Idade da reforma aumenta para 66 anos e 7 meses em 2025

Escrito por Pedro Andersson

31.05.24

}
3 min de leitura

Publicidade

Dados da esperança média de vida confirmam subida da idade da reforma para 66 anos e 7 meses

É uma má notícia que surge por causa de uma boa notícia. Como a esperança de vida aumentou e vamos provavelmente viver mais, a idade da reforma vai ter de subir outra vez. Prepare-se porque isto vai acontecer várias vezes nos próximos anos.
A idade da reforma vai subir para os 66 anos e sete meses em 2025, segundo indicam os dados da esperança média de vida publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).
“No triénio 2021-2023, a esperança de vida à nascença foi estimada em 81,17 anos”, refere o INE, precisando que a esperança média de vida naquele triénio foi estimada em 19,75 anos para o total da população.
Dito de outra maneira, vamos reformar-nos cada vez mais tarde e vamos viver cada vez mais tempo depois da reforma. Acaba por ser a tempestade perfeita para a qual vos tenho alertado ao longo dos anos. Temos de preparar a nossa reforma com uma poupança considerável se quisermos terminar a nossa vida com alguma dignidade. Sei que depende dos nossos rendimentos, mas também depende muito das escolhas que fazemos com o nosso dinheiro no dia a dia. Por isso é que é tão importante termos literacia financeira e começar a investir o mais cedo possível na nossa vida.

Homens vivem menos e as mulheres vivem mais

A informação da mortalidade para Portugal no período 2021-2023 agora conhecida confirma os dados provisórios sobre a esperança média de vida que tinham sido divulgados no final do ano passado e que colocam a idade legal de acesso à reforma sem penalização nos 66 anos e sete meses em 2025 – mais três meses do que a idade exigida a quem se reformar em 2024.
Os 81,17 anos de esperança média de vida para o total da população apurados correspondem a um aumento de 0,21 anos (2,52 meses) relativamente ao triénio anterior (80,96 anos). Os homens vão viver até aos 78 anos e as mulheres até aos 83. É o que diz a estatística.
Este indicador é apurado anualmente pelo INE, sendo usado para calcular a idade da reforma no ano imediatamente a seguir e para determinar o corte ditado pelo fator de sustentabilidade das reformas antecipadas do ano em curso. Assim, os dados agora divulgados confirmam também que o corte pelo fator de sustentabilidade para quem se reforme antecipadamente em 2024 é de 15,8%.

Já está a preparar a sua reforma?

Este valor traduz um acréscimo de dois pontos percentuais face ao aplicado em 2023 — sendo que, neste ano e também em 2022, o fator de sustentabilidade registou recuos inéditos desde que foi criado, num movimento que foi associado à elevada mortalidade entre as pessoas mais idosas nos anos mais afetados pela pandemia de Covid-19, o que ditou uma descida na esperança média de vida.
Além do corte do fator de sustentabilidade, as reformas antecipadas têm ainda uma redução em 0,5% por cada mês de antecipação face à idade legal ou pessoal da reforma.
O que está a fazer para preparar a sua reforma?

Um livro com 5 passos simples que vão mudar a sua vida

Finalmente, um livro que ensina tudo o que a Escola, o Estado e as famílias não ensinam sobre Dinheiro. Em apenas 5 passos, tem o caminho com a estratégia mais eficaz para criar riqueza com o seu salário.

   

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Apanhei um Uber… e o motorista “ganhou” 4.797 euros

Uma viagem que deu lucro... Apresento-vos o José Silva. É condutor de Uber. O meu carro (um GOLF IV que tem 22 anos e está aí para as curvas) foi pintado todo de uma ponta à outra e ficou pronto hoje. Chamei um Uber para o ir buscar à oficina. Assim que entro no Uber,...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #248 – Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? (A pergunta do João Paulo)

Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? O João Paulo este ano quase que pagou IRS em vez de receber reembolso. Ele está preocupado com o ano que vem, porque tem feito muitas horas extraordinárias. Uma das possíveis estratégias dele é amortizar o crédito à...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (10 a 16 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Nova versão do Cartão de Cidadão já está disponível

Cartão de Cidadão é agora mais tecnológico e seguro A nova versão do Cartão de Cidadão, anunciada em março ainda pelo anterior governo, está oficialmente disponível a partir desta terça-feira. As alterações estão em linha com a mais recente legislação europeia e com...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PPR | Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Maio de 2024)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? (Mês #43) Maio foi o melhor mês de sempre na soma dos meus 10 PPR. Até ao momento tenho uma valorização de quase 11%. Não consigo neste momento fazer uma conta exata ao juro anualizado ao longo destes 3 anos porque subscrevi...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

GÁS | A lista das 10 empresas mais baratas (Junho de 2024)

GÁS | As 10 empresas mais baratas este mês Em Junho, o preço do gás natural no mercado regulado continua a ser o mais barato em Portugal. Chega a ser quase metade em relação às marcas mais caras. Está a aproveitar esta poupança? As grandes empresas este mês baixaram...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

1 Comentário

  1. Teresa

    Boa tarde Pedro Anderson, como sempre, o texto sobre a idade das reformas, e refere que quem se reformar antecipadamente, salvo as carreiras contributivas muito longas(46/48 anos), a penalização terá dois factores, 0,5% e factor de sustentabilidade, mas e as reformas por desemprego de longa duração???
    Como por exemplo, 44anos de descontos e 62 anos no final das prestações de desemprego. Essas pessoas não têm o direito de se reformar sem penalização?
    Obrigada.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.