VÍDEO – As faturas em papel vão acabar?


São toneladas de papel que vão para o lixo

Todos nós fomos incentivados durante os últimos anos a pedir sempre fatura (com NIF ou sem NIF). Isso é bom para combater a fraude e evasão fiscais. Estou farto de dizer aqui e na televisão que pedir fatura com NIF é vantajoso para nós enquanto contribuintes porque aumenta o nosso reembolso do IRS (e pode ganhar a Fatura da Sorte).

Mas isso não impede que me custe ver tantas toneladas de papel a irem para o lixo segundos depois de serem emitidas. Eu confio quem em 99,9% dos casos as empresas comunicam essas faturas ao Fisco. Então porque é que eu preciso do papel?

A lei das faturas sem papel já entrou em vigor

Neste momento as empresas que quiserem dar aos clientes a opção de receber as faturas em pdf por e-mail ou no telemóvel (com apps específicas) já o podem fazer legalmente. A reportagem desta semana do Contas-poupança foi sobre isso. É uma grande mudança no nosso comportamento enquanto consumidores. Pode ver ou rever a reportagem no link da página da SIC Notícias mais abaixo. MOstro como já pode fazer essa opção.

As dúvidas e as críticas

Pelos comentários que já fui lendo, acho que há algumas coisas que preciso reforçar embora me pareça que o tenha dito claramente (e repetido) na reportagem.

  1. Aderir à fatura eletrónica é VOLUNTÁRIO. Ou seja, é só para quem quer MESMO deixar de receber as faturas em papel. Tem de pedir para que não saia em papel e tem de dar o seu e-mail ou telemóvel para receber em pdf. Portanto não tem de ficar preocupado com os mais idosos ou quem não tem internet. NÃO MUDA NADA.
  2. Pode reverter a situação a qualquer instante e até só para uma compra. Por exemplo, no Continente, na app posso selecionar que quero que uma compra saia com fatura eletrónica e a seguinte (1 minuto depois) saia em papel.
  3. As Finanças têm uma app que se chama “Situação fiscal” que vai emitir um alerta cada vez que o seu nif aparecer numa fatura eletrónica segundos depois de ser emitida. Portanto, fica logo a saber se a empresa mandou ou não a fatura para as Finanças.
  4. Para mim, a vantagem é que fico com todas as faturas arquivadas. Mesmo que perca o papel, tenho sempre a fatura se precisar trocar ou devolver o produto.
  5. Repito: ninguém é obrigado a aderir à fatura eletrónica. A minha mãe não vai ter de fazer nada. Continua tudo como dantes. Eu, que peço fatura de tudo com NIF – até do cafézinho – QUERO que seja eletrónica, sim. Espero que na SIC adotem rapidamente este programa certificado. Dou o meu e-mail e já está. Sempre poupo um pouco o ambiente e mantenho a minha preocupação financeira.

Até agora, nos hipermercados, pelo que investiguei, só o Continente já tem esta opção ativa. Os outros hipers estão a tratar agora de tentar fazer o mesmo. Os clientes é que vão ter de dizer se querem ou não. Ninguém vai deixar de receber faturas em papel sem o pedir EXPRESSAMENTE. Espero que isso fique muito claro.

Pode ver ou rever a reportagem aqui. Mostro passo-a-passo como deve fazer e o que pode esperar.

https://sicnoticias.pt/programas/contaspoupanca/2019-02-20-Faturas-em-papel-vao-desaparecer-em-muitas-empresas

 

Em resumo, se tem preocupações ambientais esta é mais uma forma de poupar o planeta. O Continente estima que se todos os clientes aderissem à fatura eletrónica (coisa que nunca acontecerá) evitariam comprar 193 toneladas de papel, poupando o corte de 2 mil árvores. Claro que os hipermercados poupariam também muito dinheiro, mas é daquelas coisas em que todos ganham com pequenos gestos.

Por mim, parece-me uma medida positiva. E como é opcional e voluntária não vejo nada contra. Quem quer faz, quem não quer não faz. Maravilha.

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA”

34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018.

É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.

 

Se quiser um resumo claro e prático das dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”.

É só clicar AQUI abaixo.

 

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).



Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.


4 comentários em “VÍDEO – As faturas em papel vão acabar?

  1. Avatar
    Hugo Mendes Reply

    Mais um excelente contributo para todo o consumidor. Parabéns novamente. Gostava de informar que já aderi a factura electrónica tanto no Continente como no Pingo Doce. Como nem sempre associo o NIF, Aconteceu na primeira compra no Continente sair em papel. A primeira deixei passar mas a segunda fui ao balcão de informações, não me souberam explicar o porquê visto ter todos os meus dados na App, morada, nome, mail e NIF. Ficaram de me ligar. Já ligaram e no Continente é obrigatório pedir factura com NIF para sair digital. Na minha opinião não deveria ser, no Pingo Doce não é preciso, apenas reparo é que os funcionários ainda não estão bem informados e ficam sempre a espera que o papel saia o que não acontece. E se eu pedir com contribuinte mas for de empresa por exemplo e não o meu pessoal. Será que permite ou entra em conflito e não passa a digital? Fica para o próximo episódio… De qualquer forma é uma boa iniciativa, embora não creio que a adesão seja em grande número durante algum tempo.

  2. Avatar
    Artur Vieira Reply

    De notar, e como deposito toda a minha confiança no Continente, pois sou cliente há vários anos, não será só a Sonae a poupar, pois com certeza a poupança na despesa na aquisição de papel também terá reflexo no preço final dos produtos, pelo que não só beneficiará o ambiente como o consumidor final.

  3. Avatar
    Joana Reply

    Muito bom, este “site” contaspoupanca.pt. Muito útil, claro, transparente, muito ilucidativo. Fico muito grata por estes esclarecimentos diários que consulto sempre e muito regularmente. Aconselho aos meus amigos e por isso só posso ficar muito grata.
    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *