Cuidado se precisar pedir um crédito para fazer obras em casa

Como conseguir o crédito mais barato para fazer obras em casa?

Muitos portugueses já perceberam que para pouparem energia e terem mais conforto em casa (alguém gosta de ver os filhos dizer que tiveram frio durante a noite?) por vezes é MESMO necessário fazer obras em casa.

As casas portuguesas são das mais ineficientes na Europa. Ou são demasiado frias no Inverno ou demasiado quentes no Verão. Foram décadas de má construção. As paredes não estão protegidas como deviam, as janelas e portas deixam fugir todo o calor que possa produzir em casa ou estão cheias de humidade. Ou então gastamos uma enormidade em eletricidade e gás para ter água quente quando podíamos com algum investimento ter água quente quase de graça se usarmos energias renováveis.

Ora, essas obras exigem investimento. E o Governo anunciou durante anos o famoso Programa Casa Eficiente 2020. Lembram-se de ter ouvido várias vezes este nome? Se não ouviram, vão ouvir agora.

Em Abril, o governo anunciou com pompa e circunstância um protocolo que ia permitir aos portugueses pedir dinheiro emprestado com juros bonificados que iria reduzir para metade ou quase as taxas de juro praticadas no mercado pelos bancos.

Isso dever-se-ia ao facto do BEI (Banco Europeu de Investimento colocar à disposição dos cidadãos 100 milhões de euros a juros próximos do zero. Os outros 100 milhões (no total são 200 milhões de euros) seriam disponibilizados pela banca “normal” portuguesa.

Logo, pela lógica, os bancos portugueses ganhariam “o deles” mas os clientes  teriam um desconto de metade nos juros por via do BEI. Sei de alguns cidadãos que adiaram as obras em casa à espera deste programa.

Desconfiado? Eu?

Ora, o que é que eu pensei? Nas semanas antes do programa ser anunciado, fui pedir simulações aos bancos para ver que juros estavam a praticar “normalmente”. E guardei essas simulações.

E agora que o Programa Casa Eficiente 2020 já está em vigor, fui novamente aos mesmos bancos pedir simulações com os juros BONIFICADOS. O resultado?

É o que vão ver na reportagem desta quarta-feira no Contas-poupança, no Jornal da Noite na SIC. Vou mostrar-lhe ponto por ponto como deve fazer para comparar entre propostas para escolher o melhor crédito para fazer obras. E quem tem, surpreendentemente, alguns dos preços mais baratos.

Mostro também como deve fazer a candidatura se quiser candidatar-se ao Programa Casa Eficiente 2020.

Mas, mais importante, as dicas que vai ver aplicam-se a QUALQUER crédito que peça no futuro: Habitação, Automóvel, Pessoal, etc. Nunca mais se deixe enganar pelas simulações de spread dos bancos.

Está lá tudo nos papéis, só tem de saber que linhas deve ler.

Só lhe digo que aquilo que suspeitava desde o início se comprovou…

Conto consigo (mais uma vez) para sermos consumidores cada vez mais bem informados e a sabermos (finalmente) para onde vai o nosso dinheiro e a dizer “Não” quando é preciso.

Até logo, no Jornal da Noite na SIC.

Acompanhe-nos AQUI

NOVO LIVRO “CONTAS-POUPANÇA”

34 dicas para poupar muito mais e fazer crescer o seu dinheiro em 2018.

É um livro que se paga a ele próprio apenas com uma dica.

Registe-se AQUI para receber a Newsletter do Contas-poupança.

(Todas as dicas da semana num só e-mail).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *