PODCAST | #253 – Quando é que vai ver-se livre do crédito à habitação?

Escrito por Pedro Andersson

01.07.24

}
2 min de leitura

Publicidade

Já planeou livrar-se do crédito à habitação? Veja este exemplo

A Dina (ouvinte do podcast) pediu um crédito à habitação durante 47 anos e acabou de o pagar no mês passado, em apenas 17 anos. Para isso contribuíram várias reportagens do Contas-Poupança.

Milhares de portugueses (eu sei que não é para todos) poderiam estar a amortizar os seus créditos à habitação, e talvez até já ter a casa paga, mas ainda não perceberam como se faz e porque o devem fazer.

Já sei que – novamente – surgirão várias críticas de quem acha sempre que isto é impossível, mas este episódio vai dar-lhe várias coisas em que pensar.

A Dina, neste momento, tem 60% do salário disponível para gastar/poupar/investir como quiser. Não acha que vale a pena ouvir o testemunho dela?

Boas poupanças!

ENVIE A SUA PERGUNTA EM ÁUDIO PELO WHATSAPP 927753737

Ao deixar a sua pergunta está a autorizar que ela seja utilizada publicamente. O objetivo é que a resposta seja útil não apenas para si, mas para todos os outros que nos escutam.

O que é um podcast?

Aproveite a minha boleia financeira (gravo em áudio uma “conversa” no carro enquanto faço as minhas viagens e faço de conta que você vai ali ao meu lado) e veja como pode aumentar-se a si próprio. São uma espécie de programas de rádio para escutar enquanto faz outras coisas. Subscreva o podcast na plataforma em que estiver a ouvir para ser avisado sempre que houver um episódio novo. Não estranhe ouvir o motor do carro, buzinadelas e o pisca-pisca. Faz parte da viagem.

Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro

Boa viagem e boas poupanças!


Um livro com 5 passos simples que vão mudar a sua vida

Finalmente, um livro que ensina tudo o que a Escola, o Estado e as famílias não ensinam sobre Dinheiro. Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário.

   

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #257 – Você tem medo de ganhar dinheiro?

Tem medo de ganhar dinheiro (e não sabe)? Por muito estranho que lhe possa parecer, há pessoas que têm medo de ganhar dinheiro. Talvez faça parte deste grupo, mas nunca se apercebeu disso. Trata-se de um receio muito comum que várias pessoas têm que é: "Não vale a...

PPR | Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Junho de 2024)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? (Mês #44) Junho voltou a bater o recorde de mais-valias na soma dos meus 10 PPR. Até ao momento tenho uma valorização média de 12%. Naturalmente, cada um dos PPR tem um desemprenho diferente. Tenho dois que ainda estão...

Famílias carenciadas vão receber um cartão com dinheiro em vez de cabaz alimentar

Cabaz Alimentar passa a cartão com dinheiro É uma questão de dignidade, diz o Governo. Até agora, as famílias identificadas pela Segurança Social como carenciadas recebiam um cabaz alimentar físico (com mantimentos para um mês) mas nem sempre esses bens eram o que a...

PodTEXT | Vou ter de pagar 20 mil€ de IRS e não estava à espera. O que faço?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (15 a 21 de julho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

TOP 10 | Qual a marca de COMBUSTÍVEIS mais barata esta semana? (8 a 14 de julho)

Quem subiu e quem desceu os preços esta semana A ERSE definiu para esta semana como preço eficiente (que traduzo livremente por preço "justo") uma subida de 1 cêntimo/l no gasóleo simples e de 1,3 cêntimos na gasolina simples. Abaixo tem os preços que as várias marcas...

160 mil idosos podem receber pelo menos 600 € de reforma – Tem direito? (Vídeo)

Reforma mínima de 600 € e medicamentos grátis Mais de 160 mil idosos com reformas baixas podem passar a receber pelo menos 600 euros por mês e a ter medicamentos grátis na farmácia. Na reportagem desta semana do Contas-poupança, explicamos-lhe como funciona o...

PodTEXT | Uma dica para descobrir onde anda a desperdiçar dinheiro

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

3 Comentários

  1. Maria

    Boa tarde.
    De facto, estas historias poderão ser mais frequentes do que se possa imaginar. Estou a ouvir o seu post é revejo-me nas suas palavras quando diz que as pessoas apenas sabem criticar estas opções. Talvez seja por isso, é que quem o faz, não divulga Ê o reflexo da falta de literacia financeira.
    Eu comprei casa em 2010, com um crédito a 44 anos. Com muito sacrifício, pois além de ter um trabalho semanal, também trabalhava ao fim de semana, isto para dizer que aproveitei todos os extras para amortizar o empréstimo, nem que fosse 1000 €. O que é certo é que terminei em 12anos. Ou seja, é possível! Há 2 anos que não tenho encargos dessa natureza. Para quem argumenta que não se vive, bem isso é relativo, pois sempre viajei, por exemplo. Cada pessoa tem de definir os seus objetivos e não esquecer o foco.

    Responder
    • Zé Kalanga

      @Maria

      Convém não esquecer de que ao canalizar as poupanças para o crédito, transferimos dinheiro para o banco mais cedo, que é exactamente o que eles querem.
      Se é verdade que os juros nos comem recursos, não é menos verdade que o dinheiro também desvaloriza para o banco. 500€ hoje não são 500€ daqui a 10, 20 ou 30 anos, mas a menos que os juros andem sempre aos saltos, se hoje pagasse 500€, ia pagar um valor semelhante durante grande parte do empréstimo.
      O que significariam esses 12 anos de poupanças investidos noutro produto qualquer?

      Responder
  2. Ana Martins

    Bom dia.
    Que história e exemplo motivadores; não há que criticar mas elogiar o trabalho, a disciplina, o esforço!
    Também quero amortizar o meu CH o quanto antes, será uma liberdade e segurança mental sem paralelo saber que a casa é nossa. Tenho crédito a 30 anos e em princípio vou conseguir pagá-lo em 18 anos. É um objetivo que tenho seguido há apenas 2 anos e que nem sequer pensava quando a Euribor estava negativa porque o banco estava a pagar-me para lá ter o crédito (tenho 1 spread muito baixo). Quando a Euribor começou a subir e agora quase nos 4%, tem sido um objetivo, quase obsessão da minha parte. Mas hei-de conseguir!
    Esta partilha de histórias é muito importante para nos motivar também!
    Parabéns Pedro pelo seu excelente trabalho e parabéns Dina pela sua liberdade financeira!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.