EURIBOR | Prestação da casa paga ao banco sobe este mês em todos os prazos

Escrito por Pedro Andersson

13.03.22

}
3 min de leitura

Publicidade

Prestação da casa paga ao banco sobe este mês em todos os prazos

Ainda não sabemos como a guerra vai afetar a Euribor, mas nos últimos tempos as taxas estão a subir. E, seja temporário ou não, a sua prestação do crédito à habitação vai subir. Depois pode até voltar a descer, mas a tendência neste momento é de subida.

A prestação paga ao banco pelo crédito à habitação sobe este mês de março nos contratos indexados à Euribor a 3 e 6 meses face às últimas revisões, segundo a simulação da Deco/Dinheiro&Direitos. Fiz pessoalmente uma simulação a 12 meses e dá uma subida também.

Um cliente com um empréstimo no valor de 150 mil euros a 30 anos, indexado à Euribor a seis meses e com um ‘spread’ (margem de lucro do banco) de 1%, passou a pagar a partir deste mês 450,37 euros, o que se traduz em mais 3,36 € face à última revisão (em setembro).

Já no caso de um empréstimo nas mesmas condições (valor e prazo de amortização), mas indexado à Euribor a três meses, o cliente passou a pagar 446,68 €, mais 2,29 € do que pagava desde dezembro.

Estes valores foram calculados tendo em conta as médias da Euribor no mês de fevereiro, tendo sido a seis meses de -0,476% e a três meses de -0,532%.

A 1 ano, como podem ver neste gráfico, a subida deverá ser um pouco mais relevante, uma vez que face a fevereiro do ano passado a subida é bastante maior. A prestação que até agora era de 450,26 € vai subir (se a sua prestação é revista todos os anos em março) para 453,34 €, mais cerca de 3 euros por mês.

Desde final de 2021 que acabaram as moratórias do crédito das famílias, que foram uma importante ‘folga’ para as famílias nos momentos mais agudos da crise da pandemia da covid-19. As taxas Euribor são o principal indexante em Portugal nos contratos bancários que financiam a compra de casa. A Euribor a seis meses é a mais usada, seguida da taxa a três meses.

Deve preparar-se (mesmo que isso não venha a acontecer) para daqui a uns anos a Euribor estar positiva e até a 1% ou mais. Esses é que são os valores “normais”.

As taxas Euribor entraram em terreno negativo em 2015 e significam uma poupança significativa para todos os que têm taxa variável, seja qual for o prazo. Alerto sempre que esta “benesse” não vai durar para sempre. 

Aliás, o aumento preocupante da inflação pode vir baralhar as contas que apontavam para um regresso a terreno positivo da Euribor só em 2025. Pode ser antes. 

Explico neste artigo como pode fazer as contas para saber se a sua prestação vai subir ou descer nas próximas mensalidades, com base no comportamento da Euribor.

Leia mais:
Como a Euribor afeta a minha prestação do Crédito à habitação?

(VÍDEO) EURIBOR | Porque é que a Euribor está negativa mas a minha prestação não desce

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

IVA ZERO | A lista dos produtos básicos – Quanto vão (realmente) descer?

Os 44 alimentos que vão passar a ter IVA zero Com certeza já viu e ouviu a lista dos 44 alimentos essenciais que vão passar a ter IVA Zero em vez de 6%, como atualmente. Está em todo o lado e parece que ninguém fala de outra coisa. Também a vou colocar aqui para...

VÍDEO | Já pensou em fazer um Workshop gratuito de finanças pessoais?

Aprenda finanças pessoais gratuitamente Portugal está na cauda da Europa em termos de literacia financeira. Um inquérito recente mostrou que os portugueses não só ganham pouco, como não sabem como lidar com o dinheiro que têm e que costumam assinar de cruz os papéis...

PODCAST | #159 – Ainda tem medo dos Certificados de Aforro?

Juros dos Certificados de Aforro no máximo possível Os Certificados de Aforro atingiram este mês os juros máximos previstos por lei. É uma rentabilidade absolutamente extraordinária para um produto con capital garantido: 3,5% no primeiro ano e 4% a partir do segundo...

ÚLTIMA HORA | Governo dá apoio de 30 euros por mês a famílias mais pobres

Governo dá apoio de 30 euros a famílias mais pobres e mais 15 euros por filho O Governo anunciou hoje um novo apoio mensal de 30 euros às famílias mais pobres para compensar a subida do custo de vida. O pagamento deste apoio será automático e feito de forma...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (27 de março a 2 de abril)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

EURIBOR | Euribor 3 meses sobe para novo máximo e supera 3%

Euribor 3 meses sobe para novo máximo e supera 3% Na última semana a Euribor recuou um pouco por causa da crise em vários bancos, nos EUA e na Suíça, mas pelos vistos está a retomar as subidas. Seja como for, continuam super altas. Hoje, a taxa Euribor subiu a três, a...

PODCAST | #158 – Como vão funcionar os Apoios extraordinários à Habitação em 2023?

Como vão funcionar os dois Apoios extraordinários à Habitação em 2023 (rendas e crédito à habitação)? O Governo acaba de aprovar duas medidas importantes para ajudar as pessoas que estão a pagar rendas de casa muito altas (como inquilinos) e as famílias que viram a...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (20 a 26 de março)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

ELETRICIDADE | Preço da eletricidade no mercado regulado desce 3% em Abril

Fatura da luz desce em média 3% para clientes do mercado regulado a partir de Abril - ERSE O preço da luz no mercado regulado vai descer cerca de 3% a partir de 1 de Abril. O valor do kWh vai descer para 0,1567 € e a potência contratada de 3.45 kVA para 0,1688 €. A...

IRS 2022 | Página COMPLETA das deduções ao seu IRS já está online para consulta

ÚLTIMA HORA | Já está online! Agora sim, já pode verificar se está TUDO bem. Como avisei em vários artigos ao longo dos últimos meses, todas as faturas que faltavam no e-fatura iriam (se estiver tudo bem) surgir numa página que só iria aparecer em Março. Pois bem,...

Publicidade

Publicidade

Artigos relacionados

6 Comentários

  1. João Martins

    Caro Pedro Andersson,
    Muito obrigado pelo excelente que desenvolve e partilha. É muito importante e, a nível pessoal, tem sido muito importante para aumentar a minha literacia financeira.
    Bem haja.
    Cumprimentos e continuação de bom trabalho.
    João Martins

    Responder
  2. Graça Almeida

    Boa tarde, sr. Pedro!
    Gosto imenso de ver os seus programas e de ler os seus artigos.
    Vou transferir o meu crédito à habitação, para outra instituição bancária. Estou na dúvida se opte por uma taxa fixa ou variável.
    O que me sugere?
    Obrigada!
    Cumprimentos, Graça Almeida.

    Responder
  3. Paula Rocha

    Boa noite. Obrigada por tantos ensinamentos e dúvidas desfeitas. Tenho uma incapacidade de 60% e o meu crédito à habitação é diferente, também vou ter aumento?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá Paula. Depende se o seu crédito está indexado à Euribor ou não e em que meses é revisto. Vai ter de ler o seu contrato ou perguntar ao seu gestor de conta. Felicidades!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.