As suas lâmpadas têm garantia?

Escrito por Pedro Andersson

16.05.17

}
2 min de leitura

Publicidade

As suas lâmpadas têm garantia?

As minhas têm. Aliás, as suas também. Diria que todas as lâmpadas que compra têm garantia. Nós é que nem nos lembramos disso. Só nos lembramos da garantia dos eletrodomésticos, do carro ou da casa (para reclamar junto do construtor).

Isto para vos mostrar que levo a sério as sugestões que dou aqui no blogue. E, sobretudo, para vos dizer que funcionam. Comprei em Dezembro passado 2 lâmpadas para o exaustor da cozinha.

lâmpadas

Sempre que compro uma lâmpada, anoto a data em que comecei a usá-la (na própria lâmpada ou na caixa) e guardo a fatura.

Lâmpadas

lâmpadas

Este mês uma das duas lâmpadas fundiu-se e lembrei-me que a tinha comprado recentemente. Fui buscar fatura e voltei à loja onde a comprei. A garantia anunciada na caixa é de 2 anos, mas nem 6 meses durou. Expliquei a situação e sem qualquer discussão deram-me um vale para ir buscar uma nova.

A outra lâmpada (são duas no exaustor) ainda funciona. Se fundir antes 2 anos farei a mesma coisa.

Faço isto para todas as lâmpadas lá de casa. Comecei a fazer isto quando me apercebi que estava a gastar uma fortuna em lâmpadas que não duravam nem um terço do que prometiam. É muito “giro” pedirem 10 euros por uma lâmpada que dura 10 anos e depois nem conseguir recuperar o que qastei com ela. Assim, não falha. A dica ontinua a funcionar.

Podem dizer: “Que preciosismo!”. Tudo bem. Estes 6 euros que “poupei” são equivalentes a 13 litros de leite (digo, a brincar, que os litros de leite são a moeda oficial do Contas-poupança). Multipliquem isto por várias lâmpadas ao longo do ano… É dinheiro que fica no meu bolso. Avaliem.

Esta foi das primeiras dicas que dei aqui no blogue.

Compensa mudar para lâmpadas LED

Pela minha experiência não é fácil encontrar lâmpadas LED que sejam uma alternativa ou melhores do que as “clássicas”. Demorei até acertar.

Use a garantia das lâmpadas

Portanto, não se esqueçam. Quando comprarem uma lâmpada escrevam nela quando começou a ser usada e guardem a fatura. Se durarem menos de 2 anos, em princípio não voltam a comprar lâmpadas. Desde que façam valer os vossos direitos enquanto consumidores.

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA”

34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018.

É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

ÚLTIMO AVISO | Já só tem 1 dia para validar as suas faturas para o IRS!

Já validou as faturas pendentes de TODO o seu agregado familiar? Já só tem até amanhã (meia-noite de segunda-feira, dia 26 de fevereiro de 2024), para validar as suas faturas pendentes do portal e-fatura. É muito importante que o faça. Quando fui ver o e-fatura dos...

CRIPTOMOEDAS | Estou a ganhar ou a perder dinheiro? (Mês #26 – Fevereiro 2024)

O meu investimento em Criptomoedas - Balanço de Fevereiro de 2024 Cá estou eu para fazer mais um balanço do meu "investimento" em criptomoedas. Tenho algum dinheiro em Ethereum, que comprei através da plataforma Binance. Quero antes de mais relembrar que está em ampla...

Prémio Salarial | Formulário para fazer pedido já está disponível

Jovens têm até 31 de Maio para fazer o pedido de devolução de propinas, mas tempo de espera é elevado Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes No final do ano passado, o Governo anunciou uma medida que previa a devolução de propinas aos jovens que tivessem entrado...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três meses, mas sobem a seis e 12 meses

Euribor desce a três meses, mas sobe nos prazos de seis e 12 meses Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (26 de fevereiro a 03 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a três e seis meses, mas sobem a 12

Euribor Contas-poupança | Inês de Almeida Fernandes Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um...

Cheque + Digital | A Lista das entidades que têm cursos de formação digital “grátis” (até 750 €)

A lista das entidades certificadas elegíveis para o apoio dos 750 € Antes que comecem a chover as críticas, relembro que coloquei "grátis" entre aspas porque vai ter de pagar primeiro o curso, ou cursos, do seu próprio bolso, mas depois esse dinheiro é devolvido pelo...

Painel solar fotovoltaico – Balanço Janeiro de 2024 (Mês #86)

Balanço de Janeiro de 2024 Janeiro foi um mês anormalmente baixo. No que diz respeito à produção de eletricidade, os primeiros meses do ano já são de recuperação e de aumento progressivo até atingir novamente o pico no Verão. Enfim, houve apenas uma maior sucessão de...

PODCAST | #216 – Vamos a contas | Quase não fiz descontos para a Segurança Social, qual vai ser a minha reforma?

Esta ouvinte do podcast (que quer ficar anónima) tem apenas 29 anos de descontos para a Segurança Social. Trabalha muito e recebe o seu salário, mas os "patrões" recusam-se a fazer descontos para a Segurança Social. Ela tem 64 anos e está muito preocupada com a...

Arrendamento | Rendas acessíveis alargadas a quem tem rendimentos mais altos

Limite de rendimentos máximos anuais para aceder a apoios ao arrendamento foi alargado para abranger mais cidadãos O valor máximo de rendimento anual para aceder ao Programa de Apoio ao Arrendamento foi aumentado, de acordo com uma portaria publicada em Diário da...

Publicidade

Artigos relacionados

22 Comentários

  1. HT

    Muito bom. Nunca tinha pensado nisso, é muito bem visto. Vou começar a fazer o mesmo com as minhas lâmpadas.
    Cumprimentos,
    HT

    Responder
    • Pedro Andersson

      Mesmo assim 2000h a 4 horas por dia dá 1 anos 3 meses…

      Responder
  2. Rui Amaral

    E eu que pensava que era o unico que punha data nas lampadas ATÉ do carro….ups…eu disse carro? Ah pois é? 😉

    Responder
    • Pedro Andersson

      Claro! Lâmpada é lâmpada…

      Responder
    • Pedro Andersson

      … se encontrasse a lâmpada do Aladino também escrevia a data… Hahaha

      Responder
  3. António

    O problema quanto a mim tem hoje mais pertinência, dado que as lâmpadas, duram cada vez menos.

    Responder
  4. Maria

    Vejo o contas poupança com alguma assiduidade e, também sou “forreta”
    Já recorri á garantia de uma lampada LED que comprei no final do ano passado e deixou de funcionar este mês. Na loja onde a comprei e ma trocaram, avisaram-me que, a partir do inicio deste ano, as lampadas LED passam a ter garantia de apenas 6 meses. Esta informação é verdadeira?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Não sei. Se estiver escrito na caixa fica assumido como “contrato”

      Responder
    • Marcos Martins

      Prezada senhora Maria, a garantia mínima legal de qualquer bem móvel novo é de 2 anos conforme ordena o Decreto-Lei número 84/2008 de 21 de Maio no seu artigo 5.º. Não há garantias de 6 meses. Essa informação foi verbal ou foi facultada por escrito?

      Responder
  5. Miguel Ferreira

    Atenção à definição de garantia. A das lâmpadas são 2 anos e serão sempre trocadas até prefazerem os 2 anos da primeira lampada. Não há garantias de garantias 😉

    Responder
    • Filipe

      Comprei 2 lâmpadas LED numa loja em 07/2018. Fundiram a duas em 12/2019, 17 meses depois. Fui à loja com o talão da factura e foi-me dito que as lâmpadas LED não tinham 2 anos de garantia, pois não está mencionado na caixa (sim, eu tinha as caixas guardadas) nem na factura. Que na factura o que lá indicava eram troca e devoluções em 15 dias, e que lâmpadas Led só dão garantia desses 15 dias. Vim-me embora sem me trocassem as lâmpadas. É verdadeira esta informação? Que mais poderia ter feito? Obrigado. Filipe

      Responder
      • Pedro Andersson

        Todos os bens têm 2 anos de garantia, mas tem de provar que não foi má utilização. Podia ter pedido o livro de reclamações e pode ainda avançar para um centro de arbitragem se quiser dar-se a esse trabalho.

        Responder
  6. luis

    As Empresas a nível geral desde à +/- 10 anos que se viraram para os lucros mais lucros para isso à que sabotar os produtos e um deles são as lâmpadas, sejam de marca ou linha branca.
    Eu nunca comprei tanta lâmpada, como tenho comprado só num espaço de 2 anos.
    Comprei 3 lâmpadas no pingo doce da marca philips para o w.c e num espaço de 3 meses foram as 3 à vida.
    As 2 primeiras compras acabei por deitar o talão de compra ao lixo, sendo que nunca pensei que a situação de se fundirem continua-se. Na 3.ª compra já guardei o talão e já reportei a situação ao pingo doce à qual vou lá hoje para me fazerem a substituição. Espero que não venham com muito blá blá blá de forma atentarem fugir com o rabo à seringa, caso contrário vão ter troco e do grande.

    Responder
  7. ALCINO BERNARDO SANTOS GOMES

    outra coisa, lampadas para uso industrial ou empresarial tem garantia máxima de 6 meses.

    Responder
  8. Marco Carrilho

    Comprei há um ano 3 lampadas led da marca Philips, num hipermercado continente.
    Precisamente um ano após a compra, uma delas avariu. Dirigi-me ao hipermercado onde a comprei, e a resposta foi que as lampadas não tinham a garantia de dois anos como os restantes produtos, e que teria de resolver o problema directamente com a marca. Como naquele momento não tenha outras informações para contestar o que me estavam a dizer, foi para casa, e enviei um email à Philips.
    Esta foi a resposta da Philips:
    “Estimado Sr. Carrilho,
    Agradecemos o seu contato.
    Sentimos muito em ouvir que sua lâmpada não funcionou tanto quanto esperado. Entretanto, precisamos informar-lhe que lâmpadas não possuem garantia legal. Por isso o distribuidor não pôde ajudá-lo.
    O ciclo de vida das lâmpadas estabelecido na embalagem é baseado em testes feitos pela Philips e se remetem a determinadas condições ideais. A Philips possui uma política de leniência e cada caso é analisado individualmente.
    Há fatores que podem causar alterações no ciclo de vida das lâmpadas, tais quais, voltagem alta e/ou flutuações e instabilidade da voltagem, alta temperatura ambiente, umidade e vibrações ou batidas durante o uso. Sabemos, é claro, que todos os produtos de vidro são frágeis e, apesar de todas as precauções, podem ser submetidos a manuseio brusco durante armazenamento ou transporte, em circunstâncias que, infelizmente, estão além de nosso controle.
    Contudo, por todo o inconveniente que o senhor teve, nós gostaríamos checar a possibilidade de substituir a lâmpada avariada.
    Poderias, por gentileza, nos responder as seguinte perguntas?
    – Para fazer a identificação do produto, poderia nos enviar o número de 12 dígitos que começa com um 9 localizado no próprio bulbo? E também, qual o casquilho? E27?
    – O senhor usa um dimmer (regulador) com a lâmpada?
    – Usa transformador?
    – Era usado algum sensor ou interruptor eletrônico?
    – Aproximadamente quantos ciclos de ligar e desligar por dia?
    – Onde estava instalada?
    – Que tipo de instalação ou luminária era usada? (Por exemplo, estava no teto? Ou em uma luminária? Se em luminária, esta é aberta ou fechada?)
    – Quantas horas por dia, aproximadamente, a lâmpada funcionava?
    Assim que recebermos uma resposta do senhor, prosseguiremos com o caso.
    Cumprimentos,
    Caroline”

    Entretanto dei uma resposta, e vamos ver se eles me enviam uma lampada nova, ou não….

    Responder
    • Pedro Andersson

      … independentemente do resultado fez o que devia 🙂

      Responder
  9. Avelino Pereira

    Boa noite….
    Hoje mesmo comprei, na Agriloja, uma lâmpada da marca PHILIPS incandescente 240V PAR 38 de 100 W destinada ao aquecimento por infravermelhos e que não traz mencionada a garantia….Perguntei à funcionária qual era a garantia da lâmpada e disse-me que não tem garantia e que desconhecia tal facto…..pergunto como fazer quando avariar ou quando deixar de dar luz ..?????

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá, as incandescentes não fazem a publicidade aos anos a fio. Mas aplica-se a lei geral dos 2 anos para qualquer bem móvel.

      Responder
  10. Ricardo Jorge

    Fazendo de advogado do diabo, como comprovamos que a lâmpada avariada é a referente ao recibo que apresentamos?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Ou confia em mim, ou não confia :). Não posso obrigar.

      Responder
  11. Cristina Oliveira

    Boa tarde

    Tentei usar do direito (penso eu, um direito) da troca de lâmpada com suposta garantia de 2 anos quando o comerciante
    me indicou que não há garantia para esse artigo.
    Fiz uma busca, encontrei a seguinte informação:
    “Segundo a lei em vigor, o período de garantia é de 24 meses. No entanto, garantimos um período de garantia alargado de 36 meses. O período de garantia aplica-se a todos os produtos de iluminação, exceto lâmpadas, data publicação21/06/2022”
    Apenas se aplica à marca OSRAM por simpatia da marca em obrigação prevista na lei ?
    Obrigada, CO

    Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. Poupe dinheiro com as Garantias dos seus aparelhos, brinquedos, roupa e calçado - […] Como poderá ler neste artigo AQUI, faço isto pelo menos desde 2015. Há 3 anos que não compro lâmpadas.…
  2. Save money with the warranties of your gadgets, toys, clothes and shoes - […] As you can read in this article HERE, I’ve been doing this at least since 2015. I haven’t bought…
  3. Afinal quanto tempo duram as lâmpadas economizadoras? - […] Já expliquei esta dica de poupança neste artigo AQUI. […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.