Aceito os termos e condições.

Email Marketing by E-goi

Viu o Contas-poupança… vai poupar 60.000 € (e 200€ no IMI e 20€ na luz)

Escrito por Pedro Andersson

21.11.19

}
4 min de leitura

E você, também pode poupar?

Não é assim tão raro. Já recebi dezenas e dezenas de mensagens semelhantes a estas. São estas mensagens (esta foi pública na página de facebook do Contas-poupança) que nos animam a continuar. Esta semana foi um bocadinho dolorosa (mas tudo bem, já começo a estar vacinado).

Bom, este espectador viu as várias reportagens do Contas-poupança sobre transferência de créditos à habitação para outros bancos, as reportagens sobre o IMI e as reportagens sobre o quanto pode poupar ao mudar de fornecedor de eletricidade e fez um “hat trick”. Para quem não percebe nada de futebol é “marcar 3 golos no mesmo jogo”. Isso já aprendi :). Vai poupar “apenas” 60.000 € porque decidiu mudar para  um banco que lhe propôs um crédito mais barato do que o que tinha.

Hoje fui fazer a minha transferência de crédito habitacao…spread passou de 2,5% para 1,25% e a TAEG de 4,066% para 1,9%… Resumindo, graças ao vosso serviço público gastei perto de 800€ (nova escritura e 50% comissão de avaliação) mas no final do meu empréstimo irei poupar 60.000€ face à situação anterior… Estamos a falar num empréstimo de cerca de 70.000€ a 40 anos.

Sem dúvida isto não seria possível sem o vosso serviço esclarecedor,acessível,explícito e melhor que tudo gratuito! Já para não falar na reavaliação de IMI que também fiz…simulei,gastei 1€ para o modelo A e poupo hoje cerca de 200€/ano… Ou então a factura da luz que negociei e pago cerca de 20€/mês a menos por ter trocado de operador.
Ao Contas-poupança,ao Sr.Pedro e à equipa que o rodeia o meu muito, muito obrigado.

Não tem que agradecer. Fazemos isto com gosto. Queremos que os portugueses comecem a perceber como funciona o dinheiro e os “mercados”. É uma espécie de pequena revolução do conhecimento financeiro. E entra nessa “revolução” quem quer. É uma questão de mudança de mentalidades.

De uma forma muito simples é só mudar o “chip” de “Tenho de trabalhar muito para pagar todas as contas que os outros me põem à frente” para “Tenho de ganhar dinheiro para me pagar a mim próprio, comprar aquilo que preciso e quero, quando quero, ao preço que eu estiver disposto a pagar e ainda me sobrar algum para investir no meu futuro e dos meus filhos se os tiver”.

Mude de atitude

Acreditem que mudar esta atitude faz toda a diferença. O meu banco não me baixa a prestação? Vamos lá a ver se no banco ao lado QUEREM O MEU DINHEIRO. Quanto me pagam pelo meu dinheiro que está no outro banco?

E o mesmo para as seguradoras. A minha seguradora está a levar-me x por este seguro. Querem vocês ganhar dinheiro comigo? Quanto estão a dispostos a descer para eu mudar para vocês? E na luz, e no gás e nas telecomunicações… E em tudo, até nos hipermercados.

Aprenda que é VOCÊ quem escolhe onde gasta o SEU dinheiro e não os outros. Esse tempo acabou. Você é uma empresa e você é o CEO da sua empresa que é a sua vida. Vamos geri-la de forma profissional. Este senhor acaba de mostrar que aprendeu bem a lição. Acredito que depois de ter percebido como funciona, vai aplicar esta fórmula em todos os negócios e contratos que fizer daqui para a frente. É um bom exemplo. Por isso partilho.



Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA” 34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2019. É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica. Se quiser conhecer também as dicas que demos nos primeiros 5 anos de programa, pode adquirir o livro “Contas-poupança I”. É só clicar AQUI ou nas fotos dos livros.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

Publicidade

Sobre mim: Pedro Andersson

Ir para a página "Sobre Mim"

Siga-nos nas Redes Sociais

FRAUDE – Cuidado com e-mails com multas de trânsito da Autoridade Rodoviária

E-mails fraudulentos em nome da Autoridade Rodoviária A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) tem vindo a identificar, desde final do ano passado, a existência de vários emails fraudulentos enviados em nome deles, que notificam os cidadãos de um suposto...

O seu preço da eletricidade subiu e você não deu por nada? (VÍDEO)

Tem a certeza de que está a poupar na eletricidade? Eu diria - pela minha experiência - que milhares de vocês acham que estão a poupar na eletricidade por terem mudado uma vez para uma empresa mais barata, ou pensam que estão a poupar por se manterem na EDP "antiga",...

PODCAST | #44 – Exemplos reais (os meus) da importância de ter um fundo de emergência

Se não tivesse um Fundo de emergência agora estaria aflito Já lhe falei em vários episódios da importância de ter, antes de tudo o mais, um fundo de emergência. É a sua primeira rede financeira para o caso de lhe surgir um imprevisto na vida. No meu caso este mês...

Contribuintes têm até hoje para validar faturas no Portal das Finanças

Último aviso - Prazo para validar as faturas termina hoje à meia-noite Os contribuintes têm até hoje para validar e verificar as faturas de 2020 no Portal e-fatura e que vão servir de base no cálculo das deduções no IRS. Assim que passou a meia-noite passada o sistema...

Como baixar a sua fatura de eletricidade 70 euros este ano

Às vezes basta um telefonema para baixar a sua fatura de eletricidade Os portugueses queixam-se de que a eletricidade é muito cara, mas são poucos os que percebem como é que os preços são feitos e como são alterados ao longo do ano, muitas vezes sem se aperceberem. Um...

O que NUNCA deve fazer se está sem dinheiro para pagar as contas

A Deco recebeu 30.100 pedidos de ajuda da famílias sobre-endividadas em 2020 A DECO registou mais pedidos em 2020 do que em 2019, o que é perfeitamente explicável pela dura crise provocada pela pandemia da Covid-19. O desemprego aumentou, houve (e continua a haver)...

PPR | Mês #4 – Quanto estou a ganhar (ou a perder) com os meus PPR (Fevereiro 2021)

Fazer PPR como investimento? Muitas pessoas, ao longo de décadas, sempre pensaram que os PPR eram apenas para a reforma e que servia para ir buscar entre 300 ou 400 euros ao IRS pela dedução fiscal, ou para baixar o spread do crédito à habitação. Foi só há cerca de 2...

PODCAST | #43 – Devo fazer um Crédito à habitação em menos tempo e ficar a pagar mais?

Crédito à habitação - Pagar mais se posso pagar menos?! Este episódio é a continuação do episódio anterior do podcast. Um ouvinte comentou que poderia ser mais compensador "gozar a vida" em vez de tentar pagar o crédito à habitação em menos tempo. Até podia acontecer...

Quanto custa em eletricidade estar em teletrabalho? (Contas reais)

Medi quanto me custa (em eletricidade) estar em teletrabalho Não vou entrar na polémica de quem é que deve pagar as despesas: Se o trabalhador (que está em sua própria casa) ou a empresa. O meu objetivo é mesmo só fazer as contas. Pelo menos, assim sei quanto vou...

COMBUSTÍVEIS | Preços na próxima semana (22 a 28 de Fevereiro)

Preços dos combustíveis na semana que vem A informação dos preços dos combustíveis é baseada nos cálculos que têm em conta a cotação nos mercados internacionais e outros fatores que são considerados na formação do preço dos combustíveis em Portugal. São dados que...

Publicidade

Artigos relacionados

7 Comentários

  1. Marco Lopes

    Lá está… creditos a 40 ANOS… ainda por cima com spread disparatado… :\

    E nem sequer falam dos SEGUROS!

    Responder
  2. Orlando Lopes

    É complicado pedir emprestimo a habitação e pagar no menos tempo possivel pois tem tantas variantes mas este caso era de pensar pode ter reduzido a prestação em perto de 200 euros se os podia pagar bastava reduzir em 20 anos e pagar o mesmo que esta a pagar agora e pouparia mais uns 40 ou 50 mil pois pagava mais rapido e amortizava bem mais, alem de pagar menos juros.

    Responder
  3. Francisco Pera

    É possivel mudar o crédito habitação e manter o seguro de vida existente? Imagine-se a situação de uma doença rara descoberta anos depois de celebrar o crédito habitação.

    Responder
    • Pedro Andersson

      Não me parece. Acabando o crédito, termina esse seguro associado.

      Responder
  4. teresa cardoso

    Contraí emprestimo bancário na decada 1990 pergunto se nos emprestimos bancarios estava incluido um seguro de emprestimo nesse tempo …

    Responder
    • Pedro Andersson

      Olá Teresa. O que lhe respondeu o seu banco quando perguntou?

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Partilhe o Artigo!

Partilhe este artigo com os seus amigos.