Taxas Euribor caem a 3, 6 e 12 meses

Escrito por Pedro Andersson

21.01.20

}
4 min de leitura

Publicidade

Taxas Euribor – Ponto da situação

Euribor continua negativa

As taxas Euribor iniciaram a semana a cair novamente a 3, 6 e a 12 meses. Já lhe vou explicar porque é importante andar em cima destes números.
A taxa Euribor a seis meses caiu para -0,333%. É a taxa mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação. O mínimo de sempre, de -0,448%, verificou-se a 3 de Setembro de 2019. (Os gráficos foram retirados deste site https://www.euribor-rates.eu/pt/)
A Euribor a três meses também desceu para -0,392%, contra o atual mínimo de sempre, de -0,448%, também registado em 3 de Setembro.
Quanto à Euribor a 12 meses, por sua vez, desceu para -0,244%, depois de no dia 21 de Agosto ter batido um novo mínimo de sempre (-0,399%).

Vai continuar a poupar no crédito à habitação

Se quando a vossa mensalidade for revista, ela for calculada com os valores atuais, isso significa que a prestação vai descer durante o prazo que acordaram com o banco. No meu caso ela mantém-se igual durante 3 meses e depois é revista conforme a média dos 3 meses anteriores. Têm de ver como é no vosso caso.

Faço aqui esta breve explicação porque alguns leitores perguntaram-me porque é que a Euribor está a descer e a prestação deles aumentou ou ficou igual. A explicação é esta: Depende da fórmula de cálculo que assinaram no contrato. Pode ser uma média, pode ser o último dia do período do prazo que ficou acordado, etc.

Como podem ver neste gráfico em detalhe, aparentemente a Euribor bateu no fundo e está lentamente a subir novamente. Mas não sabemos quanto tempo demorará a voltar a zero e depois a partir daí continuar a subir e até onde.

As taxas Euribor a três, a seis e a 12 meses entraram em terreno negativo em 2015, e desde então estão a facilitar a vida de quem tem créditos à habitação e a dificultar as contas dos bancos.

Nos últimos meses, têm-se mantido o valor negativo depois da indicação do Banco Central Europeu de que vai manter as taxas de juro diretoras em níveis baixos, em vez das subidas que se perspetivavam.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

Porque é importante saber estes números

Porque quem tem spread de pelo menos 0,3 neste momento, o banco está a pagar a sua casa. Quem tem spreads superiores a estes valores, sobre esse valor do spread que tem contratado o banco é obrigado a descontar o valor negativo da Euribor no prazo que contratou. Por exemplo, se tem um spread de 1% com Euribor a 1 ano, pagará de juros 1-0,244=0,76. Isto reflete-se na prestação ao banco mais baixa de sempre.

Não vai durar sempre

Aproveite esta “folga” para colocar dinheiro de lado a render o máximo que puder para quando acabarem as “vacas gordas”.

Coloque de lado o que está a poupar estes anos desde 2015, não para gastar mas para investir no que entender, para quando a Euribor subir ter alguma reserva para absorver esses aumentos. Também pode amortizar no crédito embora o efeito seja mais emocional (“Vou ver-me livre do banco mais cedo”) do que racional porque quase não vai notar nada na prestação. Serão apenas cêntimos. Só notará o efeito quando a Euribor subir muito. Terá de ser você a decidir o que fazer.

O ideal era fazer a conta ao que estamos a poupar mensalmente com esta descida da Euribor e fazer uma transferência automática no banco todos os meses assim que recebemos para outra conta para não vermos esse dinheiro. Isso sim, era uma decisão inteligente. No meu caso estimo a minha poupança em 41 euros por mês. São quase 500 euros por ano que estão a ficar no meu bolso sem ter feito rigorosamente nada. Pense no assunto. Invista esse dinheiro na sua poupança para quando vierem dias mais difíceis e eventualmente amortizar nessa altura. Mas, claro, você é que sabe como quer usar o seu dinheiro. Fica aqui apenas esta ideia.



Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2019. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica. Se quiser conhecer também as dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”. É só clicar AQUI ou nas fotos dos livros.

 

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes 

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

Apanhei um Uber… e o motorista “ganhou” 4.797 euros

Uma viagem que deu lucro... Apresento-vos o José Silva. É condutor de Uber. O meu carro (um GOLF IV que tem 22 anos e está aí para as curvas) foi pintado todo de uma ponta à outra e ficou pronto hoje. Chamei um Uber para o ir buscar à oficina. Assim que entro no Uber,...

EURIBOR HOJE | Taxas descem em todos os prazos

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PODCAST | #248 – Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? (A pergunta do João Paulo)

Amortizar o Crédito à habitação faz baixar o IRS? O João Paulo este ano quase que pagou IRS em vez de receber reembolso. Ele está preocupado com o ano que vem, porque tem feito muitas horas extraordinárias. Uma das possíveis estratégias dele é amortizar o crédito à...

COMBUSTÍVEIS | Qual é o preço justo esta semana? (10 a 16 de junho)

Qual deveria ser o preço justo? A ERSE faz semanalmente as contas para o consumidor saber qual é o preço "justo" dos combustíveis face ao preço das matérias-primas e transportes de combustível. Esse preço "justo" já inclui uma margem de retalho de cerca de 10% para as...

Nova versão do Cartão de Cidadão já está disponível

Cartão de Cidadão é agora mais tecnológico e seguro A nova versão do Cartão de Cidadão, anunciada em março ainda pelo anterior governo, está oficialmente disponível a partir desta terça-feira. As alterações estão em linha com a mais recente legislação europeia e com...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

PPR | Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Maio de 2024)

Vale a pena fazer um PPR como investimento? (Mês #43) Maio foi o melhor mês de sempre na soma dos meus 10 PPR. Até ao momento tenho uma valorização de quase 11%. Não consigo neste momento fazer uma conta exata ao juro anualizado ao longo destes 3 anos porque subscrevi...

EURIBOR HOJE | Taxas descem a 3 meses e sobem a 6 e 12

Euribor Diariamente, divulgamos aqui na página "Contas-poupança", o valor das taxas Euribor a três, seis e 12 meses. Embora as alterações diárias não tenham um impacto direto na sua prestação do crédito à habitação, são um indicador precioso para perceber a tendência...

GÁS | A lista das 10 empresas mais baratas (Junho de 2024)

GÁS | As 10 empresas mais baratas este mês Em Junho, o preço do gás natural no mercado regulado continua a ser o mais barato em Portugal. Chega a ser quase metade em relação às marcas mais caras. Está a aproveitar esta poupança? As grandes empresas este mês baixaram...

Publicidade

Artigos relacionados

12 Comentários

  1. Catarina Carmo

    Bom dia
    Como posso calcular o valor que poupo todos os meses no crédito habitação com a Euribor actual? Acho que poderia fazer a sua sugestão em canalizar essa verba para a conta poupança. Obrigado desde já pela resposta

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá veja um extrato mensal de 2015 e quanto pagou este mês. É essa a diferença 🙂

      Responder
  2. teresa

    Faltam menos de 5 anos para terminar o meu empréstimo, amortizei à alguns meses uma parcela e estou a pensar no próximo mês amortizar outra, como já estou no final do empréstimo amortizo muito capital e isso reduz bastante a prestação, acha que esta não é a melhor altura para fazer isso porque os juros estão baixos?

    Responder
    • celso

      Não se esqueça que está também a diminuir o valor que paga referente aos seguros associados ao credito habitação, que em alguns casos são muito altos. Os bancos é que nem sempre dizem isso. Não convém…

      Responder
      • Sofia

        Os bancos não dizem e alguns seguros não atualizam os valores se nós não pedirmos (quase por favor)… Por vezes é uma luta difícil…
        Ah! e atenção ao seguro de proteção ao crédito caso se aumente a prestação do crédito habitação, convém confirmar (e pedir à seguradora para atualizar) o valor de prestação que é coberta pelo seguro… Não vá ser necessário utilizar o seguro e eles pagarem parte da prestação e nós temos que pagar o resto… Não consigo perceber como é que existe tanta partilha de informação e as seguradoras e os bancos não comunicam estas alterações automáticamente… Ah.. espera.. se calhar percebo…

        Responder
  3. Ceu Matos

    Boa Tarde

    A minha tx e de 6 meses, mas nunca me atualizam a prestação. Porque será??

    Obrigado

    Responder
  4. Sofia

    Continuo a achar que amortizar e pedir para reduzir o prazo mas manter o valor da prestação é a melhor opção 🙂 não só emocional mas a nivel financeiro…

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Mas já conseguiu fazer isso? Tentei mas alteravam as condições do contrato. Aumentavam o meu spread e passiva de Euribor a 3 meses para 1 ano. Recusei.

      Responder
      • Sofia

        Bom dia,
        sim, já o fiz algumas vezes sem problemas e nunca me alteraram outras condições do contrato além do tempo.
        Vou à sucursal onde fiz o crédito (é mais rápido e não anda o processo para um lado e para o outro) e são feitos 2 pedidos: um para reduzir o capital em x e outro para reduzir o prazo do empréstimo y meses. Depois é só assinar o aditamento. Mas até agora nunca me alteraram nada a não ser o prazo.
        Em casa utilizo o simulador do boonzi para fazer as contas, assim ao chegar lá já sei quanto tempo quero reduzir e quanto amortizar, além de que, lá está, como já vou com uma ideia de quanto vou ficar a pagar e de quanto vou poupar com isto, não há tentação de aceitar “no momento” outras alternativas que me “ofereçam” (por exemplo há algum tempo o gestor propôs fixar as taxas “porque não ia continuar a descer infinitamente, entretanto iria subir de repente e estava muita gente na altura a fazer essa alteração”… Eu recusei.. E o facto é que a Euribor continuou a descer…
        Falta dizer que tenho o crédito habitação no Millennium e que já consegui reduzir +-295 meses 🙂

        Responder
  5. teresa

    No meu caso apenas me permite amortizar capital, porque se amortizar tempo, também mexe nas condições que tenho por isso tenho apenas amortizado capital, a ideia é chegar a um valor que não faça mossa no meu orçamento e poupar para daqui a algum tempo amortizar o total.

    Responder
  6. Luís Duque

    Boa tarde,
    Costumo consultar a taxa média da Euribor no site do EMMI – Euopeaan Money Markets Institute para confrontar com a taxa aplicada pelo banco. Na última prestação o indexante a considerar seria a Euribor a 3 meses de abril e, o banco entende que a taxa média deste mês é -0,419%., com a qual não concordo. Será mesmo assim? Terei algum site com informação oficial para apresentar ao banco?
    Agradeço a ajuda que possa dar; muito obrigado.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá. Está escrito no contrato o sítio onde vão buscar a taxa Euribor.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.