PODCAST | #202 – Como tornar o seu dinheiro automático em 2024?

Escrito por Pedro Andersson

02.01.24

}
2 min de leitura

Publicidade

MANDE A SUA MENSAGEM DE ÁUDIO/VÍDEO POR WHATSAPP PARA 927 753 737. Brevemente começo a responder.

O início de cada ano é propício a decisões importantes. Definimos objetivos e metas, embora depois a maior parte deles acabem por ficar perdidos no mundo das boas intenções.

É por isso que tem de tornar as suas decisões financeiras automáticas logo desde o dia um (literalmente). Se fizer o que lhe digo neste episódio, vai começar a notar imediatamente a diferença nas suas finanças pessoais e da sua família.

Não só não é tão difícil como parece, como não o vai prejudicar em rigorosamente nada, pelo contrário.

Confiar em si e nas suas capacidades de organização não funciona. Tem de tirar esse peso de cima de si para que a estratégia de organizar o seu dinheiro funcione.

Veja se o que lhe explico neste episódio faz sentido para si. Se fizer, e se agir, vai ter um ano mais descansado e com menos ansiedade financeira.

Partilhe este podcast com os seus amigos. Juntos, vamos conseguir vencer mais esta crise.

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas. Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

Boa viagem e boas poupanças!


GANHAR DINHEIRO – O livro que ensina tudo o que a escola não ensina

Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário.

https://bit.ly/GanharDinheiro_ComoCriarRiquezaComUmSalárioNormal


OS OUTROS 4 LIVROS (Já os leu?)

Contas-poupança – Como superar a inflação e ganhar com a crise

Contas-poupança – Vença a crise com inteligência

Contas-poupança – Poupe ainda mais, Invista melhor

Contas-poupança – Viva melhor com o mesmo dinheiro

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas sobem a 3 e 6 meses e descem a 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (3 a 9 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PODCAST | #244 -Vale a pena investir em ouro? (A pergunta do Pedro)

Subscreva a nossa Newsletter, para não perder nenhuma dica *Ao subscrever, a informação partilhada será usada de acordo com os nossos Termos e Condições e a nossa Política de...

Jovens vão poder decidir a cada ano que regime de IRS preferem

Opção pelo IRS jovem é anual e poderá ser alterada ou renovada O novo modelo de IRS Jovem aprovado recentemente pelo governo é diferente daquele que ainda vigora atualmente, na medida em que prevê uma redução das taxas do imposto que incidem sobre os escalões de...

Rendas de pessoas deslocadas em trabalho vão poder ser deduzidas

Medida aplica-se a deslocados a mais de 100 quilómetros de casa As pessoas que tenham de ir trabalhar para mais de 100 quilómetros de distância da sua residência habitual e pretendam rentabilizar a sua habitação enquanto estão fora vão poder deduzir a esse rendimento...

Garantia pública extingue-se quando jovens pagarem primeiros 15% do empréstimo

Garantia pública de até 15% aplica-se a casas até 450 mil euros O governo aprovou recentemente uma garantia pública de até 15% para ajudar os jovens até aos 35 anos a conseguir financiamento para comprar casa. Na segunda-feira, ao terminar o Conselho de Ministros...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (27 de maio a 2 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Medicamentos grátis a partir de 1 de junho para quem tem CSI

Publicada em Diário da República comparticipação a 100% em medicamentos para idosos com Complemento Solidário O diploma que estabelece que os idosos que recebem complemento solidário passam a partir de 1 de junho a ter direito a medicamentos comparticipados sujeitos a...

Prazo para pedir devolução de propinas termina esta sexta-feira

Mais de 158 mil pessoas já pediram o prémio salarial O prazo para pedir o Prémio Salarial, que prevê a devolução aos jovens do dinheiro que investiram na sua educação superior, termina esta sexta-feira, dia 31 de maio. Os licenciados e mestres que tenham concluído os...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

3 Comentários

  1. Oscar Gouveia

    Boa tarde Sr. Pedro,

    Ano novo, novas cegadas com o banco e um milagre de Ano Novo!!
    Trago-lhe à atenção uma situação que se passou comigo hoje dia 02JAN24. No início do mês de dezembro de 2023 informei a instituição bancária (Novo Banco) onde tinha o crédito à habitação de que iria efetuar a amortização total do crédito, tendo sido informado que, após a amortização, teria de voltar ao banco para solicitar a emissão do documento de distrate da hipoteca (tudo normal). A amortização foi efetuada como planeado e na última sexta-feira do ano ligam-me do referido banco a informar que o documento de distrate já estava pronto o que achei estranho! Hoje dirigi-me ao banco para solicitar o documento do distrate. Para minha surpresa a funcionária do banco vem-me com uma história de que as regras para a emissão do distrate tinham sido alteradas, que estava a confirmar uma comunicação de 18DEC23 no sistema interno da instituição bancária e informa-me que teria de pagar 50€, mais IVA, mais isto mais aquilo e no total ficava em cerca de 83€. Perguntei à funcionária se esse pagamento significava que eu já não teria de ir a uma Conservatória do Registo Predial para anular a hipoteca pensando eu, inocentemente, que essa seria a tal alteração, o banco tratava disso cobrando o valor da conservatória (50€ e uma comissão pelo serviço).
    Só que não, a funcionária diz-me que esse valor é só para emitir o documento do distrate. Pergunto então à funcionária qual é a legislação onde isso está e recebo a típica resposta de banco “Aí isso o senhor é que tem ir procurar”. Essa resposta fez-me logo destrancar a mola e informei a funcionária que não tinha de ir procurar coisa nenhuma, porque o que está na legislação e mencionada no Banco de Portugal é que os bancos não podem cobrar pela emissão dos documentos de distrate e citei-lhe o que está escrito na Lei n.º 57/2020, de 28 de Agosto (vantagem de saber usar o telemóvel para mais coisas do que ir ao insta e face…) e tinha de indicar qual era a lei que tinha alterado essa situação. Além do mais, se havia qualquer tipo de pagamento a ser efetuado devia ter sido informado quando me disseram que o documento estava pronto. Dito isto, a funcionária foi falar com um colega e o documento de distrate efetivamente estava pronto e não paguei coisa nenhuma.
    No entanto, não foi capaz de explicar o porquê de terem emitido logo o documento de distrate (melhor para mim) e muito menos de explicar onde tinha ido buscar os tais valores que eu teria de pagar e legislação de suporte.
    Creio que a minha experiência de hoje serve como um alerta a todos os que venham a fazer os distrates das suas hipotecas pois, pelo menos no Novo Banco, parece-me estar em curso uma tentativa de cobranças indevidas neste aspeto. Pela pesquisa que efetuei, não saiu qualquer tipo de legislação que venha permitir aos bancos voltar a cobrar comissões por estes documentos ou ações conexas (a tal história do reconhecimento de assinaturas).
    Alerto também para o facto de que irem préviamente informados da legislação em vigor, só vos fortalece.

    Responder
  2. Anita

    Olá, Pedro!
    Hoje tentei fazer amortização do meu crédito habitação. Acontece que, para meu espanto, no banco em causa (CGD) me disseram que qualquer amortização que fizesse levaria a um refazer do crédito, mais no sentido de alterar a taxa Euribor variável de 3M para 6M, com a desculpa de que já não trabalham com a dos 3M. Mas se não fizesse amortização continuava a a minha taxa variável 3M.
    Faz algum sentido!? Eu não pretendo
    renegociar o meu crédito. Apenas fazer as amortizações que entender. Agradecia a sua ajuda 🙂

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Estão a dar-lhe informações erradas. Insista com o pedido e peça para falar com o gerente.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.