PODCAST ESPECIAL | #138 – Quando e como o banco é obrigado a renegociar o crédito à habitação?

Escrito por Pedro Andersson

09.11.22

}
2 min de leitura

Publicidade

O banco é obrigado a baixar a sua prestação do crédito à habitação?

O governo vai obrigar os bancos a renegociar o seu crédito à habitação se a sua taxa de esforço atingir os 36%, para ajudar as famílias a minimizar os efeitos da subida da euribor nas prestações ao banco.

Mas o que é que isso significa e o que devo esperar? E em que condições é que essa renegociação é feita? A minha prestação vai voltar ao que era antigamente ou tenho de baixar (muito) as minhas expectativas?

E sou obrigado a aceitar a proposta do banco? E posso fazer contrapropostas? Quais?

Respondo a estas perguntas neste episódio ESPECIAL do podcast.

Aproveite a minha boleia para melhorar a sua vida financeira e partilhe este podcast com os seus amigos.

Veja todas as dicas de poupança em www.contaspoupanca.pt
Assine a Newsletter no blogue

YouTube https://www.youtube.com/channel/UCP1NJYImfFMSEkQdlFlbFMA
Facebook facebook.com/contaspoupanca
Instagram www.instagram.com/pedroandersson_contaspoupanca/

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas.

Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

Tem a seguir os links para o Spotify, Soundcloud e iTunes. Para quem não percebe nada disto, deve ir à loja de aplicações do seu telemóvel e instalar gratuitamente a app “Spotify” ou “iTunes” ou outra que dê para ouvir Podcasts. No caso do SoundCloud basta clicar e começa logo a ouvir.

Boa viagem e boas poupanças!

Subscreva o Podcast e partilhe-o com os seus amigos ou familiares que se queixam de ter pouco dinheiro e muitas despesas.

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR | Euribor 3 meses sobe para novo máximo e supera 3%

Euribor 3 meses sobe para novo máximo e supera 3% Na última semana a Euribor recuou um pouco por causa da crise em vários bancos, nos EUA e na Suíça, mas pelos vistos está a retomar as subidas. Seja como for, continuam super altas. Hoje, a taxa Euribor subiu a três, a...

PODCAST | #158 – Como vão funcionar os Apoios extraordinários à Habitação em 2023?

Como vão funcionar os dois Apoios extraordinários à Habitação em 2023 (rendas e crédito à habitação)? O Governo acaba de aprovar duas medidas importantes para ajudar as pessoas que estão a pagar rendas de casa muito altas (como inquilinos) e as famílias que viram a...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (20 a 26 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

ELETRICIDADE | Preço da eletricidade no mercado regulado desce 3% em Abril

Fatura da luz desce em média 3% para clientes do mercado regulado a partir de Abril - ERSE O preço da luz no mercado regulado vai descer cerca de 3% a partir de 1 de Abril. O valor do kWh vai descer para 0,1567 € e a potência contratada de 3.45 kVA para 0,1688 €. A...

IRS 2022 | Página COMPLETA das deduções ao seu IRS já está online para consulta

ÚLTIMA HORA | Já está online! Agora sim, já pode verificar se está TUDO bem. Como avisei em vários artigos ao longo dos últimos meses, todas as faturas que faltavam no e-fatura iriam (se estiver tudo bem) surgir numa página que só iria aparecer em Março. Pois bem,...

PPR | Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Fevereiro 2023)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? (Mês #28) Estava eu a pensar que a recuperação vinha aí, com o início do ano, mas pelo menos em Fevereiro não foi exatamente assim. A recuperação estagnou no mês passado, e até desceu umas dezenas de euros (nada de muito...

PODCAST | #157 – Como começo a fazer um Orçamento Mensal anti-crise?

Como (re)faço o meu orçamento mensal para combater esta crise? As prestações da casa estão a disparar, os preços da alimentação continuam altíssimos e os nossos rendimentos continuam mais ou menos na mesma. Como é que eu vou reorganizar as minhas finanças pessoais de...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (13 a 19 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

Taxa dos Certificados de Aforro atingiu o máximo e já não pode subir mais

Taxa dos Certificados de Aforro atingiu o máximo e já não pode subir mais O momento esperado chegou. É agora que deve aproveitar para fazer Certificados de Aforro. Esta onda não ficará asim para sempre e ou aproveita ou não aproveita.  Agora é consigo. A taxa de juro...

HABITAÇÃO | Isenção de mais-valias aplica-se a imóveis vendidos até final de 2024

Isenção de mais-valias aplica-se a imóveis vendidos até ao final do ano Esta pode ser uma extraordinária oportunidade para vender alguma casa não habitação própria e permanente que tenha (de férias, herança, ou outras) e não pagar mais-valias. Olhe que isto não...

Publicidade

Publicidade

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Joana

    Olá Pedro, boa tarde

    Por acaso sabe se será possível a transferência bancária para créditos à habitação bonificado, no caso em concreto, crédito bonificado a pessoa portadora de deficiência?

    Uma das condições deste crédito, é a seguinte:
    “Os clientes que usufruem deste regime não podem dar ou transferir os imóveis adquiridos ou construídos no prazo de cinco anos, havendo exceções em caso de desemprego, morte do titular, alteração da dimensão do agregado familiar ou mobilidade profissional. Ao não cumprir esta regra o cliente fica sujeito ao pagamento de penalizações, correspondentes ao montante das bonificações de que beneficiou e mais de 10% das mesmas.”

    Na eventualidade de ser possível a transferência bancária, p. ex. no 3º ano do empréstimo, voltam-se a contabilizar os 5 anos no novo banco ou mantém-se a contagem do prazo inicial?

    Obrigada!

    Cumprimentos,

    Responder
  2. Fernando Casquinha

    Boa tarde Pedro gostaria de saber se quem tem taxa fixa também pode renegociar o crédito habitação, obrigado

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.