Painel solar fotovoltaico – Balanço do 5º mês

Mês 5 – Abril 2017

E chegámos a Abril. Os dias são maiores e a produção do painel solar de 250 W continua a aumentar, como previsto.

Como podem ver no gráfico abaixo quase todos os dias o painel solar produziu 1,5 kWh ou um pouco mais. Para que este valor faça sentido, significa que com esta produção poderia usar um aspirador durante uma hora de graça ou ter a TV ligada durante todo o dia e ainda sobravam um watts para mais qualquer coisa. Não é uma poupança gigantesca mas ao longo de milhares de dias ajuda para o “montinho”.

E quanto produz por mês?

Depois de 3 meses miseráveis (Dezembro, Janeiro e Fevereiro), o painel solar já começa a produzir alguma eletricidade que se veja. Em Abril produziu (como podem ver abaixo) 45,798 kWh. Ou seja, se tivesse gasto tudo o que o painel produziu (que não foi o caso) teria tido uma poupança de 9,12 € (a cerca de 0,20 €/kWh).

Quanto tempo para amortizar o painel solar?

Como sei que estão sempre a fazer esta crítica, relembro mais uma vez que sei muito bem que não estou a poupar tudo o que o painel solar produz. Como não tenho baterias, tudo o que não consumo instantaneamente é oferecido à rede sem qualquer retorno. Mas faço as contas com este total para que cada um possa usar estes valores para adaptarem ao vosso caso. Eu não sei se gastam ou não o mesmo que eu. Sempre que saio de casa desligo tudinho, pelo que durante o dia sobra sempre muita energia produzida pelo painel.

Posto isto, estas são as contas de Abril:

Dos 11 anos de retorno iniciais para pagar os 620 euros que investi, desceu dos 9,6 anos em Março, para uma média de 8,4 anos em Abril. Espero que continue a baixar. Vamos ver.

Podem ver aqui os artigos anteriores (mês 1, mês 2, mês 3, mês 4,  a instalação).

Acompanhem aqui no Blogue e no Facebook esta pequena aventura fotovoltaica.

Façam as contas antes de comprar

Se estão a pensar comprar um painel solar, têm de fazer primeiro as contas a que aparelhos estão SEMPRE ligados durante o dia (quando não estão em casa) para avaliar se vos compensa ou não. No dia 1 de maio a produção do painel teve este comportamento que está no gráfico abaixo.

Faça as contas primeiro

Entre as 9 da manhã e as 6 da tarde produz um mínimo de 100 W, mas entre as 11h30 e as 15h30 produz 200 W ou mais.

Isto quer dizer que se só deixarem ligado em toda a casa o frigorífico e uma arca congeladora, por exemplo, o que o painel produz chega e sobra (muito). Logo a amortização do painel vai demorar mais tempo do que os cálculos que vou apresentando aqui.

Por outro lado, se fizerem as contas e concluírem que a vossa casa está sempre a gastar mais de 200 W em permanência (um PC sempre ligado – com um servidor por exemplo – um aquecimento de qualquer coisa, vários standby sempre ligados, um aquário com motores associados ou com aquecimento/iluminação, um frigorífico americano ou uma arca congeladora mais antiga, então se calhar têm de ponderar é a compra de 2 painéis. Façam sempre esta conta antes de se meterem nesta “aventura”.

NOTA: A queda a pique às 18 horas é por causa da chaminé de um vizinho que agora mais perto do Verão começa a tapar parte do painel. Falo dessa minha “asneira” AQUI.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *