vias alternativas que permitam um uso em qualidade e segurança". O...

PodTEXT Vamos a Contas | Onde devo investir se já estou perto da reforma?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

PodTEXT | O que é o movimento FIRE – É possível refomar-se mais cedo?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (24 a 30 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

Isenção de IMT e Imposto de selo para jovens até aos 35 anos – O que já se sabe?

Lei já foi publicada em Diário da República Foi publicada esta quinta-feira em Diário da República a Lei (está aqui) que autoriza o Governo a avançar com a isenção do IMT e do respetivo Imposto de selo para jovens com idade igual ou inferior a 35 anos, na compra da...

Publicidade

Artigos relacionados

11 Comentários

  1. Miguel

    Pedro,
    A produção é em Wh, atenção à unidade 🙂

    Responder
    • Pedro Andersson

      Obrigado. Sou um leigo/utilizador :). Para mim são W em tempo real. Não sei explicar de outra maneira.

      Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Lamento. Não sou a minha opinião porque não tenho conhecimentos técnicos suficientes para isso. Coloque por favor no grupo de Facebook “Contas-poupança -as suas dúvidas”.

      Responder
  2. Rogério

    Eu já uso esta tecnologia à 2 anos. Tenho 12 painéis de 270w e garanto que não vai energia para a rede. Há no mercado dispositivos que colocam a energia que sobra em resistências para aquecer àgua. Cada euro gasto é bem gasto. Pensem também na natureza.

    Responder
    • A.Sousa

      Não é boa estratégia. Se é para aquecer água, arranje um painel AQS. Um painel AQS é 80% ou mais eficiente. Um painel fotovoltaico é 20% eficiente. Eficiência medida em termos da energia solar que incide nos paineis…

      Responder
      • FreeAtMind

        Se ia para a rede a energia e a utiliza para aquecer a água, passa de desperdício a aproveitamento, aqui a eficiência da tecnologia não é relevante. Seria apenas se estivesse a estruturar a instalação e tivesse comprado mais painéis para suportar esse aquecimento de água, aí já seria relevante.

        Responder
  3. Luis Pereira

    Esses 25% não estão subestimados ? Trabalha em casa ou tem pessoas em casa durante o dia ?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ola, agora tenho pessoas mais dias em casa durante a semana devido aos horários da escola do miúdo. Mas foi a conta que fiz com vários dias de amostra.

      Responder
  4. Luis Pereira

    Era interessante instalar um contador digital de onde podesse extrair o padrão de consumo e depois cruzar com o padrão de produção. Aí podia ver se 1 painel chega ou não.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.