Aceito os termos e condições.

Email Marketing by E-goi

Ordem dos contabilistas recomenda só entregar o IRS na semana que vem

Escrito por Pedro Andersson

01.04.21

}
3 min de leitura

Bastonária dos Contabilistas recomenda adiar a declaração de IRS para a próxima semana

A Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC) recomenda “sempre” que a declaração de IRS não seja submetida na primeira semana do prazo de entrega deste procedimento fiscal, que hoje começou, revelou a bastonária da OCC, Paula Franco.

“Recomendamos sempre que na primeira semana não se envie ao Fisco a declaração de IRS, porque o sistema do Portal das Finanças ainda está a ser ajustado e a serem detetados erros”, disse a bastonária, em declarações à Lusa.

Se tem a certeza de que está tudo bem, entregue

Paula Franco ressalva, no entanto, que se as declarações forem submetidas já nesta primeira semana, também “não há qualquer problema”, já que que a Ordem tem “vários testemunhos” de entregas já concretizadas, no prazo que está em curso, “que correram bem”, ainda que “algumas com erros, mas que se conseguem ultrapassar”.

A bastonária lembra que os primeiros dias, do prazo de submissão das declarações de Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) “são sempre de ajustes”, razão pela qual diz ser “normal” que, mesmo depois de feitos testes ao sistema, quando entra em funcionamento a entrega da declaração para todos os cidadãos, aconteça “muitas vezes” serem detetados outro tipo de erros.

“Mas nada que impeça o envio do IRS”, ressalva Paula Franco, advertindo os contribuintes para a necessidade de verificarem os valores, mesmo aqueles que optam pela declaração automática que é previamente preenchida pelo fisco.

“Em qualquer altura, seja agora ou mais tarde, os dados têm sempre de ser confirmados, pois existe risco de algo não estar inscrito nos rendimentos ou deduções”, avisou.

Mesmo os contribuintes mais inexperientes e com dificuldades devem fazer esse esforço, alertou, esclarecendo que, perante a declaração de IRS automático, devem verificar “alínea a alínea” se está tudo correto, lembrando a importância desta verificação pelos arrendatários, para que as rendas possam ser contabilizadas pelo fisco como despesa.

Problemas no primeiro dia de entrega

Quanto aos problemas no acesso ao portal das Finanças, denunciado nas redes sociais, a bastonária admitiu que os sistemas informáticos não têm capacidade, muitas vezes, para corresponder a todos os acessos dos contribuintes.

“Deviam ter essa capacidade, efetivamente, se pensarmos em termos daquilo que seria perfeito. Mas, na prática, aquilo que temos verificado é que os problemas dos sites existem sempre e há sempre alturas em que não estão com capacidade para absorver todo o tipo de acessos”, considerou.

Paula Franco explicou que quando surge um grande fluxo de pessoas a tentar aceder ao portal das Finanças, “inevitavelmente há problemas” e que hoje, com o início oficial da campanha de IRS, é possível que existam muitos acessos e isso bloqueie o site. “Infelizmente isso é normal”, concluiu a bastonária.

O prazo oficial de entrega do IRS arrancou hoje e, tal como em anos anteriores, foi já possível fazer simulações e entregar a declaração em dias anteriores, registando-se já, até às 11:41 de hoje, a submissão de 253.596 declarações de IRS.


 

feiralivro-billboard

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

Painel solar fotovoltaico – Balanço de março de 2021 (mês #52)

Balanço do mês de março de 2021 "Não há fome que não dê em fartura". Quase que se podia aplicar o provérbio. Em Março a produção do painel foi mais do dobro de fevereiro, que foi de facto muito má. Março de 2021 foi melhor do que março do ano passado. Não por muito,...

Painéis solares afinal não são dedutíveis no IRS de 2020

Painéis solares afinal não são dedutíveis no IRS de 2020 Já tenho a resposta do Ministério das Finanças. Se comprou em 2020 um ou vários painéis solares a contar com uma dedução de 1.000 euros pode esquecer. Não vai acontecer. Vários leitores do blogue fizeram-me esta...

Os meus fundos de investimento – Balanço da semana #38 (9 de abril)

Fundos de investimento - Balanço semanal Esta foi a melhor semana de sempre dos meus fundos de investimento. Em apenas 9 meses, os 3 fundos, em média, estão a crescer 22%. A semana passada tinha sido de queda, devido a uma semana má nas bolsas mundiais. Agora...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (12 a 18 de abril)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

VÍDEO | Dicas fundamentais para aumentar o seu reembolso do IRS este ano

Não deixe dinheiro seu nos cofres do Estado Antes de mais, obrigado ao milhão e 100 mil espectadores que viram o Contas-poupança ontem, apesar de estar a dar o futebol na concorrência. Um em cada 5 portugueses viram a reportagem sobre algumas dicas fundamentais para...

COVID-19 | Há novidades no Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores (AERT)

Governo alterou a condição de recursos para acesso ao novo apoio social O apoio vai estar acessível a mais pessoas e com efeitos retroativos. O Conselho de Ministros aprovou hoje alterações ao Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores (AERT) que alargam a...

PODCAST | #49 – Porque é que eu não recebo reembolso do IRS (ou pouco)?

Como se calcula o reembolso do IRS? Neste episódio explico-lhe porque é que há pessoas que recebem reembolso de IRS de centenas ou até milhares de euros e outros recebem muito bouco ou mesmo nada. Parece, por vezes, que quem mais precisa é quem menos recebe. Porque...

Dicas para aumentar o seu reembolso do IRS este ano

Pode aumentar o seu reembolso do IRS este ano? Não perca a reportagem do Contas-poupança, mais logo no Jornal da Noite na SIC. Tem explicações importantes que deve ver com muita atenção para receber o máximo possível no seu IRS deste ano (referente a 2020). Eu sei que...

FRAUDE | Fisco alerta para e-mails falsos sobre reembolsos do IRS

Fisco alerta para e-mails falsos sobre reembolsos do IRS A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou hoje para a existências de 'emails' fraudulentos que estão a ser enviados, solicitando dados bancários para posterior reembolso do IRS. "Se recebeu um 'email'...

Covid-19 | Portugal inicia hoje segunda fase do plano de desconfinamento

Segunda fase do plano de desconfinamento entrou hoje em vigor Hoje a vida começa a ser uma pouco mais "normal" do que até agora. Mesmo assim ainda com bastantes limitações. Este é um breve resumo do que pode fazer a partir de hoje e durante os próximos 15 dias....

Publicidade

Comentar

Siga-nos nas redes sociais

Artigos relacionados

6 Comentários

  1. Sandra

    Tenho no campo das despesas gerais várias contas de cabeleireiro, transportes e saude apesar de ter feito a devida correcção quando era suposto no portal do e fatura. E agora o que faço?

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Nada. Elas repetem-se. É normal. Seria um problema se não estivessem TAMBÉM nas categorias corretas. Mesmo assim o prazo para corrigir acabou dia 31. Já não poderia fazer nada.

      Responder
    • Nobre Luso

      Detectei que tanto na minha declaração pré- preenchida, como na declaração da minha mulher (fazemos o IRS em separado), no campo do IBAN/NIB não está o número correcto da conta.
      Em lugar dele, encontrava-se um IBAN/NIB fantasma iguaizinho em ambos.
      Ora, para efeitos fiscais somos dois contribuintes distintos.
      E quando perguntei ao banco de que conta se tratava, responderam que aquela conta não existia, apesar do NIB/IBAN ser deles.
      O que fez a AT de tão errado para acontecer o mesmo erro grosseiro em dois contribuintes diferentes?

      Responder
  2. Ricardo Aguilar

    Boa tarde,
    Já entreguei a declaração de IRS (aceitei dados prè preenchidos).
    A minha esposa tem 77% deficiência com Atestado Multiusos).
    No ano anterior era necessário colocar um visto em deficiencia >60%.
    Este ano aparece automaticamente com os 77%. Verifiquei na simulação
    que os € 1.900 estão considerados. Houve alteração no preenchimento
    deste ano ? Tenho receio de ter enviado no 1º dia e ter algum problema.

    Responder
  3. Maria Isabel oliveira guerra

    O meu marido pertence á PSP.
    No IRS automático surgem em Rendimentos dos anos anteriores, valores que parece-me que correspondem a atualização de vencimentos dos anos 2011 a 2019.
    Não sei ainda se efetivamente foram pagos no ano de 2020, pois teremos de ver os recibos do ano.
    Terei de concordar com estes valores…..se efetivamente foram pagos, mesmo de 2011?
    Penso que está a acontecer com todos os PSP.
    Muito obrigada.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.