PODCAST | #45 – Devo investir em bitcoin?

Escrito por Pedro Andersson

08.03.21

}
3 min de leitura

Publicidade

A minha experiência com a bitcoin

Fazem-me esta pergunta várias vezes por semana e NUNCA respondi publicamente. Esta é a primeira vez.

-Mas Pedro, já compraste bitcoin? Já. E ganhaste dinheiro? Sim. Aconselho a que façam o mesmo? Não. Pelo menos não como eu fiz.

Hesitei muito antes de gravar este episódio porque tenho muito receio de ser mal interpretado. Não quero de todo que pensem que é dinheiro fácil, porque não é.

Decidi finalmente falar-vos a minha experiência porque vendi a bitcoin que tinha. Cheguei ao meu limite no que diz respeito à bitcoin. Mas não cheguei ao limite da minha curiosidade em relação ao mundo das finanças digitais.

Senti que tinha de vos dizer alguma coisa sobre este novo mundo porque acredito que está a acontecer uma revolução. Mas como não há pedradas nem polícia nas ruas parece que não está a acontecer nada, mas está. E quem lida com finanças pessoais não pode ignorar este fenómeno.

É um assunto que tem de ser tratado com pinças porque há milhares de pessoas milionárias e milhares de pessoas que perderam TUDO.

É o tema deste episódio em que partilho mais uma viagem de carro consigo. Aproveite a boleia para melhorar a sua vida financeira.

Veja todas as dicas de poupança em www.contaspoupanca.pt
Assine a Newsletter no blogue
Facebook facebook.com/contaspoupanca
Instagram www.instagram.com/pedroandersson_contaspoupanca/

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas.

Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

Tem a seguir os links para o Spotify, Soundcloud e iTunes. Para quem não percebe nada disto, deve ir à loja de aplicações do seu telemóvel e instalar gratuitamente a app “Spotify” ou “iTunes” ou outra que dê para ouvir Podcasts. No caso do SoundCloud basta clicar e começa logo a ouvir.

Boa viagem e boas poupanças!

Subscreva o Podcast e partilhe-o com os seus amigos ou familiares que se queixam de ter pouco dinheiro e muitas despesas.



Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (15 a 21 de abril)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de lucro de cerca de 10% para as...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #231 – Como vai usar de forma (mais) inteligente o seu reembolso do IRS?

Como posso rentabilizar o reembolso do IRS Milhares de famílias contam com o reembolso do IRS como fonte de rendimento extra todos os anos. Quase como se fosse um décimo quinto mês. Mas, como é um dinheiro que aparentemente não nos sai do esforço diário, é visto quase...

PPR | Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Março de 2024)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? (Mês #41) Em Março atingi o máximo de valorização histórica com o conjunto dos meus 10 PPR.  A minha "história" com Planos Poupança Reforma como forma de investimento tem cerca de 3 anos. Comecei em finais de 2020, e durante...

PodTEXT Vamos a Contas | Onde invisto 100€ todos os meses para os meus filhos?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas sobem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (15 a 21 de abril)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

PodTEXT | 5 sinais de alerta de que as suas finanças não estão bem

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

Quer fazer um Workshop gratuito de finanças pessoais? (Inscrições abertas)

Aprenda finanças pessoais gratuitamente Estão abertas as inscrições para a próxima edição do Finanças para Todos, da universidade NOVA SBE. O curso tanto pode online, como presencial (em Carcavelos) ou na área metropolitana do Porto. O curso terá lugar entre Outubro...

Publicidade

Artigos relacionados

58 Comentários

  1. Mariana Penas

    Investi em bitcoins à uns anos e achei que estava a comprar caro. Andei a ‘perder dinheiro’ durante muito. Mas a verdade é que investi 300€, já levantei 200€ do que investi e neste momento continuo a ganhar, tenho mais de 500€. Na altura tive bastante receio pois sabia que era dinheiro que não precisava na altura mas que podia vir a precisar. Contudo decidi não vender as bitcoins e agora felizmente continuo a ganhar. Só não sei é até quando.

    Responder
    • daoc

      Boa noite! Se não é dinheiro que lhe faça falta, na minha opinião ( e vale o que vale) deixe ficar em BTC e daqui a uns anos, simplesmente seja feliz a disfrutar dos lucros!!!!

      Responder
  2. António Cruz

    Olá bom dia, estive a ouvir o seu podcast “A minha experiência com a bitcoin”, mas não consigo perceber/encontrar o site em que fala(beefi/difi), agradecia que me dissesse qual é.

    Obrigado e continue com o excelente trabalho.

    António Cruz

    Responder
      • David Manuel Teixeira

        Boa noite. Pode partilhar o site onde comprou btc? Obrigado

        Responder
          • Luís Paulo

            Olá, Pedro. Boa tarde. Esse Binance dispõe de wallet, ou é apenas o exchange e depois temos de procurar uma Wallet noutro sitio? Obrigado.

          • Pedro Andersson

            Olá. Não sou especialista nesta área nem coisa que se pareça. Tenho um add-on com uma Smart Wallet Binance onde faço envios e recebimentos. É isso?

          • Luís Paulo

            Sim, é isso. Obrigado pelo esclarecimento, Pedro.

      • José Vaz

        Boa tarde Sr. Pedro
        Escutei com muita atenção o seu Podcast.
        Um dos problemas que tenho-me apercebido relacionado com o “investimento” em Bitcoins é saber qual a plataforma que é fidedigna.
        Pode informar que plataforma usou no seu caso, ou indicar quais?
        Obrigado
        José Vaz

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá. Garantir que é fidedigna é um risco muito grande. O que posso dizer é que uso a Binance. Mas há mais que são muito usadas. Deve pesquisar bem antes de se meter nisto. Se é muito complicado para si, pode optar agora pelos ETF de Bitcoin.

          Responder
  3. W.

    Se é uma pessoa que faz essa pergunta então a resposta é um enorme NÃO!

    Uma das principais regras de investimento é: “Não investir no que não se conhece!” Não sabe o que são bitcoins e tudo o que gira à sua volta? Então não é para si!

    Bitcoins não são um investimento em valor, não acrescenta valor à economia. É um investimento especulativo, é uma soma de resultado zero, ou seja, para uns ganharem outros têm que perder. No limite poderá ser uma forma de fomentar economias ilegais – trafico de drogas, armas, pessoas, etc. (“Sim, mas isso também o pode o dinheiro ‘normal'”, sim é verdade, mas a descentralização facilita imenso o uso destas moedas nestas economias ilegais.) Quer os seus investimentos a fomentar essas economias?

    A maioria das pessoas que defende as cripto moedas (“Mas o que é uma cripto moeda?” – se não sabe, é mais uma razão que isto não é para si) ou é ingénua, ou tem algo a ganhar com isso – nomeadamente a inflação da moeda. Pergunte-se, se esta ‘moeda’ é assim tão boa, quantos economistas e profissionais das finanças as defendem? E se é assim tão bom porque é que não se faz um cripto euro, ou um cripto dollar?

    Como diz o Warren Buffett, “tenha medo quando os outros têm ganancia, e tenha ganancia quando os outros têm medo” – “Mas quem é esse Warren Buffett?” – Alguém com quem poderá aprender mais sobre investimentos do que perder o seu tempo (e dinheiro) a correr atrás do ‘ouro’ fácil do bitcoin.

    Responder
    • Isaac

      Olá W.

      Antes de mais gostaria de agradecer pelo seu comentário. No entanto, parece que nada vem acrescentar.
      Aliás a mim, que o li, só veio confirmar a falta de informação/esclarecimento que ainda tenho sobre este assunto.

      Ao ler o seu comentário, fez-me retroceder aos anos 90 onde da mesma forma a internet foi criticada… e por espanto, neste momento é o meio de comunicação que está a utilizar para partilhar a mesma desinformação sobre as criptomoedas.

      Em relação ao “crypto euro” ou “crypto dollar”, que em termos técnicos se quer referir a stable coins,  os bancos centrais estão a trabalhar nesse sentido (EUA, ECB, China etc) facilmente entrará esta informação no google.

      Relativamente à parte que refere “para uns ganharem outros têm que perder.”, permita-me que discorde de tal afirmação e mesmo que vejamos desse prisma, não é o que também acontece com o mercado cambial e o mercado acionista ?
      Exemplo Básico, o Pedro conforme referiu comprou a sua bitcoin a 7k ao “Manuel” e vendeu a 40k ao “Joaquim”.
      O Joaquim passado algum tempo vendeu a Bitcoin que comprará a 40k ao “Henrique” ao valor de 42k.
      Como pode ver aqui neste curto e simples exemplo, a sua afirmação não se aplica pois 3 pessoas ganharam e nenhuma perdeu*.

      Também pode verificar que com base no preço actual, só está a “perder” quem comprou entre o dia 19/02/2021 a 23/02/2021.
      Entende-se por *perder* quando o investimento é liquidado, isto é, procedemos à venda do ativo em questão, caso contrário este está a desvalorizar.

      Quanto à questão que fomenta relativamente às práticas ilícitas, não me vou pronunciar, pois isso daria um artigo completo…
      Espero de alguma forma ter ajudado a entender mais do assunto e encontro-me disponível para o esclarecer em alguma outra questão que esteja ao meu alcance.

      Responder
    • João

      Comentário pouco informado.
      Na sua teoria 99.9999% dos investimentos em valor não acrescentaria valor à economia.
      “By the way”, o dinheiro do petróleo financia mais as atividades ilícitas e o terrorismo do que qualquer outra coisa no mundo!

      Responder
  4. Filipe

    Excelente podcast , é necessário entender bem porque o risco é associado para quem quer entrar, mas pensar que estamos numa revolução onde tal como quando a Internet surgiu e ninguém precisava dela na altura e muitos gozavam, hoje em dia é essencial.

    A tecnologia blockchain irá trazer inúmeros benefícios, onde nela estão inseridas as criptomoedas, mas isso é uma parte só desta fantástica tecnologia.

    Falou e bem dos DEFI e neste momento está a ter um boom nos NFTS, aconselho quem tiver curiosidade e quiser perceber melhor existe um documentário, bem estruturado que aborda um bocadinho estes temas : “Cryptopia: Bitcoin, Blockchains, and the Future of the Internet”, está na plataforma amazon prime, aconselho a ver, ajuda um pouco no conhecimento, mas quem realemte quer entrar neste mundo como foi dito no podcast e muito bem, é necessário se preparar bem e se estruturar bem para perceber o que irá fazer.

    Obrigado pelo seu trabalho.

    Responder
  5. Filipe

    Excelente podcast , é necessário entender bem porque o risco é associado para quem quer entrar, mas pensar que estamos numa revolução onde tal como quando a Internet surgiu e ninguém precisava dela na altura e muitos gozavam, hoje em dia é essencial.

    A tecnologia blockchain irá trazer inúmeros benefícios, onde nela estão inseridas as criptomoedas, mas isso é uma parte só desta fantástica tecnologia.

    Falou e bem dos DEFI e neste momento está a ter um boom nos NFTS, aconselho quem tiver curiosidade e quiser perceber melhor existe um documentário, bem estruturado que aborda um bocadinho estes temas : “Cryptopia: Bitcoin, Blockchains, and the Future of the Internet”, está na plataforma amazon prime, aconselho a ver, ajuda um pouco no conhecimento, mas quem realmente quer entrar neste mundo como foi dito no podcast e muito bem, é necessário se preparar bem e se estruturar bem para perceber o que irá fazer.

    Obrigado pelo seu trabalho.

    Responder
  6. Alexandre Picanço

    Olá Pedro.
    O seu Browser guarda a palavra passe caso não tenha eliminado o histórico de password!
    Boa sorte. Quero ouvir o resto…

    Responder
    • Pedro Andersson

      O problema é que a password gravada não era daquela conta. A burrice foi minha, felizmente. O que pretendi transmitir é a facilidade com que se pode perder TUDO.

      Responder
      • Eurico Felino

        Pedro, obrigado pelo tempo dedicado a este tema. Entre algumas informações menos correctas, a questão que a maioria das pessoas não vai perceber, é que apesar de ter trocado as bitcoins, na verdade ao ter mantido o investimento em difi, significa que manteve a confiança nas blockchain e nas cryptomoedas… De qualquer forma, é de louvar já ter consciência da revolução que a descentralização digital vai inevitavelmente trazer!

        Responder
        • Pedro Andersson

          Correto. Não quis complicar :). Quis transmitir duas ideias: há muito risco e oportunidade. E que há aqui futuro, só não sabemos exatamente qual. E que é preciso saber o que está a fazer. A Bitcoin e a DeFi não são para curiosos investirem sem consciência dos riscos. Mas existem e já fazem parte da nossa realidade. E que não são um esquema de pirâmide (embora existam alguns).

          Responder
    • Isaac

      Olá Alexandre,

      Facilmente consegue encontrar essa informação na internet.
      Não sei a que o Pedro utiliza e se refere.
      Todavia, eu utilizo algumas por conta e risco. Umas totalmente descentralizadas e outras Semi-centralizadas.

      Por respeito ao comentário do Pedro, não partilharei nomes. No entanto, caso ele não se importe poderei deixar cá as que utilizo mais “Seguras”.

      Responder
      • Pedro Andersson

        Por mim pode, desde que não tenha links de referência.

        Responder
  7. Pedro Medeiros

    Que plataforma utiliza para a DeFi?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Não pretendo dizer. Nem sei se é de confiança… Espero que compreenda. Podia transmitir uma ideia de segurança que não tenho nem para mim.

      Responder
      • Pedro

        Compreendo perfeitamente. Terei de fazer eu a pesquisa por mim.
        Obrigado

        Responder
      • isaac

        Olá Pedro,

        Facilmente consegue encontrar essa informação na internet.
        Não sei a que o Pedro utiliza e se refere.
        Todavia, eu utilizo algumas por conta e risco. Umas totalmente descentralizadas e outras Semi-centralizadas.

        Por respeito ao comentário do Pedro, não partilharei nomes. No entanto, caso ele não se importe poderei deixar cá as que utilizo mais “Seguras”.

        (por lapso, respondi no comentário anterior, comentário este errado)

        Responder
        • Oliv67

          Isac
          Quais as plataformas seguras para a DeFi
          Obg.

          Responder
  8. Simão Vaz

    Pode perder a Ledger á vontade, tem de guardar é sempre as seed keys.

    Responder
  9. daoc

    Boa noite!

    Antes de mais, quero simplesmente congratular o senhor Pedro Andersson por este magnífico podcast!! Muitos parabéns!!!

    Efetivamente não se deve investir no que não se conhece, VERDADE!
    Efetivamente existe toda uma ideia (principalmente no seio da nossa população Portuguesa) de que o Bitcoin unicamente serve para financiar o dito “mercado negro”, VERDADE!
    Efetivamente estaremos perante um mercado unicamente especulativo, VERDADE!
    Efetivamente estaremos perante um mercado de renda variável, que nenhuma empresa ou entidade pode assegurar uma renda fixa, VERDADE!

    No entanto, e como foi extremamente bem explicado neste magnífico podcast, é um mercado que dá para retirar uns lucros dito abismais, quando comparados com juros pagos por instituições bancárias!

    Sim, SOU UM CRIPTO ENTUSIASTA e orgulho me disso!

    Já enriqueci “às custas” do criptomercado? NÃO!

    Requer estudo, empenho, muitas horas de dedicação, noites quase em claro para tentar perceber e puder acompanhar as tendências do mercado, SEM DÚVIDA!

    Dinheiro fácil, DE MANEIRA NENHUMA! Custa, custa o empenho, custa tentar perceber análise ténica, custa perceber o que na análise técnica se chamam de “BIG PLAYERS”, mas no fim… sim no fim pode dar para sorrir a bom sorrir! Mas o inverso também é bem verdade… Também pode dar para chorar a bom chorar… Há uma grande probabilidade de liquidação da conta…. Custa ver o nosso dinheiro a desvalorizar… São horas de desespero (E eu já passei por muitas destas….)

    Por isso se diz que neste mercado só se deve investir o dinheiro que estamos dispostos a perder… porque se tudo der errado, não nos vamos culpabilizar até ao resto das nossas vidas…

    Bitcoin está caro? CLARO! Se compararmos com o ano de 2009/2010 (fase inicial do Bitcoin) está (diria eu) caríssimo, no entanto, se acreditamos na REVOLUÇÃO MONETÁRIA que estamos a passar, aleado a algum conhecimento técnico de análise gráfica, eu atrevo-me a dizer que o Bitcoin ainda está barato, pois acredito que no decorrer do ano de 2021 o Bitcoin venha a atingir números bem mais expressivos que o atual! (No momento em que escrevo um bitcoin (BTC) está a valer 45.210€).

    Vai valorizar para sempre??? NÃO! tudo o que sobe, desce, mas o inverso também é igualmente aplicável! Correções são normais e saudáveis para o próprio mercado, por forma a ganhar suportes de preço!

    Já terá o Bitcoin atingido a sua alta histórica? Não! Já neste ano o Bitcoin imprimiu a sua nova alta histórica, no entanto (e como já o referi acima) acredito que novas máximas venham a ser conquistadas ainda no corrente ano!

    Poderá haver quem até pense comprar Bitcoin, mas a este valor poucas serão as famílias que o consigam fazer, pois é verdade (infelizmente), no entanto, há que ter em consideração que o Bitcoin possui 8 (oito) casas decimais, logo ( e como explicado no excelente Podcast) para quem tem curiosidade e “mente aberta” e que quer participar nesta revolução, vale a pena lembrar que com cinquenta euros se consegue adquirir uma pequena parcela de bitcoin ou de qualquer outra altcoin existente no mercado (altcoin = Todas as demais criptomoedas existentes no mercado, que não seja o Bitcoin)!

    E prova de que o mercado cripto está para ficar, basta ver as variadíssimas empresas que já aceitam o Bitcoin, cito, por exemplo PayPal, Amazon, Tesla (sim! A Tesla (Elon Musk) comprou 1.5 bilhão de dólares em BTC e já aceita BTC como forma de pagamento! )
    Portanto atrevo me a dizer que, pese embora não exista legislação para o mundo cripto, este está cada vez mais “Institucionalizado”!

    Com muita pena minha (enquanto cripto entusiasta), e peço desde já desculpas, pois não quero ferir nenhuma suscetibilidade, penso que o mal da nossa mentalidade Portuguesa é que ainda não “nos” permite ver a realidade da revolução monetária que está a ocorrer!

    Peço desculpa pelo longo depoimento, e desde já, uma vez mais, MUITOS PARABÉNS pelo conteúdo deste Podcast!

    Bem hajam!

    Responder
  10. Diogo Esteves

    Eu utilizo o Coinbase, e nunca tive qualquer problema. Aliás já tive de recuperar a password e nunca tive problema.

    É importante também investigar as plataformas que se usam. Não sei o caso desta plataforma que usa, mas provavelmente pode não ser das melhores.
    Guardar a carteira offline, é a melhor coisa. Tenho Bitcoin (e outras) a uns anos, e nunca perdi nada. Se é seguro ou não, acho que cabe a cada um. Grande parte dos investimentos, corremos riscos. Este é um deles.
    Se querem investir em ações, vamos procurar os melhores brokers. No caso das cripto é a mesma coisa.

    Para finalizar, gosto muito do podcast. 😀

    Responder
      • José Palrinhas

        Queria partilhar aqui uma entrevista do Rui Unas ao Fred Antunes fundador da associação block chain em Portugal que fala sobre este tema com a assertividade que gostei de ouvir https://www.youtube.com/watch?v=5wY-tlBWAk4&t=4869s

        Responder
        • Ana Paula

          De facto uma excelente entrevista que também aconselho vivamente.

          Responder
  11. Joao Carlos Cabral e Silva

    Excelente podcast, Pedro Andersson (como, aliás, é habitual). Sobre uma temática de um crescente interesse. Será que alguém me pode esclarecer sobre se já é possível, em algum banco em Portugal, deter uma conta denominada numa criptomoeda (por exemplo, bitcoin ou ethereum) ?
    Entretanto, permita-me sugerir a possibilidade de uma entrevista com o Diogo Mônica, um empreendedor português que, em conjunto com outros empreendedores, está a lançar aquilo que parece ser o 1º banco de criptomedas (tanto quanto – pouco – consigo entender…), o Anchorage.
    Obrigado

    Responder
    • Gonçalo

      Boa tarde

      Só queria perceber qual o motivo que o levou a publicar este podecast sendo que admite a falta de conhecimento no assunto?!

      Se eu não soubesse nada sobre o assunto, depois de ouvir isto certamente também não iria pesquisar pois tudo o que ouvi foi medo, insegurança e falta de conhecimento!

      1. A bitcoin já fez uma década, (e note-se, constantemente a subir, logicamente visto de uma perspectiva Macro) o valor de mercado já ultrapassou 1 trilião e tem garantidamente uma posição afirmada no mercado, aliás, é a moeda de “referência” relativamente a todo o mercado crypto!

      2. Todas as restantes milhares de moedas fazem o outro trilião de valor de mercado que, somado com o da bitcoin compõe os 2T MK de todo o mercado crypto.

      3. A bitcoin é DESCENTRALIZADA, ou seja, ninguém “manda” ou controla a máquina (gosto particularmente desse aspecto) ela move-se pelas puras cruas e duras leis básicas de mercado (procura/oferta)

      4. A grande maioria sao moedas deflaccionárias, em oposto das conhecidas moedas fiat, ou seja, nunca se acrescentam unidades à moeda (fazendo baixar o valor).

      5. Governos não gostam.. é verdade.. vão tentar fechar?! Sim! Aliás, já o fizeram, ou seja, tentaram! Nao adivinhas onde!!! China e Índia! E tu perguntas, então não conseguiram porquê?! Porque tal como tu tens dificuldade em encontrar o dono ou a entidade por trás, também o governo tem! E o que acontece depois?! Bem, “se não os podes vencer, junta-te a eles!” ATENÇÃO, isto está a acontecer!! A Índia já publicou a sua “mudança de ideias” em relação a crypto, e a China, irónicamente é o maior centro de MINERAÇÃO do mundo!!!

      6. Blockchain é grande inovação no meio disto tudo ok?! Não é a moeda ok?! As pessoas têm de perceber que a moeda é a consequência, não a causa! O que realmente é revolucionário é tu poderes enviar o dinheiro que quiseres de onde quiseres para onde quiseres em segundos por simplesmente não ter de passar por uma autoridade fiscalizadora.. ups.. queria dizer reguladora, com base nalguns conceitos que aconselho vivamente que estudem antes de pôr dinheiro onde quer seja.. conceitos como “peer-to-peer”, “smart contracts”, ” blockchain”, “decentrelization”, e muitos outros que irão ver pelo caminho!

      7. Cada moeda diferente (todas as outras, fora a bitcoin, sao Altcoins, sendo “Alt” a sigla para alternativa) corresponde a uma empresa que está realmente a desenvolver um produto neste espaço crypto! Algumas focam-se na segurança, outras na velocidade, e outras até servem apenas como apoio ou acrescento à “moeda mãe” como é o caso da Kusama KSM que é meramente uma plataforma de testes para a Polkadot PLK.

      Não vou estender mais as explicações aqui, mas gostava que realmente se percebesse de uma forma geral que já não temos de esperar mais que o sistema mude, já temos alternativas! #letthemachineburn e portanto acho muito pouco sensato transmitir medo em relação a uma coisa que vai mudar o mundo como o conhecemos, para melhor! #éofuturo (aliás, já está a mudar! Estou ansioso para ver as notícias nos telejornais sobre a salvação de África #cardanoADA)

      Espero que comeces a passar mais tempo com o teu amigo que te ofereceu 40 mil euros e tu recusaste e comeces a ouvir o que ele diz ahahah a tua situação faz-me lembrar a do americano que comprou 2 pizzas com bitcoin e agora a vida é só arrependimentos! (Estou a brincar, não me leves a mal)

      Se de alguma forma viste valor nesta info, por favor, faz chegar isto a quem conseguires! #thetimeisnow e se quiseres ter mais um amigo para falar disto (mas que não te oferece bitcoin) contacta-me! Tu e todos os interessados! Está na hora de espalhar a palavra, ser financeiramente livre e deixar a máquina velha arder!

      [email protected]

      Gonçalo Alves

      Responder
      • Pedro Andersson

        Obrigado Gonçalo. Passei a mensagem de medo? Eu tenho dinheiro em DeFi. Mas não quero ver pessoas enganadas… A minha intenção é avisar que há oportunidades e perigos. Pensei ter passado uma mensagem equilibrada. O seu comentário foi muito útil. Obrigado.

        Responder
        • Gonçalo Alves

          Olá outra vez =)

          Receio que sim Pedro. Mostrou tanto medo que admitiu que lucrou com bitcoin mas mesmo assim tirou todo o montante e não voltou a investir!

          Seja como for, o objectivo do meu comentário não foi denegri-lo, mas sim facultar uma informação mais real e menos especulativa, na verdade achei fantástico alguém com influência ter tocado no tema porque acredito não só que está cá para ficar como vai fazer parte do nosso futuro a medio e principalmente longo prazo! E como em tudo o que é novidade, nós portugueses estamos a ficar para trás!

          Quero espalhar a mensagem, não por ganhar algo com isso, mas para que todos possamos ganhar muito com isso =) afinal, não há banco que pague juros de “staking” (semelhante a uma conta a prazo) 2x por semana a 8%/12%/15% certo? 😉

          Cumprimentos
          Gonçalo Alves

          Responder
          • Pedro Andersson

            Certo Gonçalo. Já estou a “stakar” :). Já aprendi o que um par, e BUSD, e Farms e cakes e eggs, e a perceber os gráficos da Binance. O meu medo é passar uma mensagem de facilidade que não é real.
            Atenção que o que disse é que fiz as mais valias e que as investi em DeFi. Há mais moedas para além da Bitcoin. E de facto nada me impede de voltar a comprar Bitcoin ou outras moedas. Só achei que era um bom momento para sair, na minha avaliação “achística”.
            E continuo a achar que algumas operações em algumas operações são perigosas para quem percebe pouco de criptomoedas, Blockchain DeFi. Tenho plena consciência de que já percebo algumas coisas, mas provavelmente só ainda 3,4% do que vocês sabem :). Mas acredite que se eu quisesse fazer “vida” disto, dedicava-me a sério e aprendia rapidamente. Mas neste momento é apenas curiosidade porque tenho outras prioridades. Não é preguiça :). Vou perguntando e testando, assumindo o que para mim é um risco de perda total. Não tenho a pretensão de “ensinar” ninguém. Não domino este tema e quero que isso fique claro para todos. Estou a tentar ser honesto. Neste blogue prometi partilhar as minhas experiências como consumidor e cidadão. As boas e as más e as minhas dúvidas também, o que inclui as minhas fragilidades em algumas áreas. Enquanto alguém tiver interesse em me acompanhar cá estarei…

  12. José Cartas

    Boa noite, gostava de perceber, alguém me pode exclarecer…… DeFi, Decentralized Finance representa a Criptomoeda (ethereum), DeFi tem alguma plataforma especifica, DeFi pode se inverstir na plataforma Binance?
    Obrigado!

    Responder
      • Jose Cartas

        Obrigado Sr. Pedro, pelo que percebi DeFi como NFTs são uma carteira diversificada de Criptomoedas que se podem adquirir em várias Exchanges (desculpe se o meu raciocínio não está correto), agradecia só mais uma questão, Blockchain é uma alternativa ás Exchanges onde se podem adquerir Criptomoedas (DeFi)?
        Obrigado pelo seu esclarecimento?

        Responder
        • Pedro Andersson

          Olá. Blockchain é a tecnologia, exchange são plataformas onde pode comprar e vender cryptomoedas.

          Responder
  13. Jose Cartas

    Obrigado Sr. Pedro pelo esclarecimento, excelente trabalho o seu!

    Responder
  14. Luís Carreira

    Boa tarde Sr. Pedo,
    O processo de levantamento do dinheiro é simples, depois de vendida a posição?
    E quais as obrigações fiscais com eventuais lucros?
    Obrigado.

    Responder
    • Gonçalo Alves

      Portugal é o paraíso da crypto pois não serão aplicadas taxas relativas a impostos (pelo menos para já, enquanto não houver muitos utilizadores, todos nós sabemos como os interesses mudam certo?!)

      O que você pagará em qualquer transação que faça é uma “fee” que tem 2 propósitos: combater fraudes, e pagar a quem faz todo o sistema funcionar (miners)

      Cumprimentos
      Gonçalo Alves

      Responder
      • Luís Carreira

        Obrigado Gonçalo, pelo esclarecimento.

        Cumprimentos,
        Luís

        Responder
  15. Miguel Vilas Boas

    Meu caro, BTC não é difícil de entender.
    Então pelo o início… Então diz que as pessoas estão habituadas a ter dinheiro na carteira (em bitcoin também as há), saldo no banco… pois exactamente a mesma coisa, por isso dizer que existe algures no nosso computador… É só errado!! Existe no seu, no meu, e em qualquer um que por acaso se dê ao trabalho de correr um node. (nota mental diga lá onde é que existe o seu saldo bancário? Por quanto é que está colateralizado?) Outra coisa também existem ATM’s BTC
    Depois acho muito interessante o facto de dizer que estudou o fenómeno mas não percebe nada de facto. Acho fantástico!
    Se nunca lhe passou pela cabeça pesquisar (mas eu pensei que era jornalista), não é nada de extraordinário. Vá a um qualquer motor de pesquisa escreve “bitcoin whitepaper” e lê! São apenas 8 páginas.
    Relativamente às pessoas que tudo perderam, eu disse noutros locais e repito. Não posso ter pena o dinheiro que eles perdem é o que eu ganho.
    Numa outra nota ainda bem que percebeu a importância de Defi. Bolas mas continuando a ouvir não percebeu nada mais uma vez. Defi basicamente quer dizer que cada pessoa é o seu próprio banco. já estão reguladas pela finra e o mais uma vez se se quiser dar ao trabalho de pesquisar e a fed já está a copiar algums dos mecanismos que eram utilizados em 2017.
    Ver videos no youtube xD melhor maneira de perder tempo e dinheiro.
    Por favor, não seja franco seria preferível ser profissional. Não me parece que o tenha sido!
    Relativamente à sua intuição… pergunte ao seu amigo ele dir-lhe-há o contrário.
    No que concerne à especulação existe uma míriade de criptoactivos com taxas superiores a 1000% (por ano)
    Só para terminar… então BTC é perigoso agora uma qualquer plataforma que tem basicamente as mesmas características e se perder a sua passphrase… boa noite e um guarda chuva! Por isso e como disse que tinha saído de BTC suponho que entertando comprou também um cofre antifogo.
    Peço desculpa se fui um pouco bruto mas… diz o provérbio que mais vale prevenir que remediar, há outro também que segue assim “Em boca calada não entra mosca” para bom entendedor meia palavra basta e assim me despeço. Boa tarde.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Boa noite Miguel. Eu avisei que hesitei muito antes de gravar este episódio. Confesso até que estava à espera de reações bem piores. O Miguel e o Gonçalo até foram simpáticos nas críticas. Eu não me importo de aprender. Não tenho problemas com isso 🙂 Abraço.

      Responder
    • Rui

      A humildade não mora por aqui…

      Responder
    • Rúben Rafael

      Mais valia estar calado, Miguel.

      Responder
  16. Ana Paula

    Olá Pedro

    Muitos parabéns pelo seu primeiro podcast sobre Bitcoin (Sinais dos tempos e de que este mundo está apenas na sua infância) 🙂

    Quero dizer-lhe que concordo com muitos dos comentários e também acho que o que disse, de uma maneira geral, revela um ainda profundo desconhecimento sobre este tema. Mas é mesmo assim… É só o começo. Continue a estudar.
    Compreendo a sua intenção mas de facto meteu medo demais às pessoas. Pode perder dinheiro? Sim, pode. MAS! A menos que seja um kamikase a probabilidade de ganhar (e ganhar muuuuuito) é muito superior (Só precisa de um pouco de estomago para os altos e baixos).
    O mais importante parece já ter compreendido, esta é uma revolução muito maior do que simplesmente ganhar ou perder dinheiro. Esta é uma tecnologia que irá permear todos os aspetos da nossas vidas e da sociedade. É na opinião de muitos e também na minha uma revolução maior que a própria internet.
    Quando criptoentusiastas como eu falam todos parecem Megalonomos mas é só porque o que está acontecer ficará gravado nos anais da história da humanidade como uma das maiores revoluções. Vai de facto mudar tudo. É a história a desenrolar-se perante os nossos olhos. Espero que para melhor mas o futuro é apenas uma estrada cheia de nevoeiro…

    Só para dar mais uma achega. Ter bitcoin não é o mesmo que ser acionista de um banco. Nem tão pouco o mesmo que ter uma conta bancária no seu bolso. É o mesmo que ter o seu próprio banco no seu bolso e muito mais.
    Aconselho vivamente a ouvir Andreas Antonopoulos principalmente as palestras mais antigas, seria uma ajuda preciosa para si. Pode encontra-lo facilmente no youtube

    Responder
  17. Ana

    Ola a todos e desde ja agradeco todos os comentarios, as partilhas e o podcast mais honesto de sempre. O que dizem relativamente ao impacto energetico e ambiental da mineracao?? obrigado!

    Responder
  18. Domingos Manuel Mendonça Carreiro

    Eu também tenho curiosidade nas criptomoedas, e acredito que venham a substituir o dinheiro físico. Para não perder o barco, investi uns trocos em shiba inu, que agora vale 0,000001. Vou esquecer…até que valorize, se tiver a sorte de chegar a 1€, ganho 24.000 000€.

    Responder
  19. Paulo Nunes da Silva

    Boa tarde Pedro,

    Parabéns pelo podcast e pela humildade em partilhar as suas dúvidas e receios.
    É realmente um ónus cada vez maior, ter cuidado com o que diz.

    E depois de ler os comentários, percebo a sua relutância em abordar o tema.
    Este tema em particular há-de sempre trazer “achistas” incendiários, quais revolucionários de tocha em riste a querer mostrar à força a pseudo-luz.

    Acredito nesta revolução digital, mas acredito também e diria, mais ainda, no trabalho de todos que como você se dão ao ónus de partilhar as suas experiências em prol do bem comum.

    Muito obrigado!

    Responder
  20. Leonel costa pires

    Boa tarde
    Fiz o registo no site Ethereum iFex AI
    Passado 5 minutos recebi um telefonema do reino unido.
    Fiquei com receio de fazer o investimento de 250€, a senhora ao telefone era bem intensa na forma de falar
    Pedro é seguro ou estou sujeito a perder o dinheiro mesmo antes de qualquer aplicação nos ativos?

    Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. ANÁLISE | Como estão distribuídas as minhas poupanças/investimentos - […] PODCAST | #45 – Devo investir em bitcoin? […]
  2. Os 5 melhores podcasts para quem quer entender o que são criptomoedas - […] está curioso acerca da Bitcoin e se ainda vale a pena investir nesta moeda, o episódio “#45 – Devo…

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.