EURIBOR | Prestação da casa paga ao banco desce ligeiramente em setembro

Escrito por Pedro Andersson

05.09.21

}
3 min de leitura

Publicidade

Prestação da casa paga ao banco desce ligeiramente em setembro

A prestação paga ao banco pelo crédito à habitação vai descer ligeiramente em setembro nos contratos indexados à Euribor a um ano, seis meses e a três meses, face às últimas revisões, segundo a simulação da Deco/Dinheiro&Direitos, citada pela LUSA.

Quem vai ter uma descida maior na prestação é quem tem Euribor a 1 ano, porque desce de -0,359 (agosto do ano passado) para -0,498 (agosto de 2021). Representa uma descida de 0,139 pontos percentuais. Mesmo assim estamos a falar de poucos euros. Mas sempre é uma descida.

A vantagem ou desvantagem da Euribor a 1 ano é que, se tiver a “sorte” de apanhar um mês em que desce quando faz anos em que assinou o contrato, fica a pagar menos durante 12 meses, mas se tiver o “azar” de apanhar um mês em que sobe em relação ao mesmo mês do ano passado, fica a pagar mais durante um ano inteiro também. Neste caso, se o seu contrato é revisto em setembro, a sua mensalidade vai descer.

No princípio de cada mês, aqui no blogue tem esta informação atualizada para saber a quantas anda.

Leia mais:
Como a Euribor afeta a minha prestação do Crédito à habitação?

Casos práticos

Um cliente com um empréstimo no valor de 150 mil euros a 30 anos, indexado à Euribor a seis meses e com um ‘spread’ (margem de lucro do banco) de 1%, passa a pagar a partir deste mês 447,01 euros, o que traduz em menos 0,39 €, face à última revisão (março).

Já no caso de um empréstimo nas mesmas condições (valor e prazo de amortização), mas indexado à Euribor a 3 meses, o cliente passa a pagar 445,63 euros, menos 0,53 € do que pagava desde junho.

Estes valores foram calculados tendo em conta as médias da Euribor no mês de agosto, tendo sido a seis meses de -0,527% e a três meses de -0,548%.

Atenção ao fim das moratórias

Desde abril de 2020 que milhares de famílias não estão a pagar o crédito à habitação fazendo uso do decreto-lei do Governo que permite moratórias nos créditos (suspendendo capital e/ou juros). A generalidade das moratórias de crédito à habitação termina em 30 de setembro.

Os principais bancos têm dito que não estão preocupados com o incumprimento das famílias após o fim das moratórias dos créditos à habitação.

As taxas Euribor são o principal indexante em Portugal nos contratos bancários que financiam a compra de casa. A Euribor a seis meses é a mais usada, seguida da taxa a três meses.

As taxas Euribor estão em terreno negativo desde 2015 e a expectativa é que se mantenham negativas ou perto de 0% nos próximos anos devido sobretudo à política de estímulos monetários do Banco Central Europeu (BCE), o que tem impacto positivo nos créditos bancários, que estão mais baratos.

Em resumo, a prestação da casa vai continuar muito baixa durante mais alguns anos. Aproveite esta “folga” para criar o seu Fundo de Emergência ou para investir para ter margem para lidar com o aumento da prestação daqui a algum tempo, porque isso vai acontecer. Isto não vai durar para sempre, OK?

(VÍDEO) EURIBOR | Porque é que a Euribor está negativa mas a minha prestação não desce

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

Como compro lombos de salmão mais baratos do que fiambre

Como comprar lombos de salmão com 65% de "desconto" As saudades que eu tinha de escrever um artigo sobre as minhas poupanças diárias… Como sabem, a minha estratégia de poupança é ter sempre o melhor possível pelo preço mais baixo. Nunca é a poupança dos “coitadinhos”....

ATENÇÃO – Já só tem uma semana para entregar o IRS (ou para o corrigir)

Prazo acaba a 30 de junho - Evite as multas O prazo para entrega do IRS termina no dia 30 de junho. Falta uma semana. De acordo com o Portal das Finanças, até este domingo já foram entregues cerca de 5 milhões e 600 mil declarações (5 615 814). Em comparação com o...

Oficial – Parlamento aprovou o fim de portagens nas ex-SCUT

Abolição das portagens nas ex-SCUT a 1 de janeiro de 2025 É oficial. O Parlamento aprovou em votação final global a proposta do PS para eliminar as portagens nas ex-SCUT e nos troços "onde não existam vias alternativas que permitam um uso em qualidade e segurança". O...

PodTEXT Vamos a Contas | Onde devo investir se já estou perto da reforma?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

PodTEXT | O que é o movimento FIRE – É possível refomar-se mais cedo?

O podcast de sempre, agora mais inclusivo! Como a literacia financeira é um aspeto fundamental para a boa gestão das finanças pessoais, os podcasts do Contas-poupança tornam-se agora mais inclusivos e passarão a ser publicados também em texto, nomeadamente para...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (24 a 30 de junho)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que recolho...

Isenção de IMT e Imposto de selo para jovens até aos 35 anos – O que já se sabe?

Lei já foi publicada em Diário da República Foi publicada esta quinta-feira em Diário da República a Lei (está aqui) que autoriza o Governo a avançar com a isenção do IMT e do respetivo Imposto de selo para jovens com idade igual ou inferior a 35 anos, na compra da...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Maiores de 35 anos podem aceder a isenção de IMT se comprarem casa com um jovem

Isenção de impostos também beneficia maiores de 35 anos Há cerca de três semanas, o Governo aprovou em Conselho de Ministros diversas medidas para facilitar a compra de habitação aos jovens até aos 35 anos. Entre elas, além da garantia pública de até 15% do valor do...

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.