Painel solar: Quanto está a produzir?

A primeira semana

Para os que têm curiosidade em acompanhar a minha “experiência” com o painel solar já tenho alguns dados da primeira semana de produção.

Em primeiro lugar, foi bom porque houve dias péssimos com chuva e sem sol e já dois dias magníficos com sol.  Já dá para perceber o melhor e o pior.

Como podem ver abaixo, o dia 1 de dezembro, dia chuvoso, produziu apenas 24 cêntimos de eletricidade. O dia 2 de dezembro, foi ainda pior, só produziu 22 cêntimos.

20 cêntimos por dia?

O quê? Estamos a falar de valores tão baixos? Sim. Se estava à espera de mais pode já desistir da ideia. Mas pense duas vezes: 0,24 € x 365 dias são 87,60 €. Ora isso é exatamente o que eu estou à espera de poupar com 1 painel de 250 W por ano. E isto seria partindo do princípio que chovia todos os dias do ano. Como sabemos, vivemos num país maravilhoso cheio de sol. Portanto, saber isto aumentou as minhas expectativas.

20161204_132912.png

O gráfico de um dia de sol

Chegámos assim ao primeiro dia de sol “completo” que registei com o medidor de eletricidade ligado ao painel. Começou a produzir às 8 da manhã e terminou por volta das 17h00.

painel-dia-6-dez-2

Autosuficiente durante algumas horas

Como podem ver no registo dos consumos da casa, entre as 9h30 e as 16h00 só houve praticamente 3 momentos em que “comprei” eletricidade à EDP. O dia cheio de sol em dezembro produziu 0,36 € de eletricidade. Mais uma vez, exagerando, se fosse assim todos os dias do ano, o painel ajudar-me-ia a poupar 131, 40 € por ano. Claro que nunca será assim porque há nuvens a passar e dias de chuva.

painel-dia-6-dez

Vamos a contas.

Fazendo uma média entre o pior dia e o melhor dia, o painel nesta primeira semana produziu 0,29 € por dia que consumi praticamente na totalidade. Tudo o que produzi em excesso “ofereci” à EDP e ela vendeu a minha eletricidade a muitos de vocês que estão a ler este artigo. É a vida…

Será que vou poupar 100 € por ano?

0,29 € x 365 dias dá 105,85 €. Como o painel custou 487 € (com o que gastei na instalação e em material que quis gastar para ficar tudo bonitinho na arrecadação – opcional – ficou em 600 euros). Portanto, pelas minhas contas, o painel estará pago em cerca de 5 anos e meio e terei mais 20 anos a fazer-me poupar cerca de 100 euros por ano.

Mas já sei que me vão dizer: “Pois, mas tem aí momentos em que não aproveitou todo o consumo… logo a poupança não é essa que está a dizer”. Certo, mas há momentos em que eu ou a minha mulher estamos em casa durante o dia durante a semana e ao fim de semana e haverá dias em que a produção será ainda maior com a aproximação do verão.

A verdade é que ainda é cedo para fazer as contas exatamente ao que estou a poupar. Mas para já são estas as contas que fiz até ao momento. Estou disponível para irmos fazendo estas contas em conjunto e sobretudo com quem sabe mais do que eu.

Estou simplesmente a divertir-me com isto e a querer poupar, como é óbvio. Estou a tentar ser o mais rigoroso possível dentro dos conhecimentos (de consumidor) que tenho e com os dados de que disponho.



3 comentários em “Painel solar: Quanto está a produzir?

  1. Filipe Oliveira Reply

    Muita gente acha que não compensa, mas dificilmente se encontram investimentos com uma TIR tão elevada como no solar ( não contando com investimentos de alto risco)

  2. pedro carvalho Reply

    Ok descobri. Sim os contadores epdbox inovgrid smart energy grid sao bidirecionais. Pecam para alterar os vossos.

  3. pedro carvalho Reply

    Ola. Sim as contas estão bem e não vão ser muito diferentes mas existe um se não que é a quando injectar na rede oque não consumir se o contador nao for bidirecional o mesmo vai contar como consumo. Assim que poder envio essa informaçao oque estou a falar. Mas sim as contas sao essas.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *