Poupar nas compras de supermercado

Sim, outra vez os cupões de desconto…

Já há muitos meses que não voltava à carga com o tema.  Sei que cada vez que falo disto há umas dezenas que deixam de acompanhar o blogue porque acham que é “treta” ou que estou a fazer publicidade a um hipermercado. Mas há 15 mil novos seguidores no Facebook do Contas-poupança e aqui no blogue. É para quem chegou agora.

Como já vos expliquei 100 vezes, este blogue é sobre as minhas experiências enquanto consumidor (sou mais coisas além de jornalista). E partilho aqui o que vou aprendendo (sozinho ou ensinado por quem sabe mais do que eu) mas partilho sobretudo coisas práticas e que testo pessoalmente. Vamos a mais um exemplo.

4 cartões de hipermercado porquê?

Já expliquei várias vezes ao longo destes anos que aprendi com a Janine Medeira (do Poupadinhos e com Vales) e com o Daniel Mesquita (Caça Promoções) que um dos grandes segredos da poupança são os cupões de desconto. Fiz reportagem com eles para o Contas-poupança AQUI e AQUI. Assim que experimentei, verifiquei que de facto é um mundo por descobrir por quem tiver paciência, pensar antes de comprar e for minimamente organizado.

O exemplo das minhas compras na semana passada

Cá em casa cada um (somos 4) tem um Cartão Continente. Para os que me vão criticar por falar mais desta marca do que do Pingo Doce, Jumbo, Minipreço, Lidl, Intermarché, etc, só posso explicar (porque é verdade) que moro a 100 metros de um Continente por isso é normal que tenha mais exemplos com este hiper. Não há mais nenhuma explicação “escondida” nem vale a pena virem com conspirações.

Com 4 cartões, há várias semanas por ano em que quase todos têm um cupão de 5 € em cartão por cada 20 euros de compras. Foi mais uma vez o caso.

3 cupões de 5 em 20 (equivale a 25% de desconto em qualquer compra nesse montante) e um de 10%.

Portanto, basta comprar as coisas da minha lista de compras (coisa que fazemos sempre cá em casa) e quando chego à caixa (sim, é uma seca…) digo “Quando chegar a 20 € pare por favor”. Fiz isso 3 vezes e a última compra foi até ao final porque o cupão era de 10%.

Vale a pena este esforço?

Ora, 5€+5€+5€+8,95€ = 23,95€.

Receber 23,95 € para futuras compras só por fazer compras que faria de qualquer maneira a mim parece-me um bom negócio. Basicamente, é como se tivesse ido às compras e me oferecessem 53 litros de leite “de graça”.

Não fiz as contas mas acho que faço isto pelo menos 1 vez por mês (às vezes mais). Ora estamos a falar de (1 x mês) 287 € por ano. Fora as semanas de intervalo em que há SEMPRE cupões não de 5€ em 20 €, mas de 25%, 30% ou 50% em vários produtos. Pode ver aqui um exemplo do ano passado.

Mas aí são selecionados. Com estes de 5€ posso comprar o que eu quiser, normalmente faço a acumulação e compro produtos que estejam naturalmente em promoção (sem cupões). Se estão em promoção ficam ainda 25% mais baratos. É esse o raciocínio.

Se só tivesse um cartão de hipermercado na família seria apenas uma poupança de 60 € por ano (1 vez por mês). Estão a ver a diferença? 287 € vs. 60 €! Fazendo exatamente as mesmas compras…

287 € são 53 kg de Dourada, 27 kg de Picanha, 18 kg de camarão tigre; 11 garafas de Whiskey de 26 euros cada uma, 241 kg de arroz… Já perceberam a ideia, certo?

Mais uma vez, alerto novamente que só faz isto quem quer. Não vale a pena enxovalhar quem faz. Por mim acho que isto é fazer compras de forma inteligente. É usar as ferramentas de Marketing das empresas em favor do consumidor. Não quer fazer ou acha mal… tudo bem. É só isto. Eu uso.

São quantos lá em casa e quantos cartões diferentes (não é ter 2 pequeninos além do grande, OK?) têm?

Esta dica está explicada com todo o pormenor e ainda com mais algumas dicas acessórias no livro”Contas-poupança”, no capítulo 3.2.

contraponto_banner2

Se clicar na figura pode comprar o livro online.

33 comentários em “Poupar nas compras de supermercado

  1. Liliana Reply

    Aproveito este artigo para relatar uma situação que me aconteceu no “C”. Comprei um amaciador concentrado ecológico da marca própria, numa promoção que dizia que o desconto era para todos os amaciadores concentrados da marca própria. Acontece que no talão o desconto não foi processado. Erro? Não sei. Só sei que ou vamos ao balcão de apoio ao cliente (perdemos uma série de tempo) ou digitalizamos o talão e contactamos pelo formulário online. Neste caso eram 70 cêntimos, que é um valor considerável. Fica o alerta: contactem online que acho que é mais rápido e reparem sempre se os descontos foram processados no talão. Ah e vejam se nos panfletos diz que o desconto é em todos os produtos daquela gama ou “numa selecção” de produtos.

  2. Liliana Reply

    Aproveito este artigo para relatar uma situação que ocorreu há dias no “C”: havia um desconto significativo em todos os amaciadores concentrados da marca própria. Quando digo todos, era a palavra todos que estava no panfleto e também na faixa amarela na fila do hipermercado. Comprei um amaciador concentrado dessa marca própria, ecológico e na caixa verifiquei que no talão o desconto não tinha sido processado. Erro? Não sei. O que sei é que ou nos deslocamos ao balcão de apoio ao cliente (e perdemos uma série de tempo) ou digitalizamos e contactamos online para rectificarem a situação. No meu caso foram 70 cêntimos. Acho que não é um valor a desconsiderar. Alerto para verificarem SEMPRE os talões no final e para verem bem nos panfletos se diz TODOS ou “numa SELECÇÃO” de produtos, pois aí eles podem justificar a diferença de preço.

  3. Emídio Pinheiro Reply

    eu pessoalmente acho que a diferença entre o contas poupança e outros programas do género é que este explica muito bem e de uma forma muito simples para que para todos possam compreender como poupar, também se foca nos assuntos de interesse que o cidadão encontra no seu dia a dia, muito pratico, ficamos sempre alerta para não sermos enganados, pequenas dicas grandes ajudas para o consumidor em geral
    .

  4. Carla Silva Reply

    Bom dia,
    Agora estou zangada com o Continente! Deixei de receber esses cupões de 5 euros em 20 há muito tempo! Apenas recebo 10% e faço quase sempre todas as semanas lá as compras!
    Alguma ideia de como proceder?

    • Pedro Andersson
      Pedro Andersson Post authorReply

      Olá. Uma teoria é deixar de fazer compras com esse cartão durante algum tempo. Para a fazer regressar mandam os de 5 em 20. Se vai muitas vezes para eles “basta” mandar os de 10%.

  5. carlos Reply

    Bom dia
    Desculpe-me dizer mas parece ser accionista do Continente pois este hiper e o que mais caro vende e produtos sem qualidade como o caso do é o linha branca.
    Faça então as contas no Pingo Doce ou no Intermaché……………….
    Pois não faz não covem

  6. Ana Rodrigues Reply

    Obrigada pela sua partilha, tenho uma colega que já fazia isso mas nunca me tinha dado ao trabalho de analisar com detalhe a situação. Eu também faço compras no continente, mas no continente online, e como aderi à entrega zero (cerca de 26€/100 dias) Penso que a minha poupança não seria tão grande como a que menciona mas seria maior. Mais uma vez obrigada pelo seu testemunho. Vou já fazer as minhas contas.

  7. Rosário Reply

    Mas como é que se consegue ter mais do que um cartão? Não é 1 por cada casa? Desculpem a ignorância.

  8. Claudia Teixeira Reply

    Tenho 2 cartões e faço sempre essas contas. Ainda esta semana comprei café delta Q que estava com 25% de desconto e ainda acumulei mais 35% de desconto de um cupão. Temos que estar sempre atentos

  9. Maximina Reply

    Eu tenho dois o meu e do meu namorado, e na altura que eu recebi os cupões de 50% no peixe fresco o meu namorado recebeu cupões na carne, portanto vale a pena ter dois cartões, estar a par das promoções e a essas juntar os cupões de descontos, muitas vezes tudo junto vai aos 75% ou mais, como já me aconteceu. Mas atenção!!!! Não devemos deixar entusiasmar por descontos de artigos que não costumamos comprar, porque assim já não se poupa, um exemplo eu não costumo comprar tipo comida preparadas tipo pizzas, então se está com desconto, mantenho a mesma atitude, não compro,só assim é que se poupa.

  10. Maximina Reply

    Eu aproveito sempre os cupões, de maneira a poupar o mais possível, e vou contar uma situação que me aconteceu : tinha uns cupões de 50% de desconto no peixe fresco e um de 10% em compras do continente com a mesma validade e então aguardei uns dias para ver se faziam alguma campanha na loja do continente no peixe fresco, e nessa mesma semana fizeram 50% de desconto. Lembro-me que foi tudo em cartão, gastei 40€ em peixe e tive 50%+50%+10=110% de desconto em cartão. Vale a pena os cupões e acumular com outras promoções.

      • Liliana Reply

        As vezes andamos num dilema porque vale a pena esperar para ver se aparece alguma campanha naquele tipo de produto, mas outras vezes o produto pode desaparecer/esgotar antes do fim do tempo do cupao…

      • Luís Almeida Reply

        Caro Sr. Pedro Anderson:

        Ainda bem que nesse dia aproveitou devidamente, pois não teve muitas mais oportunidades.

        Eu aproveitei essa e muitas, muitas outras, pois há vários anos que aproveitava promoções desse tipo.

        Dava algum trabalho mas compensava bem.

        Até que surgiram vários blogs, como os que mencionou neste artigo, os quais passaram a divulgar exaustivamente essas oportunidades.

        Permitiram assim a muitos aproveitarem também.

        Não precisavam de se esforçar, bastava ler os blogs em causa e copiar as estratégias.

        Repito que eu já fazia compras assim há vários anos.

        Só que, desde essa fase, nem o senhor Pedro, nem eu, nem os autores dos blogs, nem ninguém.

        Podia ter dado para poucos durante muito tempo, assim deu para muitos durante pouquíssimo tempo.

        Foi na fase em que cheguei a ver uma senhora a reclamar, no apoio ao cliente, porque com 50% do cupão e 50% do cartão devia ter acumulado em cartão um determinado valor, 100% de desconto, mas o valor creditado tinha um cêntimo a menos.

        É óbvio que quando a situação era residual, as lojas ou nem se apercebiam ou não se preocupavam

        Quando a divulgação tornou a procura intensa, estas tiveram de agir e proteger-se.

        Eu trabalhava para os descontos que obtinha. Agora por muito que trabalhe, a compensação não é comparável.

        Mas nem fui só eu que perdi. Perdemos todos. Os que faziam o mesmo que eu e os que não faziam nada disso.

        De facto, mesmo aqueles que, se estiverem a ler isto, me estarão a apelidar de egoísta, acabaram por perder.

        Pois tiveram, durante um breve período de tempo, alguns 100, 110 ou 125% de desconto, mas depois nunca mais tiveram nada disso.

        E já nem têm sequer talões de 50% em cartão nos artigos que lhes interessavam, os quais, mesmo sem grande esforço, utilizavam quando os recebiam em casa.

        Agora é mais 10, 25%. De quando em vez, uns 35% em produtos de pouco interesse. E não acumuláveis com outras promoções.

        Por tudo isto, quando o senhor Pedro refere que cada pessoa de casa deve ter o seu cartão, por causa dos cinco euros em vinte de compras, fico desde já à espera de restrições ao número de cartões por morada.

        Ou o fim desses cupões.

        A minha melhor conta poupança nas compras foi a que fiz durante anos, por mim e para mim.

        Começou a acabar quando fez a reportagem com o senhor do caça-promoções.

        Foi o dia em que perdemos todos.

        Não creio que esteja a ser egoísta.

        Apenas constato que a divulgação acaba com o usufruto.

        Para todos.

        E se as acumulações acabaram e os descontos ficaram mais pequenos, ninguém ganhou.

        Quando do que foi transmitido na reportagem é hoje aplicável?

        Fica o desabafo de quem trabalhava para o que obtinha, e que agora sente no bolso a diferença.

        Cumprimentos

        Luís Almeida

        • Pedro Andersson
          Pedro Andersson Post authorReply

          Olá. Compreendo, Luís. É uma questão de filosofia de vida. Se eu encontrar algo que seja útil a outros partilho. Mesmo que depois isso mude. Quando muda procuro outras. Por isso é que há grupos de Facebook secretos e o meu é totalmente público. Mesmo que numas coisas tenha ficado a “perder” tenho a certeza que noutras ficou a ganhar com este blogue. Pelo menos gosto de pensar que sim. Só as dicas do crédito e seguros de vida podem ter dado para decadas do que “perdeu” nas acumulações de hipermercados. Se guardasse tudo só para mim não me sentiria bem. Fazendo bem ou mal, vou continuar :).

  11. JORGE Reply

    Para poupar nas compras de supermercado, em primeiro lugar deve-se estar a par das promoções em curso nos supermercados da zona. Para isso têm os folhetos, seja na caixa do correio ou online. Se um artigo de que precisamos está em promoção no Pingo Doce, Minipreço, etc, comprando-o no Continente mesmo com os “5 em 20” pode ficar mais caro.
    A fidelização a um qualquer supermercado leva inevitavelmente a comprar certos produtos a preços mais altos. Em relação a produtos frescos e marcas brancas, é também bom experimentar diversos supermercados pois há diferenças de qualidade.

  12. JORGE Reply

    Para poupar nas compras de supermercado, em primeiro lugar deve-se estar a par das promoções em curso nos supermercados da zona. Para isso têm os folhetos, seja na caixa do correio ou online. Se um artigo de que precisamos está em promoção no Pingo Doce, Minipreço, etc, comprando-o no Continente mesmo com os “5 em 20” pode ficar mais caro.
    A fidelização a um qualquer supermercado leva inevitavelmente a comprar certos produtos a preços mais altos. Em relação a produtos frescos e marcas brancas, é também bom experimentar diversos supermercados pois há diferenças de qualidade.

  13. Ana Soua Reply

    Eu só tenho 1 cartão se calhar também tenho que começar a utilizar este sistema. No entanto e apenas com 1 cartão consigo juntar durante 1 ano dinheiro para quase todo o material escolar dos meus 2 filhos (compro material quase para o ano escolar todo). No ano que terminou comprei o material escolar (com 1 mochila incluida, apenas porque a outra ainda estava boa) em setembro, assim como alguns presentes em dezembro para as crianças. Só tenho pena de ter que fazer cerca de 50Km (ir/vir) para ir a um continente perto de casa, mas compensa sempre existem produtos com desconto imediato de 50% que dá para a viagem.

  14. Maria Reply

    Pois é, tem razão … vou acrescentar mais um cartão. Posso duplicar a poupança. BOA IDEIA.

  15. Lurdes Lopes Reply

    Bom dia, sr. Pedro Andersson,
    Muito obrigada pelas dicas; verifico que fiz asneira porque somos 2 e temos o cartão grande e o pequeno; está visto!? erro. Preciso mudar de estratégia.

  16. Cristina Reply

    Eu uso o cartão “C” e não quero outra coisa. No ano passado aproveitando os descontos de 5€ e os 10% e mais os 10cts nos combustíveis consegui acumular de Junho até Dezembro 247€ que foram bem bons para as compras de Natal. Só tenho 1 mas acho que vou seguir o conselho acrescentar mais uns 3! Obrigada pela dica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *