Mini-dica: Como saber se tem uma fuga de água desconhecida

Muitos portugueses vão agora passar uma ou duas (ou mais) semanas de férias fora de casa. Aproveite para saber se tem alguma fuga desconhecida na sua rede de canalização.

Se for esse o seu caso, antes de sair de casa tome nota do valor que está no seu contador de água (se não fechar o contador, obviamente, ou mesmo fechando) ou tire uma fotografia. Quando voltar, antes de entrar em casa e abrir qualquer torneira, verifique se o valor é exatamente igual. Se não for é porque tem uma fuga algures no sistema que lhe está a consumir água todo o ano sem saber. Se registar alguma diferença pode ter a noção pelos litros que consumiu na sua ausência da amplitude da fuga e pode corrigi-la. É só uma dica. Se já o fazem, ignorem.

Boas férias!

contador 2

Já se registou aqui na página? Não perca nenhuma dica ao longo do ano.

O programa regressa em Setembro.



Um comentário em “Mini-dica: Como saber se tem uma fuga de água desconhecida

  1. Emanuel Reply

    Caro Pedro,

    Recebi uma carta da Adra – Aguas da Região de Aveiro – a avisar-me de que iriam fazer a substituição preventiva do contador. Num parágrafo mais à frente informam: “Durante a substituição do contador – a Adra – verificará gratuitamente o estado da rede predial e respectivos acessórios visiveis e instalados a seguir ao contador. Se alguma anomalia for detectada e for necessário substituir algum componente da rede predial, nomeadamente a válvula situada depois do contador, a Adra procederá à sua substituição e ao seu débito numa próxima fatura. O custo máximo será de 15 €.”.
    Nem de propósito. Hoje vieram mudar o contador e deixaram a comunicação de que iriam faturar a dita válvula.
    Pergunto: terei mesmo de pagar esta válvula? Eles é que entendem mudar o contador e eu é que tenho de pagar a válvula? Não será que isto cheira a “esturro”.? Já imaginaram se fizerem isto a todos os clientes, o dinheirão que vão arrecadar? E onde está a válvula velha? Afinal, o contador não é deles? É legal? Obrigado! Emanuel

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *