PODCAST | #110 – O meu PPR está negativo. É normal?

Escrito por Pedro Andersson

16.05.22

}
2 min de leitura

Publicidade

O MEU PPR ESTÁ NEGATIVO. É NORMAL?

Voltei ao tema porque continuo a receber dezenas de perguntas de pessoas muito assustadas por terem os seus investimentos negativos.

Por favor, compreendam que há uma guerra na Europa e uma enorme instabilidade nos mercados. Portanto, agora é uma excelente oportunidade para investir em ferramentas de investimentos sem capital garantido ou para reforçar.

Mas se investiu antes da guerra, agora é a altura em que deve virar a cabeça para o lado e fazer de conta que não tem lá dinheiro nenhum. Volte lá só daqui a 6 meses. E se a guerra continuar, nem volte lá enquanto estivermos nesta situação. Mas não resgate só porque está negativo. Só está a prejudicar-se a si próprio e a mais ninguém.

Neste episódio faço uma conta simples para perceber porque deve reforçar em vez de resgatar.

Aproveite a minha boleia para melhorar a sua vida financeira e partilhe este podcast com os seus amigos.

Veja todas as dicas de poupança em www.contaspoupanca.pt
Assine a Newsletter no blogue

YouTube https://www.youtube.com/channel/UCP1NJYImfFMSEkQdlFlbFMA
Facebook facebook.com/contaspoupanca
Instagram www.instagram.com/pedroandersson_contaspoupanca/

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas.

Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

Tem a seguir os links para o Spotify, Soundcloud e iTunes. Para quem não percebe nada disto, deve ir à loja de aplicações do seu telemóvel e instalar gratuitamente a app “Spotify” ou “iTunes” ou outra que dê para ouvir Podcasts. No caso do SoundCloud basta clicar e começa logo a ouvir.

Boa viagem e boas poupanças!

Subscreva o Podcast e partilhe-o com os seus amigos ou familiares que se queixam de ter pouco dinheiro e muitas despesas.


Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

PodTEXT Vamos a Contas | Onde invisto 100€ todos os meses para os meus filhos?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (15 a 21 de abril)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PodTEXT | 5 sinais de alerta de que as suas finanças não estão bem

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

Quer fazer um Workshop gratuito de finanças pessoais? (Inscrições abertas)

Aprenda finanças pessoais gratuitamente Estão abertas as inscrições para a próxima edição do Finanças para Todos, da universidade NOVA SBE. O curso tanto pode online, como presencial (em Carcavelos) ou na área metropolitana do Porto. O curso terá lugar entre Outubro...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três meses, mas sobem a seis e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

VÍDEO | Como está a educação financeira nas escolas em Portugal? (Um bom exemplo)

Um bom exemplo de educação financeira nas escolas em Portugal Portugal está nos últimos lugares da Europa em literacia financeira. Isso quer dizer que, para além de ganharmos pouco, ainda por cima temos muita dificuldade em gerir bem o pouco dinheiro que temos. A...

Inflação voltou a aumentar em março para 2,3%

Inflação em Portugal volta a subir pela segunda vez em 2024 A taxa de inflação homóloga em Portugal passou de 2,1% em fevereiro para 2,3% em março, confirmou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE), depois de ter lançado os valores provisórios a 28...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #230 – Vamos a contas | Onde invisto 100 € todos os meses para os meus filhos?

Onde ponho a render o dinheiro dos meus filhos? Uma ouvinte tem a disponibilidade de colocar 100 euros por mês de lado para o futuro dos seus dois filhos pequenos. Ela pergunta qual é a melhor maneira de pôr esse dinheiro a render. Esta é uma dúvida comum e que pode...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

9 Comentários

  1. Maria do Carmo Albuquerque

    Boa tarde caro Pedro.
    Relativamente ao tema do PPR (Podcast #110) deparei-me exatamente com o mesmo problema: estou a perder dinheiro!
    Muito obrigada pela sua explicação e pelo sábio e prudente conselho.
    Vou aguardando e observando a evolução!
    Cumprimentos
    Carmo Albuquerque

    Responder
      • Carlos

        Então para além de ser uma boa altura para reforçar, também é uma boa altura para subscrever, correcto?

        Responder
        • Pedro Andersson

          Tal e qual. Tendo consciência de que ainda pode descer mais. Abraço.

          Responder
  2. josé marques

    Senhor Pedro. Dos cento e vinte mil euros que tinha em aplicações e que me renderam cerca de nove mil em 2020 e 2021, neste momento já foram todos á vida, numa entidade bancária que tenho á 55 anos. Por isso considero que essa entidade bancária como todas as outras não sabem gerir nada, são uns incompetentes. Poderá não gosta deste meu comentário, mas é a realidade. E com essa entidade bancária já perdi desde 2000, cerca de quinze mil euros. O dinheiro é bem aplicado quando for para fazer negócios continuados. Venda compra, compra venda, com risco calculado, caso contrário, as aplicação são só para entreter o clientes, sempre com a conversa da esperança, mas como quando não há crises eles os políticos arranjam estes estratagemas inventado estes truques. O lucro é sempre para os acionistas e para os espertalhões que todos os dias estiverem prontos para negociar. Para o zé cidadão é um passa tempo enganador, em que a maioria só dá por isso, quando ao fim de um ano se deslocam á entidade bancária, pensado que têm lá mais uns tostões, ficando estupefactos com o resultado. E isto tudo com pompa e circunstância, com contas a serem geridas por um gestor de conta. vejam bem a lata destas entidades. Um abraço e agradecido. 29-6-2022.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá José. Quando diz que foram à vida refere-se aos 9 mil ou aos 120 mil?

      Responder
  3. Valdemiro Vieira Vieira

    Caro Sr Pedro ,
    Aprecio mt as suas intervenções na TV e daí me lembrar de o contactar.
    Como tenho visto outros casos, tenho um PPR/CTT que neste momento já perco cerca de 1200€. Acha que devo deixar estar lá o valor que tenho ou aconselha a resgatar?
    Obrigado

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Nunca resgatar em perda :). Deve é reforçar.

      Responder
  4. Adélio Faria

    Bom dia Sr. Pedro.
    Em primeiro lugar agradecer por tudo aquilo que tem feito, para que todos nós(neste caso eu), estejamos de olhos mais abertos e fiquemos um pouco melhor em relação a literacia financeira.
    Acabei de ler o seu último livro e como me “penalizo” mesmo por não ter feito tudo de forma diferente, Nas mais variadas relações com os bancos ou instituições financeiras, nas resoluções das minhas necessidades, como créditos e contas poupanças, por exemplo. E como já o sigo há algum tempo, mas mesmo assim, demorei a entrar em modo de “acção”. Por exemplo luz e gás.
    Ora as minhas dúvidas agora são também com as suas sugestões para mudar a forma de por o nosso dinheiro a “trabalhar” para nós e não o contrário.
    A partir do momento em que constitui família, que adoptei princípios de meus pais e pensando que até os melhorei em algumas situações, como por exemplo abrir contas poupanças para as minhas filhas desde tenra idade, mas que agora vejo que o poderia e deveria fazer de outra forma, porque comparando valores de uma e outra, mais ou menos com o mesmo tempo de poupança, dado que há uma diferença de idades significativa, os valores da mais nova são menores. Ao entrar Universidade, a mais velha, deu algum jeito, mas poderia estar muito melhor, visto o longo prazo. No caso da mais nova e o que falta para uma possível entrada na Universidade, 3 anos mais ou menos, vejo o quanto é mesmo “pouquechinho”, utilizando uma expressão sua.
    E no meu caso, que já posso entrar na reforma, pela idade e descontos, mas que o que fui fazendo com as minhas poupanças, verifico o quanto fiz mal também.
    A minha pergunta é, no das minhas filhas, em especial a mais nova, não tenho um período muito longo (+-3 anos?) e nem sei se posso resgatar sem grandes penalizações para mudar a situação(Só aos 18 anos). Já no caso da mais velha, como a partir dos 18, já poderia mudar, resgatar e abrir conta, para que esse dinheiro, caso fosse necessário o pudesse utilizar, se farei bem ou mal em resgatá-lo? No meu caso é quase a mesma coisa, porque nesta idade, tendo dois produtos,”Capital Certo”, que é muito pouco no valor e nos “Lucros”, será que vale a pena mudar? Mesmo podendo tentar utilizar um período de 5 ou 10 anos no máximo?!
    Obrigado.
    Cumprimentos,
    A.O. Faria.

    Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. PPR | Mês #19 - Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Maio 2022) - […] PODCAST | #110 – O meu PPR está negativo. É normal? […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.